Bruna Surfistinha: autores “por aqui” com Bolsonaro

Produtores que trabalharam em “Bruna Surfistinha” ficaram indignados com declaração de Jair Bolsonaro desta quinta.

O presidente disse que não usaria dinheiro da Ancine para fazer este filme, que relata a vida de uma menina de classe média que deixou os pais adotivos e se tornou prostituta.

Quem trabalhou na película lembra que ela gerou centenas de emprego, e que a série, gravada após o filme, foi uma das mais vistas na América Latina —e está na quarta temporada.

“Bruna Surfistinha” teve mais de 2 milhões de espectadores, a segunda maior bilheteria de 2011.  (Daniela Lima – FSP)

Publicado em: 19/07/2019