João de Deus temia agressão de companheiros de cela

Mônica Bergamo - Folha de S.Paulo

A ideia de fuga sempre foi descartada mesmo pelos seguidores mais fiéis

Uma das maiores preocupações de João de Deus antes de ser preso era com o local em que ficaria recolhido. Acusado de estupro, ele temia alguma retaliação física de eventuais companheiros de cela.

Logo depois de preso, o médium foi levado para o Complexo Penitenciário de Aparecida de Goiânia. Dividiu a cela com três presos que são advogados. Ficará isolado de detentos considerados de maior periculosidade.

A ideia de fuga sempre foi descartada mesmo pelos seguidores mais fiéis. A idade avançada que faz com que ele caminhe lentamente, por exemplo, os problemas de saúde e a enorme fama do médium tornavam qualquer iniciativa impossível de ser concretizada, na visão da maioria do núcleo mais íntimo dele.

Publicado em: 10/01/2019