Nas ruas: Moro e Guedes exaltados, Maia na berlinda

Os protestos deste domingo tiveram cartazes, faixas e palavras de ordem em prol, além de Jair Bolsonaro, dos ministros Sérgio Moro e Paulo Guedes, com a defesa de pautas das pastas de ambos. Moro foi inclusive representado como o Super-Homem com um boneco inflável gigante levado à frente do Congresso.

Do outro lado, o presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), foi apresentado como o maior vilão, aquele a encarnar a suposta sabotagem do Centrão à pauta do governo. De novo a representação foi literal: Maia foi também transformado em “pixuleco”, vestido como um menino com um pirulito na mão e uma camisa do Botafogo (numa defesa ao seu time e apelido com que é conhecido na planilha da Odebrecht). (Vera Magalhães –Estadão) 

Publicado em: 27/05/2019