Nossa telefonia é aberta a fraudes

O senador Alessandro Vieira (Cidadania-SE) é delegado e especialista em crimes cibernéticos.

Em entrevista ao blog ele explica que a grande maioria de casos de roubo de dados de celulares, como o que provavelmente ocorreu com a força-tarefa da Lava Jato, decorrem do descuido do próprio usuário com o aparelho, ou pela chamada "engenharia social", em que a vítima acaba fornecendo os dados. Clique aqui e confira a matéria do jornalista Tales Faria na íntegra.

Publicado em: 13/06/2019