Coluna deste sabadão na Folha

PSB foi bem mais duro

A cúpula do PSB foi mais implacável com os deputados rebeldes, dez ao todo, do que se previa. Apurei que a tendência dos que tiveram direito a voto era suavizar a pena, com apenas uma advertência. Estava no caminho errado.

Foram muito mais além: expulsaram um dos infiéis e suspenderam por um ano o mandato dos nove restantes. Na prática, nenhum deles ficará com autonomia para parlamentar, sua missão congressual dada pelo povo nas urnas. Ficam sem autoridade para ocupar comissões, falar em plenário em nome do PSB e serem indicados pelo líder Tadeu Alencar para qualquer relatoria em comissões na Casa.

Vai adiantar ficar no partido? De jeito nenhum, mas os nove estão no mato sem cachorro, se ficar o bicho pega, se correr o bicho come. Resumo da ópera: cortaram as pernas dos que se julgavam independentes e não queriam bater continência para o comando partidário.

Nesta votação, até o prefeito Geraldo Júlio, que chegou a afirmar que ninguém seria expulso, teve um choque de realidade diante da recomendação do Conselho de Ética.

Sinuca de bico – Dentre os nove deputados que tiveram seus mandatos suspensos por um ano, o pernambucano Felipe Carreras é o que sai mais atingido. De nada adiantaram as solidariedades expressas de tantos pesos pesados do partido, implorando para que não sofresse nenhum tipo de punição. Como ficará Felipe, é a pergunta que será mais ouvida a partir de agora.

Greve – Se depender das lideranças dos caminhoneiros autônomos de Pernambuco, a categoria cruza os braços na próxima quarta-feira em repúdio à decisão do STF, que suspendeu a votação da constitucionalidade da tabela que prevê pisos mínimos para o frete. A categoria considerava fundamental a posição do Supremo, diante do impasse nas negociações com o Governo.

No páreo – Florestano bebedor da água do Riacho do Navio, decantado por Luiz Gonzaga, o secretário da Casa Civil da Prefeitura do Recife, João Guilherme Ferraz, nega que o seu grupo político em Floresta tenha rifado o projeto de reeleição do prefeito Ricardo Ferraz (PRP). “Ao contrário do que foi divulgado, o prefeito tem gestão aprovada e será reeleito”, diz ele.

Quem tem razão? – O deputado Fernando Rodolfo (PP) comprou uma briga com o prefeito de Ipubi, Chico Siqueira (PSB). Postou nas redes sociais um vídeo denunciando a falta de produtos que estariam na lista da merenda escolar e recebeu o rebate imediato do prefeito, que o acusou de má fé.

Fantasma – Carpina virou território para pesquisas sem credibilidade. Depois que tive acesso a um levantamento da Plural, instituto creditado nos municípios, uma pesquisa fantasma foi divulgada dando o oposto do resultado. Ao invés de apontar Joaquim Lapa na frente, puxou o prefeito Botafogo.

PROGRAMA – A prefeita de Caruaru, Raquel Lyra (PSDB), foi a principal entrevistada do Frente a Frente, programa que apresento pela Rede Nordeste de Rádio, tendo, ontem, como cabeça de rede, a Rádio Cultura do Nordeste, que fez a sua avant première em prefixo FM na comemoração dos seus 61 anos.

Perguntar não ofende: o PDT também vai suspender o mandato de Tábata por um ano?

Publicado em: 30/08/2019