Líder Amoêdo questiona “benefícios” para o PSL

João Amoêdo, que concorreu contra Jair Bolsonaro nas eleições do ano passado, flagrou um “benefício” para o PSL, partido do presidente. O candidato do Novo no pleito de 2018 fotografou um caminhão da sigla no meio da Avenida Atlântica, no Rio, servindo como base para quem quiser se filiar ao partido. “Fiquei imaginando se os outros 32 partidos pudessem e resolvessem fazer a mesma coisa”, questionou Amoêdo.

Saí para correr e olha o que encontrei na Av. Atlântica: um caminhão de filiação do PSL no meio da rua e com proteção da prefeitura.

Fiquei imaginando se os outros 32 partidos pudessem e resolvessem fazer a mesma coisa.

Enquanto isso, a Consultoria Legislativa do Senado emitiu um parecer apontando que a indicação de Eduardo Bolsonaro para o cargo de embaixador brasileiro nos EUA seria nepotismo. O parecer, assinado pelos consultores Renato Monteiro de Rezende e Tarciso Dal Maso Jardim no dia 13 de agosto, argumenta que o posto de embaixador é um cargo comissionado comum e não político, como seria a indicação como ministro.  (Estadão – BR 18)

Publicado em: 18/08/2019