Coluna da sexta-feira

Gasolina ainda mais cara nas refinarias

A Petrobras anunciou, ontem, mais um aumento de 1,7% no preço da gasolina e alta de 1,1% no preço do diesel, comercializados nas refinarias. Os reajustes serão válidos a partir de hoje. Na quarta-feira, a estatal corrigiu em 0,9% no preço do diesel e manteve estabilidade no preço da gasolina. Desde o início da nova metodologia, a gasolina acumula alta de 29,54% e o diesel, valorização de 25,42%.

A Petrobras adotou uma nova política de reajuste de preços a partir do dia 3 de julho, em que as correções acompanham o movimento do mercado internacionais e ocorrem diariamente.

O reajuste se refere aos preços para as refinarias. O repasse ou não do aumento para o consumidor final depende dos postos de combustíveis. De acordo com o Conselho Nacional de Política Fazendária, a gasolina mais cara no Brasil é a do Acre, seguido de Minas Gerais e Rio de Janeiro. Pernambuco está em 11º lugar no ranking

Segundo os sindicatos que abrangem os proprietários dos postos de combustível, os altos preços são reflexos da alta do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS), além da mudança na política de reajustes da Petrobras.

Governo mantem foco no abastecimento – O governador Paulo Câmara cumpre, hoje, uma intensa agenda no Agreste Central e Agreste Setentrional, com foco em obras que aumentarão a oferta de água na região. O primeiro compromisso inicia às 8h30, com a inauguração do trecho Lajes-Toritama da Adutora do Agreste. Na sequência, o governador segue para Caruaru, onde realiza uma visita de inauguração da ampliação da Estação de Tratamento de Água do Salgado. Em Riacho das Almas, será iniciada a pré-operação da inversão da Adutora de Jucazinho, reestabelecendo o abastecimento de água no município. O governador finaliza a agenda seguindo para as cidades de Cumaru e Passira, onde também serão acionados a inversão da Adutora de Jucazinho para o início da pré-operação que visa o restabelecimento do abastecimento de água nos dois municípios.

Terminal de Triunfo reformado – Em visita ao Sertão do Pajeú, ontem, o governador Paulo Câmara entregou o novo Terminal Rodoviário de Triunfo, antigo anseio da população local. Com 2,1 mil metros quadrados de área construída, o equipamento contará com uma estrutura de acesso universal, com rampas de acessibilidade e banheiros adaptados; além de comportar boxes comerciais e cantina. Localizada na Avenida Olavo Gomes de Oliveira, às margens da PE 365, a rodoviária contou com um aporte de R$ 1.650.000,00 do tesouro estadual, beneficiando mais de 15 mil triunfenses e turistas. A expectativa é que circulem no local mais de cinco mil passageiros por ano.

Olinda recebe R$ 50 milhões para infraestrutura – A Prefeitura de Olinda, através do deputado federal Augusto Coutinho (SD), destravou, junto ao Ministério das Cidades, um convênio de 2012, no valor R$ 50 milhões. Os recursos serão destinados a obras de contenção de encostas em 90 áreas de risco alto e muito alto na periferia do município. A gestão atual já havia cumprido todos os estudos técnicos perante a Caixa Econômica Federal desde o primeiro semestre de 2017. Na mesma reunião, realizada ontem, a Prefeitura também conseguiu por meio de emenda do parlamentar o montante de R$ 1.574,000 para obras infraestrutura na cidade de Olinda.

PT entra com representação contra Marun – A bancada do PT na Câmara informou, ontem, que entrou com representação criminal na Procuradoria Geral da República (PGR) contra o ministro da Secretaria de Governo, Carlos Marun, após ele ter declarado que espera apoio à Reforma da Previdência dos governadores que receberem financiamentos federais. Na última terça-feira, em entrevista coletiva, o ministro afirmou que governadores interessados em receber recursos federais terão que ajudar o Palácio do Planalto a conseguir o apoio necessário junto aos deputados para aprovar a proposta. A declaração dele teve repercussão negativa e, em reação, um grupo de governadores do Nordeste enviou uma carta pública ao presidente Michel Temer com críticas ao que consideraram ser uma pressão por parte de Marun.

Guardiã da constituição – A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, afirmou, ontem, que a decisão da ministra Cármen Lúcia, presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), de acatar o pedido da PGR e suspender trechos do decreto do Indulto de Natal impede a violação de princípios como o da separação dos poderes, da individualização da pena e da vedação constitucional para que o Poder Executivo legisle sobre direito penal. Para a procuradora, a decisão também restabelece o propósito do instrumento do indulto. Na decisão, Cármen afirmou que o indulto (perdão de pena) não é nem pode ser instrumento de impunidade, nem “prêmio ao criminoso nem tolerância ao crime”. Após a decisão da presidente do Supremo, Raquel ressaltou a importância de defender a Constituição, afirmando que Cármen “agiu como guardiã da Carta constitucional, fortalecendo a compreensão de que fora de sua finalidade jurídica humanitária, o indulto não pode ser concedido”.

CURTAS

NOVO INDULTO – O presidente Michel Temer avalia publicar novo decreto de indulto natalino retirando os trechos que foram suspensos pela presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Cármen Lúcia. A alternativa tem sido discutida por integrantes da equipe presidencial, que ponderam, contudo, que antes de qualquer decisão, o tema deve ser discutido previamente com a ministra da Suprema Corte.

MAIA NEGA PLANALTO – Em clima de campanha eleitoral, a cúpula do DEM participou, ontem, da inauguração de uma creche em Salvador. O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, contudo, negou a agenda de candidato e afirmou que estava apenas "visitando o amigo" ACM Neto. Nas últimas semanas, o DEM firmou posição de lançar candidato à Presidência da República em 2018. Os nomes de Maia, Caiado e ACM Neto são cotados para disputar o cargo pelo partido.

Publicado em: 29/12/2017