Governo convicto de votação na CCJ

Qualquer outro resultado que não seja a aprovação, hoje, da reforma da Previdência na CCJ da Câmara será não só mais uma derrota, mas uma surpresa completa para o governo.

Uma rodada matinal de checagem de expectativa tanto na equipe econômica quanto no Planalto mostra convicção de que a reforma encerra hoje – com mais de um mês de atraso em relação ao cronograma inicial – sua primeira etapa de tramitação no Congresso.

Publicado em: 23/04/2019