Bezerra Coelho quer mais tempo para Senado votar MPs

O líder do governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho, comemorou a aprovação da MP das aéreas pelo plenário da Casa Legislativa. Mas fez uma ressalva.

“Hoje, o Senado é praticamente obrigado a homologar as decisões da Câmara”, reclamou.

Os deputados aprovaram a MP das aéreas na noite da última terça-feira, um dia antes da MP caducar, forçando o Senado a votar o texto sem nenhuma alteração. Isso faria o projeto voltar para a Câmara e caducar.

Dentre as medidas polêmicas que acabaram homologadas pelo Senado está a volta da franquia mínima de bagagens.

Rodrigo Maia prometeu colocar na pauta da próxima semana a PEC que aumenta o prazo para o Senado votar MPs. (Estadão – BR 18)

Publicado em: 23/05/2019