Secretários destacam importância do “Juventude Presente”

Foto: Celso Araújo

O secretário de Desenvolvimento Social, Criança e Juventude, Cloves Benevides, faz questão de ressaltar a importância do programa “Juventude Presente” para melhorar a condição de vida dos jovens em situação de vulnerabilidade juvenil, no Estado. De acordo com ele, a parceria firmada no fim de maio entre o projeto Juventude Presente, integrante do programa “Governo Presente”, e a iniciativa privada, que oferece 15 mil vagas de cursos profissionalizantes para jovens entre 15 e 29 anos, trará muitos benefícios para essa parcela da população.

Cloves alega que a iniciativa visa promover a prevenção social qualificada, com superação das vulnerabilidades indutoras de violência e da criminalidade. O “Juventude Presente” é executado pela Secretaria Executiva de Articulação Social – SEART.

Para conseguir uma vaga dos cursos ofertados, é necessário que os jovens sejam residentes dos territórios especiais de cidadania de atuação das estações do Governo Presente, com atenção especial para aqueles que se encontram no perfil delimitado no Índice de Vulnerabilidade Juvenil – IVJ e Universos Prioritários.

"O objetivo principal da iniciativa é oferecer ao público-alvo cursos de capacitação como ferramentas de transformação e superação profissional, promover a inserção produtiva do público-alvo, assim como fomentar a inclusão social e acesso ao mercado de trabalho. São ganhos que contribuirão para o futuro desses jovens. É uma oportunidade de eles ingressarem no mercado, se capacitarem e exercerem uma profissão", destacou Cloves Benevides

Já a secretária executiva de Articulação Social, Mileane Aguiar, destacou a importância do Juventude Presente para o ingresso dos jovens em situação de vulnerabilidade juvenil no mercado de trabalho. "O Juventude Presente é uma importante estratégia de prevenção social à criminalidade e à violência, no Estado com enfoque nos jovens que se encontram em situação de vulnerabilidade, proporcionando capacitação profissional como fator de proteção à vida", ressaltou.

As aulas serão ministradas nas diversas unidades das instituições de ensino parceiras. Para mais informações, os interessados deverão entrar em contato com a Seart (Secretaria Executiva de Articulação Social) pelo fone:(81) 3183.0737/ 3183.0720 e pelo site: www.sdscj.pe.gov.br.

Publicado em: 14/06/2018