Escolha de tucano para a reforma irrita o partido

A escolha do deputado Samuel Moreira (PSDB-SP) para a relatoria da reforma da Previdência na Câmara provocou desconforto em ala do partido. Ele foi chefe da Casa Civil de São Paulo na gestão Geraldo Alckmin. O ex-presidenciável, que deixa em breve a direção do PSDB, era contra o embarque da sigla na empreitada.

Na quarta (24), a executiva do PSDB fez reunião em Brasília e, segundo relatos, Alckmin deixou o local convencido de que nenhum tucano teria papel de destaque na tramitação da Previdência. A escolha de Moreira foi vista por deputados de outros partidos como um aceno de Maia ao atual governador de SP, João Doria (PSDB).  (Painel – FSP)

Publicado em: 26/04/2019