Noronha e Furtado Coêlho na Conferência do Brics

O presidente do STJ, ministro João Otávio Noronha, o ex-presidente nacional da OAB, Marcus Vinicius Furtado Coêlho e o ouvidor geral adjunto do Conselho Federal da OAB, Rodrigo Badaró Castro, estão em Moscou participando de Conferência do BRICS sobre livre concorrência, que é o agrupamento formado por cinco grandes países emergentes – Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. Juntos, eles representam cerca de 42% da população, 23% do PIB, 30% do território e 18% do comércio mundial. A Conferência do Brics se estenderá até sexta-feira (20) . 

O ex-presidente nacional da OAB Nacional, Marcus Vinicius Furtado Coêlho, disse, hoje, na capital soviética, que o evento demonstra a importância dos Brics para o equilíbrio mundial, buscando a integração para a melhoria da vida de nossos povos.

“Somos a metade da população mundial e juntos ocupamos uma importância política e econômica de relevo no cenário global”, afirmou o advogado. Ele destacou a importância do presidente do CADE, Alexandre Barreto, na liderança da defesa da livre concorrência no âmbito dos Brics. São palestrantes do evento, além de Marcus Vinicius e Barreto, o presidente do STJ Joao Otavio Noronha e o advogado Rodrigo Badaró.

Segundo Badaró, o evento está sendo fantástico. “O presidente do CADE promoveu palestra fabulosa, e atual, inclusive fazendo uma análise dos aspectos econômicos e as novas Leis brasileiras. O prestígio do Brasil no Brics é enorme e deve ser explorado, sendo o presente evento uma grande oportunidade de mostrarmos nossa capacidade de organização, transparência e força econômica”.

Publicado em: 18/09/2019