Coluna desta segunda na Folha

Bolsonaro: 3º presidente hostil

Três governadores de Pernambuco tiveram o infortúnio da falta de alinhamento com o Governo Central: Roberto Magalhães, Miguel Arraes e Paulo Câmara. O primeiro foi retaliado por João Figueiredo depois que integrou o movimento em apoio a Tancredo Neves, candidato de consensual de centro-esquerda escolhido para enfrentar Maluf em 84.

Arraes pegou de proa Sarney e Fernando Henrique Cardoso, este só mandava as migalhas para o Estado via Marco Maciel, seu vice em dois mandatos. A era mais complicada sobrou para Câmara. Eleito em 2014, governou com a azedume Dilma, que era do mesmo time de Eduardo Campos, mas deste perdeu apoio quando ele lançou-se candidato ao Planalto.

Em seguida, veio Temer, que abria os cofres através do senador Fernando Bezerra. Por fim, Bolsonaro. Da mesma forma governa com FBC. O enfretamento é compreensível em todos os Estados, mas quem paga o danoso sacrifício é o Estado.

Pimenta no cardápio – A orelha do presidente Bolsonaro vai arder, hoje, em Salvador. Governadores do Nordeste têm encontro para discutir, teoricamente, um consórcio para região, mas o que deve render mesmo é a declaração de guerra que o anfitrião Rui Costa (PT) fez ao chefe da Nação ao negar segurança da Polícia Militar baiana à sua comitiva em Vitória da Conquista, terça-feira passada.

É para valer – O líder do PSD na Câmara, André de Paula, está de fato inclinado a disputar a Prefeitura do Recife. Foi o que reafirmou em entrevista ao radialista Alberes Lopes, de Taquaritinga do Norte, no último fim de semana. Candidatura própria é recomendação expressa do presidente nacional da legenda, Gilberto Kassab, que estará no Recife na próxima sexta.

Esclarecimento – Sobre a nota da buraqueira na PE-265, no Moxotó, a secretária de Infraestrutura, Fernandha Batista, garante que as obras de restauração começam no próximo mês, com previsão de conclusão em outubro. Esclarece que prepara projeto de requalificação de 52 km, ao custo de R$ 3 milhões. A estrada liga Placas a Sertânia, chegando à divisa da PB.

Boa referência – Meu irmão Marcelo Martins, topógrafo, fez uma pequena intervenção no Hospital dos Servidores do Estado e saiu de lá impressionado com o bom estado da unidade hospitalar, o excelente atendimento e o tratamento dado pela direção e toda equipe do médico Dimas Antunes.

Até quando? – A estrada de Aldeia virou um inferno para quem mora principalmente no KM-15. Além de esburacada, com as chuvas ficou sem acostamento. Neste fim de semana caiu uma árvore nas proximidades do trecho e até agora não apareceu sequer uma alma vida do Governo para retirá-la.

COXINHA – Quando governador, Joaquim Francisco dizia que gestor que vai a um estádio corre 99,9% de risco de levar uma vaia. “É como ir a baile de fome fantasiado de coxinha de galinha”, brincava. Tem razão. Vejam os vídeos da estrondosa vaia levada por Bolsonaro no jogo Palmeiras X Vasco.

Perguntar não ofende: Kassab chega ao Recife na sexta para confirmar a candidatura de André de Paula a prefeito do Recife?

Publicado em: 28/07/2019