Paulo: “A festa do Morro é um momento para agradecer e pedir pelo nosso povo”

Mantendo a tradição de subir o Morro da Conceição todos os anos, no mês de dezembro, para agradecer e homenagear a santa que dá nome ao local, o governador Paulo Câmara e a primeira-dama Ana Luiza dedicaram a manhã de hoje, para participar de Missa no Santuário de Nossa Senhora da Imaculada Conceição, no bairro de Casa Amarela, Zona Norte do Recife.

A solenidade, presidida pelo padre Renato Azevedo, integrou a programação do 8º dia do novenário, que se encerra no próximo sábado, 8 de dezembro, dia dedicado à Nossa Senhora da Conceição em todo o mundo. Com o tema: "Somos Igreja do amor que nasceu de Ti", a festividade chega, este ano, à sua 114ª edição.

"Para todo pernambucano, recifense, os devotos de Nossa Senhora da Conceição, essa época é um momento importante, de vir agradecer a Deus pelo ano e pedir energias para os próximos. Para que o Brasil volte a crescer e gerar emprego. Isso é o que a gente está precisando aqui, em Pernambuco, gerar muito emprego para que a população tenha condições melhores de vida, e possamos oferecer melhores serviços", destacou o governador.

Paulo ainda ressaltou a importância da fé e da esperança na construção de um futuro melhor e mais igual para todos. "A festa do Morro é um momento para agradecer e pedir pelo nosso povo. Temos muito o que fazer, mas sabemos que com o apoio do povo, com o apoio de Deus e de Nossa Senhora da Conceição, vamos continuar superando os desafios", cravou.

O presidente da celebração e pároco do Santuário, padre Renato Azevedo, contou que a participação dos fieis tem sido cada vez maior. "A Igreja no Brasil dedicou 2018 para o Ano do Laicato, que são todos os leigos, todos os batizados na Igreja. Então o tema da festa deste ano homenageia e valoriza todos os leigos, todas as pessoas, todos os voluntários que se envolvem, afirmando sempre que eles são os protagonistas, são a representação da Igreja, do amor de Jesus Cristo que nasce de Nossa Senhora", disse.

E completou: "A festa, como a gente costuma dizer aqui, está toda redondinha. A Prefeitura e o Governo do Estado fazendo um trabalho belíssimo, nos ajudando na festa, com segurança, com limpeza e com controle urbano. Então está tudo muito arrumadinho, tudo muito bonito. E chegando sempre mais devotos. Esperamos chegar a 1,7 milhão pessoas até o final da programação".

Publicado em: 06/12/2018