Áreas de Olinda já estão com abastecimento de água 24h

Várias áreas dos bairros de Jardim Atlântico, Casa Caiada e Jardim Fragoso, em Olinda, que juntas somam quase 26 mil pessoas, já estão livres do racionamento, ou seja, contam com o abastecimento de água durante 24 horas. Essa melhoria do fornecimento de água foi alcançada graças ao projeto Olinda+Água, a maior obra de abastecimento em execução na Região Metropolitana do Recife. Agora, boa parte de Casa Caiada já conta com fornecimento de água todos os dias: a região limitada pelas ruas Alcina Coelho de Carvalho e Eduardo de Moraes, o Canal do Fragoso e a orla.

Esse distrito (Setor 16) ainda inclui uma área do bairro de Jardim Fragoso que fica situada entre as ruas Alcina Coelho de Carvalho, Humberto de Lima Mendes, Artur Serpa e Caviúna. Em Jardim Atlântico, a área limitada pelas ruas Cala dos Pântanos, Alexandria, Escritor Ramos de Almeida e a Avenida Nápoles, também conta com atendimento contínuo após a entrada do novo sistema de abastecimento pelo Centro de Reservação de Perijucã – construído em Jardim Atlântico, com a capacidade para armazenar 12 milhões de litros de água.

As demais localidades nos bairros contemplados na primeira etapa do Olinda+Água, Rio Doce e Jardim Atlântico, passaram a ser atendidas por meio de um calendário que prevê três dias com água e três dias sem o abastecimento, uma melhoria significativa se comparar com o regime praticado antes do projeto, em 2017 – que era de um dia com água para cinco dias sem. Ao todo, o Olinda+Água vai beneficiar 250 mil olindenses, o que corresponde a mais da metade da população da cidade.

As obras foram visitadas, inclusive, pelo governador Paulo Câmara em julho do ano passado.  O investimento é da ordem de R$ 134 milhões, recursos financiados junto ao Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento (BIRD), e a meta do projeto é eliminar o racionamento de água em 15 bairros da cidade, de forma gradativa, até março de 2021, quando o Olinda+Água terá todas etapas finalizadas.

Também já iniciaram as obras da terceira fase do projeto, que abrangem os bairros do Sítio Histórico da cidade: Monte, Guadalupe, Bonsucesso, Amaro Branco, Carmo, Varadouro, Santa Tereza e parte dos Bultrins. Os serviços de implantação de rede de distribuição são executados no bairro do Monte, nas ruas Córrego do Monte, Irmã Gertrudes de Alencar, Sargento Carlos Pimentel, Engenheiro José Borges de Souza, na Avenida da Saudade, e Travessa São Francisco.Somente na terceira etapa está previsto o assentamento de mais de 25 quilômetros de tubulações, além da implantação de 11 válvulas e 11 macromedidores.

O projeto Olinda+ Água está melhorando o abastecimento de água para a população utilizando a mesma vazão de água que já possuía no sistema. O grande ganho é obtido pelas ações de setorização previstas no projeto, que permitem aumentar a eficiência do controle operacional do sistema por meio de trocas de tubulações, e implantação de dispositivos e tecnologias na rede.

Além desse grande investimento, a Compesa deve iniciar outra obra nos próximos dias, que é uma nova adutora partindo da Estação de Alto do Céu, em Beberibe, que reforçará ainda mais o abastecimento da cidade. “Iremos agendar com o prefeito Lupércio para virmos ainda neste mês dar mais uma ordem de serviço para mais uma obra em Olinda”, destacou o presidente da Compesa, Roberto Tavares.

Publicado em: 10/08/2018