FMO


01/11


2019

Coluna desta sexta na Folha

Com AI-5, filho atira no pai

Os opositores de Bolsonaro estão dentro da sua própria casa. O filho Eduardo pregou, ontem, de forma insana, a reedição do AI-5, caso a oposição radicalize o confronto com o Governo do pai. Seria a volta da ditadura, tudo que, na verdade, ele deseja. Símbolo da repressão, decretado por Costa e Silva em 1968, o Ato Institucional Número 5 reprimiu até militares contrários.

Autorizou medidas de exceção, permitindo o fechamento do Congresso, a cassação de mandatos parlamentares, intervenções federais, prisões até então consideradas ilegais, e suspensão dos direitos políticos dos cidadãos. Presos foram obrigados a ficar nus dentro de celas pequenas, impedidos de ficarem de pé.

Torturadores colocavam a temperatura da cela tão alta, suficiente para enlouquecer os presos. Alto-falantes reproduziam sons extremamente irritantes. Presos passavam dias nas celas, sem água e comida e sangrando. Deus nos livre disso!

Delírio alucinante – Diante da reação extrema da oposição, Eduardo Bolsonaro disse que foi mal-entendido e que defendeu, na verdade, um plebiscito para a reedição do AI-5. Com ou sem consulta à população, a medida é típica de alguém que precisa, urgentemente, ser internado. Até o pai reprovou, afirmando que, quem quer que fale de AI-5, está sonhando. No caso do filho, isso é delírio.

Corte em massa – No dia seguinte ao ex-prefeito de Araripina, Emanuel Bringel (PSDB), romper com o prefeito Raimundo Pimentel (PTB), o Diário Oficial do Município sai recheado de demissões. Pimentel deu um chute no traseiro de todos os apadrinhados por Bringel, decretando guerra. Sinalizou, ao mesmo tempo, estar disposto a enfrentar a oposição usando a arma da sua caneta.

Calote – Já em Arcoverde, administrada pela socialista Madalena Brito, o som roco das ruas brada contra o atraso dos salários dos prestadores de serviços. Algumas categorias estão há três meses sem ver a cor do dinheiro a que têm direito, sem que a Prefeitura sinalize prazo para pagamento. E há indicativos de que a situação tende a se agravar pelo liseu dos cofres municipais.

Estrada do medo – Presidente da CDL em Ipubi, Daniel Torres reclama que a PE-630, ligando o município a Trindade, continua abandonada, sem nenhum sinal que entrará no plano de recuperação do Estado. “Estamos na rota do medo, perdi, há pouco, um pneu”, desabafou.

Usina – O debate sobre a polêmica que envolve a instalação de uma usina nuclear em Itacuruba, no Sertão de Itaparica, chega a Floresta, na próxima terça-feira, reunindo de um lado a Igreja e de outro os representantes de instituições favoráveis e contra. Na quarta, tem ato em Itacuruba.

OTIMISMO – O deputado estadual Alberto Feitosa (SD) saiu otimista de Brasília, ontem, após encontro com os ministros Luis Eduardo Ramos e o General Heleno. Ouviu que a inflação está controlada, os juros caindo, risco Brasil baixíssimo, indústrias em recuperação e aumento do emprego formal.

Perguntar não ofende: Bolsonaro não vai dar sequer um puxão de orelha no filho Eduardo?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Falando em bandido, Bolsonaro mandou matar Marielle Franco foi?

marcos

Ciro Gomes diz, Lula é um covarde mentiroso

Fernandes

Nassif: Não existe interfone no condomínio de Bolsonaro – quem liberou a entrada do assassino de Marielle foi mesmo o presidente

Fernandes

Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

Falando em bandido, Bolsonaro mandou matar Marielle Franco foi?


Governo de PE


31/10


2019

Coluna desta quinta na Folha

Bolsonaro: “Globo é canalha”

Nunca na história republicana um presidente abriu uma frente tão beligerante ante a Rede Globo, o canal mais poderoso da mídia nacional. Contrariado com reportagem no JN, na qual um porteiro revela que o assassino da ex-vereadora Marielle Franco (PSol) contatou com o apartamento da sua família no mesmo dia em que matou a parlamentar, o presidente Bolsonaro gravou um vídeo bombardeando a Globo.

Chamou seus dirigentes de canalhas e classificou a linha editorial da emissora de “jornalismo podre”. Bolsonaro disse, ainda, que a Globo “mamava” bilhões das estatais nos governos de plantões e garantiu que, como presidente, não “tem dinheiro público para à emissora”.

Afirmou, ainda, que a Globo quer arrebentar com o País e concluiu: “Estava muito bom com o Governo do PT, porque vocês mamavam nas estatais. Acabou a teta, aguento a porrada. Eu sei o que vocês são – são canalhas”.

Reação global – O destempero verbal do presidente foi o fato mais comentado nas redes sociais de ontem. Imediatamente, a Globo se manifestou. Em nota, afirmou que não faz jornalismo com canalhice. “A Globo não fez patifaria nem canalhice. Fez, como sempre, jornalismo com seriedade e responsabilidade”, afirmou. Acrescentou que faz jornalismo com qualidade.

Defesa – Bolsonaro expôs, ainda, o governador do Rio, Wilson Witzel, acusando-o de ter vazado para a TV-Globo detalhes do processo de investigação da ex-vereadora Marielle, que corre em segredo de justiça. Witzel se sentiu injustiçado e afirmou: “Em meu governo, as instituições funcionam plenamente e temos como preceito básico o respeito às leis”.

Milícias – Já em depoimento, ontem, na CPI das Fake News da Câmara, o deputado Alexandre Frota (PSDB-RJ) reforçou a denúncia da ex-líder do Governo no Congresso, Joice Hasselamann (PSL-SP), de que assessores do presidente da República comandam milícias digitais e controlam perfis falsos em excesso. Acabou em bate-boca com Eduardo, filho de Bolsonaro.

Na liderança – O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), está ancho da vida. Pesquisa da consultoria nacional Macroplan apontou o município em primeiro lugar entre os 20 centros urbanos nordestinos, com população acima de 266 mil moradores, de melhor qualidade de vida.

Rabo da gata – A mesma pesquisa destaca Recife em 10º lugar, abaixo de outras cidades nordestinas como João Pessoa, Campina Grande, Natal, Mossoró (RN) e Vitória da Conquista (BA). De Pernambuco estão incluídas, ainda, no ranking, Jaboatão, Paulista, Olinda e Caruaru.

O PIOR – Em entrevista ao Frente a Frente de ontem, o ex-prefeito de Araripina, Alexandre Arraes (PSB), bateu sem piedade no prefeito Raimundo Pimentel. “Foi o pior que Araripina já teve”, afirmou. Em seguida declarou que apoiará a candidatura do tucano Emanuel Bringel.

Perguntar não ofende: Quem vai ganhar, a Globo ou Bolsonaro?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

FROTA: BOLSONARO ADORA RIR DE SEUS CRIMES. Bolsonaro se orgulhava de mostrar sua milícia em ação.

Fernandes

Bolsonaro corta orçamento do Minha Casa, Bolsa Família e Fies em 2020

Fernandes

Entre o presidente da república e o porteiro, eu confio no porteiro.

Fernandes

Só tem credibilidade se o porteiro for do tríplex do Guarujá; se for do condomínio Vivendas da Barra, foi coagido.


Prefeitura de Paulista


30/10


2019

Coluna desta quarta na Folha

Óleo na praia afeta pescadores

Restaurantes e bares reclamam de uma perda da ordem de 86% no pedido de peixes e crustáceos por clientes apreensivos com as notícias de que o derramamento de óleo nas praias contamina as espécies nativas do mar. Pescadores de Brasília Teimosa e outras colônias espalhadas no litoral pernambucano já estão de braços cruzados, não têm mais a quem vender.

Há muita desinformação quanto ao real risco de contágio do pescado. O cenário faz lembrar a crise da doença da cólera no primeiro ano do Governo Joaquim, em 91. Criou-se um clima de pandemônio diante da boataria de que o embrião colérico irradiava perigo para o banho no mar ao mesmo tempo em que contaminava seus frutos.

Ninguém tomava banho nem comia peixes. Foi preciso Joaquim mergulhar no mar e degustar seus frutos num restaurante. Se a pesca estancar de vez, o Estado será obrigado a criar o seguro-defeso para 10 mil pescadores.

Minoria beneficiada – Dos 10 mil pescadores pernambucanos, apenas 400 recebem, hoje, por um período de 90 dias, o seguro-defeso do Governo Federal. O decreto presidencial, entretanto, só beneficia, com um salário mínimo por mês, os que pescam lagosta. O grande contingente dos que vão ao mar em busca do seu pão no dia a dia é de pescadores de peixe, universo que vai esperar ajuda do Estado.

Bateu, levou – O prefeito de Araripina, Raimundo Pimentel (PSL), acusado pelo ex-prefeito Emanuel Bringel (PSDB) de ter beneficiado a esposa Socorro com um super salário, disse que não há ilegalidade nos benefícios da mulher e que Bringel tenta criar uma polêmica para confundir a população. “Bringel é ficha-suja e não pode ser candidato a prefeito”, desabafou.

Candidatíssima – O deputado Sebastião Oliveira (PL) disse, ontem, que a vereadora Cibelle Roan, a mais votada de Arcoverde, é candidata à prefeita pelo Avante, sem chances para composições, nem com o grupo da prefeita Madalena Brito (PSB) nem com o do ex-prefeito Zeca Cavalcanti (PTB). “Ela é candidatíssima pelo nosso grupo e será a futura prefeita”, afirmou.

Na geladeira – O núcleo do PDT, sob o comando do deputado Wolney Queiroz e do seu pai, o deputado José Queiroz, delegou poderes ao tesoureiro do partido, Wellington Batista, para estender o raio de ação dos diretórios no Interior, isolando o grupo do deputado Túlio Gadelha.

Transparência – Sobre o voto com ressalvas das contas de 2017, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), garante que investiu acima do percentual mínimo na saúde recomendado por lei. Quanto a mais transparências, diz que o portal do município saiu da 124ª posição para a 10ª melhor do País.

SEMPRE NO PP – A coluna andou trocando as bolas ao noticiar que o deputado caruaruense Erick Lessa havia feito a travessia do PR para o PP. Na verdade, não existe janela partidária para deputado este ano e ele está muito prestigiado pelo presidente da legenda, Eduardo da Fonte.

Perguntar não ofende: Por que a ONG Liberdade.PE não dá um pio sobre o polêmico e deturpado ranking para destacar prefeitos reprovados?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

O Brasil quer saber: quem atendeu o interfone da casa 58 e autorizou a entrada do homem que está preso?

marcos

Cadê o nosso kit gay, quem ele está roubando agora?

marcos

Magno cadê a reportagem da sociedade do PT com o PCC?

marcos

Magno cadê a reportagem da delação de Palocci?

marcos

Só lembrando, Lula saqueou a Petrobras, quebrou o Brasil, deixou 13 milhões de Desempregados e mandou matar Celso Daniel.


Prefeitura de Ipojuca


29/10


2019

Coluna desta terça na Folha

Ranking de prefeitos sob suspeita

Em ano pré-eleitoral, especialmente quando se trata de pleito municipal, aparece de tudo para confundir a cabeça do cidadão bem-intencionado. Na semana passada, por exemplo, se difundiu pelas redes sociais e alguns blogs um mal-assombrado ranking dos prefeitos melhores avaliados do Estado com a assinatura da ONG Liberdade.PE, sem a menor credibilidade.

Ao levantar suspeitas sobre o resultado, ontem, no Frente a Frente, que, através da Rádio Folha cobre o Estado inteiro, muita gente se manifestou indignada. Prefeitos que não conseguem sequer andar pelas ruas de suas cidades apareceram nas primeiras colocações.

O mais engraçado é que a ONG apontou inicialmente uma lista e ontem, estranhamente, o ranking já havia mudado. No Agreste, prefeito que apareceu em 7º lugar há três dias, ontem estava na posição 27 e o que despontou em 105 subiu para 142. Abra o olho, justiça eleitoral!

Pesquisa mal-assombrada – Já em Surubim, ninguém levou a sério uma pesquisa em que a prefeita Ana Célia (PSB) aparece na dianteira, enquanto ex-prefeito Flávio Nóbrega (PSB), que está novamente na boca do povo, é lanterninha. Flávio é a maior liderança do município. Derrotou Ana Célia duas vezes, elegeu o ex-prefeito Túlio Vieira (PT) e na reeleição deste rompeu e apoiou Ana Célia.

Bocona – Em entrevista ao Frente a Frente de ontem, o ex-prefeito de Araripina, Emanuel Bringel (PSDB), denunciou que a ex-deputada Socorro Pimentel (PSL), esposa do prefeito Raimundo Pimentel (PSL), arrumou uma bocona na Prefeitura: R$ 14 mil de salário, resultado da soma do seu salário como médica do Estado requisitada com uma gratificação de 100%.

Eleição fácil – O ex-prefeito Flávio Gadelha deve fazer uma campanha em céu de brigadeiro em Abreu e Lima. Filha do ex-prefeito Jerônimo Gadelha, Katiana, adversária, peca pela inexperiência, não tem discurso para convencer por que o pai, ficha suja, não pode disputar. Já o prefeito Pastor Marcos tem 90% de rejeição. Com tal índice, não decola nem um santo candidato.

Sem sucessor – Depois de rifar o seu pré-candidato Wellington Araújo (PSB), que não rompia a fronteira dos 4% nas pesquisas, a prefeita de Arcoverde, Madalena Brito (PSB), está no mato sem cachorro. Já apelou até para a vereadora Cybele Roa, pré-candidata do Avante, para entrar no seu grupo.

Duro golpe – Por falar em Arcoverde, a população recebeu como um tremendo golpe, arquitetado pela prefeita Madalena Brito e a presidente da Câmara, Célia Galindo (PSB), a volta do delegado Israel Rubis para a delegacia de Vitória de Santo Antão por força de liminar judicial.

MEIA DERROTA – O prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), terá suas contas de 2017 aprovadas pelo TCE, mas com ressalvas, por não ter aplicado o percentual mínimo de 15% em ações de saúde. O relator Valdecir Pascoal cobra também melhoria na transparência do portal municipal.

Perguntar não ofende: Como vão reagir os exportadores no comércio com a Argentina depois de Bolsonaro declarar guerra ao presidente eleito?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

marcos

Só lembrando, Lula saqueou a Petrobras, quebrou o Brasil, deixou 13 milhões de Desempregados e mandou matar Celso Daniel!

Fernandes

Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

BOMBA: Bolsonaro foi citado em depoimento, por suspeito de ter matado MARIELLE. Pega Fogo CABARÉ!

Fernandes

E a Globo mostra estreita ligação entre assassino de Marielle e família Bolsonaro.




28/10


2019

Coluna desta segunda na Folha

PHS usou “laranja” em Vertentes

Vertentes, no Agreste, também foi protagonista de laranjal nas eleições passadas. Renata Pereira, com registro na justiça eleitoral sob o número 31.999, foi “candidata” a deputada estadual pelo PHS, obteve apenas 20 votos no Estado, dos quais nove em Vertentes. Na sua conta de campanha, entretanto, jorraram R$ 35 mil do fundo eleitoral e R$ 600 em doação, conforme documentação em poder da coluna.

Na cidade, exerce a profissão de manicure, sendo irmã de Edjailson Pereira, suplente de vereador, conhecido por Dida de Elda, à época presidente municipal do PHS, aliado do deputado federal Fernando Rodolfo, também do mesmo partido. Ali, o parlamentar saiu das urnas com pouco mais de mil votos.

Ninguém viu um só santinho de campanha da manicure, mas do dinheiro que entrou em sua conta transferiu R$ 10 mil para uma gráfica e outros valores para uma produtora, o próprio irmão, uma sobrinha e até um ex-conselheiro titular.

Na pressão – Como toda cidade pequena, em Vertentes até as paredes sabem que Renata Pereira não fez campanha e deixou familiares irritados em aceitar ser posta como “laranja” sob o pretexto de completar a cota partidária obrigatória do sexo feminino. Janiel Pereira, seu esposo, reprovou a idéia, mas acabou sendo voto vencido diante da pressão de aliados de Fernando Rodolfo.

Nem um pio – Procurado para dar explicações sobre a notória e explicita “laranja” aliada em Vertentes, o deputado Fernando Rodolfo, eleito sob o dogma da moralidade, até o fechamento desta coluna não se manifestou. Rodolfo exerceu forte influência no comando do PHS e sabia que Renata estava entrando na campanha apenas para atender interesses escusos do partido.

Fez prevenção – O prefeito Geraldo Júlio aterrissou, ontem, de volta à capitania hereditária de Duarte Coelho depois de um giro na Alemanha. Assessores garantem que, antes de viajar, o gestor organizou um comitê preventivo para atuar no derrame de óleo, enquanto a Emlurb faz plantão com um batalhão de 200 homens para limpar Boa Viagem, se vier a ser afetada.

Empepinado – O prefeito de São Lourenço, Bruno Pereira (PTB), acaba de entrar em mais uma enroscada: o Ministério Público Estadual ajuizou ação de improbidade administrativa por ele não ter adotado, até agora, medidas para devolver aos cofres públicos R$ 500 mil desviados.

Assédio – A deputada Tábata Amaral, em processo de expulsão do PDT, deu uma longa entrevista, ontem, num site paulista, revelando que sofre assédio o tempo todo na Câmara, mas não citou nenhum nome. Ficou apenas no mimimi. Quis carimbar que o Congresso é machista.

FILIAÇÕES – Sob a coordenação do deputado Silvio Costa Filho, presidente estadual da legenda, o PRB amplia seu raio de ação para todo o Estado, agregando novas lideranças para disputar as eleições municipais. Há pouco, filiou pesos-pesados em Jataúba, Toritama e Tamandaré.

Perguntar não ofende: Quando Joice Hasselmann, jogada na jaula dos leões por Bolsonaro, vai apresentar provas de que o presidente usou e usa Fake News?  


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Deus limitou só a inteligência, a burrice é ilimitada! JOICE HASSELMANN (sobre os Bolsonaro\'s)

marcos

Até quando os idiotas úteis vão defender os mandantes de assassinatos?

Fernandes

Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

A Derrota De Macri É A Derrota Do Bolsonaro.

Fernandes

Joice ataca família Bolsonaro após vídeo com leão: Burrice é ilimitada.


Prefeitura de Abreu e lima


26/10


2019

Coluna deste sabadão na Folha

Risco do Brasil virar Chile

Há um clima de tensão e apreensão em Brasília, com fortes ruídos entre os corredores do Congresso, a Esplanada e o Congresso, consequência do julgamento sem data ainda definida, pelo Supremo Tribunal Federal, da validade da prisão amparada na condenação em segunda instância.

Há receio de que se o STF soltar o ex-presidente Lula e a quadrilha que assaltou os cofres da Nação no escândalo da Lava Jato o povo vá às ruas, como no Chile, protestar. O clima de convulsão social nas ruas de Santiago, capital do Chile, teve como estopim o aumento das tarifas de ônibus. Em reação, os manifestantes depenaram o patrimônio público, incendiaram ônibus, trens do metrô e até prédios administrativos. Na esteira da violência, muitos perderam suas vidas.

No Brasil, dependendo do que o STF venha decidir, cenas semelhantes podem jorrar sangue nas ruas. Soltando Lula, os nobres ministros do Supremo podem incendiar o País.

Indicativo do mal – O STF deixou para concluir em novembro o julgamento da prisão em segunda instância. Até agora, o placar está em 4 votos a 3 a favor da prisão provisória. A Corte decide se um réu condenado pela segunda instância pode começar a cumprir pena imediatamente, ou isso só pode ocorrer depois de esgotados todos os recursos disponíveis em tribunais superiores.

Caso Lula - O resultado pode impactar os casos de 4.895 presos do País, segundo levantamento do Conselho Nacional de Justiça. Um deles é o ex-presidente Lula. Caso prevaleça a tese pelo esgotamento dos recursos, ele deverá ser solto – o caso mais avançado contra ele, o do tríplex do Guarujá, ainda tem recursos pendentes. Isto é, ainda não transitou em julgado.

Quem é quem - Votaram na quinta-feira passada os ministros Luiz Fux (a favor da prisão em 2ª Instância), Ricardo Lewandowski (contra) e Rosa Weber (também contra). O voto mais esperado do dia era o da ministra Rosa Weber. Ela seguiu sua convicção pessoal no tema e votou contra a possibilidade de alguém ir para a cadeia antes de esgotados todos os recursos.

Insegurança – Três ministros já passaram por Pernambuco nos últimos dias, mas o Governo não consegue passar segurança nos efeitos das operações, em parceria com os Estados, na limpeza das praias. Diante de um mar de dúvidas, ninguém se aventura a um mergulho no mar.

Vai entender! – Cabeça de político é, verdadeiramente, algo indesvendável. Como explicar a troca do PR pelo PP por parte do pré-candidato a prefeito de Caruaru, Erick Lessa, que ainda discursou afirmando que estava ingressando no PP para combater raposas ao lado de Eduardo da Fonte?

FALÁCIA – Uma tal de ONG Liberdade criou um critério para apresentar o ranking dos melhores prefeitos do Estado. Mas ninguém levou a sério quando viu o prefeito de São José do Egito, Evandro Valadares (PSB), que não consegue andar sequer pelas ruas da cidade, entre os primeiros.

Perguntar não ofende: Quem, afinal, jogou o óleo da insensatez nas praias cartões portais do Nordeste?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

O filho de Anderson Gomes motorista de Marielle Franco dá parabéns ao Clã Bolsonaro e agradece por ter mandado matar o seu Pai!

marcos

O filho de Celso Daniel dá parabéns a Lula e agradece por ter mandado matar o seu Pai!

Fernandes

ALEXANDRE FROTAAlexandre Frota: Temos que libertar o Brasil do Bolsonarismo, basta ter vontade.

Fernandes

MACRI ATRIBUI O DESMORONAMENTO DA EXTREMA DIREITA NA AMÉRICA DO SUL, INCLUSIVE NA SUA ARGENTINA, AS IMBECILIDADES DE BOLSONARO.

Fernandes

74 anos de vida! Conquistou o coração de milhões de brasileiros e têm admiradores em todo o Mundo! Parabéns ao Lula! Aceita dói menos. Gadominion.


Prefeitura de Serra Talhada


25/10


2019

Coluna desta sexta na Folha

Antônio volta a ser adversário mais forte

Aliados do prefeito de Olinda, Professor Lupércio (SD), não levaram a sério a pesquisa do Instituto Opinião, apontando o advogado Antônio Campos, ainda sem filiação partidária, em segundo lugar, com 14%, enquanto o gestor lidera com 39%. Torcem o nariz em razão da fraca votação de Campos para deputado federal.

Candidato derrotado por Lupércio no segundo turno da eleição de 2016, Campos alega que não fez campanha para federal. Uma coisa, entretanto, não tem nada a ver com a outra. Na verdade, não se pode fazer comparações entre uma eleição proporcional com um pleito majoritário. São distintos.

Campos se situa entre os adversários mais competitivos para enfrentar o prefeito, porque seu nome ainda está vivo na memória do eleitor olindense da eleição passada, na qual disputou segundo turno e perdeu por vários fatores, entre os quais o de não ter atraído o conjunto da oposição para o seu palanque.

Nem aí – Enquanto Porto de Galinhas e o litoral de Ipojuca são agredidos pelo derrame de óleo cru, a deputada Simone Santana (PSDB) viaja pela Espanha, autorizada, oficialmente, pelo presidente da Assembleia, Eriberto Medeiros (PP). Se a população reagir na mesma proporção em relação à prefeita Célia Sales, vaiada na praia, a tucana que se cuide.

Chefe do Incra – O presidente Bolsonaro já carimbou o passaporte do novo presidente do Incra. É o economista Geraldo Melo Filho, filho do ex-governador do Rio Grande do Norte, Geraldo Melo, pós-graduado na Universidade de Brasília. Criador de gado zebu, estava batendo ponto no gabinete do ministro da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, por quem foi apadrinhado.

Saia justa – Na ânsia de agradar a gregos e troianos, o vereador Hélio Guabiraba (sem partido) entregou, ontem, na Câmara do Recife, o prêmio Liberato Costa Júnior a uma penca de ex-politicos, mas acabou esquecendo de homenagear muita gente importante. Foi tão criticado que acabou pagando o maior mico da Casa nos últimos anos.

O regresso – Ex-vereador do Recife, com passagem por ministérios em Brasília e atuação na área nuclear no Rio Grande do Sul, o engenheiro Roberto Andrade voltou a ocupar função pública na corte. Assessora o pernambucano Everardo Gueiros numa secretaria do GDF.

Brigona – A ex-líder do Governo no Congresso, Joice Hasselmann, é boa de briga. Engajou-se na batalha do presidente do PSL, Luciano Bivar, para expulsar do partido o deputado Eduardo Bolsonaro, filho do presidente. O protocolo foi feito no Tribunal Superior Eleitoral.

RIFADO – Se a cacicada do PSB já não via com bons olhos a inserção do deputado João Paulo (PCdoB) na política de Olinda, para concorrer à sucessão do prefeito Lupércio, depois da pesquisa do Opinião, em que aparece com míseros 5%, foi aconselhado a tirar o cavalinho da chuva.

Perguntar não ofende: Quando o Governo vai ter a certeza de que o petróleo vazado é venezuelano?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Tsunami Chileno chega forte na Argentina deve atingir o Brasil, enorme ondas vermelhas chegando aqui.

Fernandes

Delegado da PF deixa caso do laranjal, após ser grampeado e acusado de comunista pela milícia bolsonarista

Fernandes

Já que a direita não rouba! Então o que faziam com o dinheiro arrecadado e o petróleo? Pq poucos tinham acesso à universidade?

Fernandes

Defender Miliciano Corrupto não é bom, agora defender Milicia é crime!

Fernandes

A verdadeira guerra do Chile é contra a desigualdade.


Prefeitura de Limoeiro


24/10


2019

Coluna desta quinta na Folha

Estado abocanha R$ 62 milhões

Ao longo do processo de discussão do orçamento da União referente ao exercício de 2020, a bancada federal chegou a ensaiar um movimento de rebeldia, tentando distribuir ao seu bel prazer as emendas referentes aos R$ 248 milhões reservados ao Estado. Tudo jogo de cena.

Último dia para apresentação do relatório, a proposta de Pernambuco será fechada, hoje, com R$ 62 milhões para projetos propostos pelo governador Paulo Câmara na seguinte ordem: R$ 22 milhões para a barragem dos Gatos, no Agreste, R$ 20 milhões para duplicação da BR-104, no trecho Caruaru a Taquaritinga do Norte, e mais R$ 20 milhões para melhoria e ampliação da pista de pouso e decolagem do aeroporto de Fernando de Noronha.

Não é muito dinheiro, diga-se de passagem, mas representa uma vitória política para o governador, que teve que entrar em cena, ligando para um a um dos deputados e senadores. Melhor pouco do que nada.

Zero da oposição – Nenhum deputado da oposição, entretanto, abriu mão do seu direito de abocanhar emendas. Os R$ 62 milhões do Estado foram subtraídos da totalidade dos R$ 248 milhões graças ao esforço e a disposição dos parlamentares governistas, leia-se do PSB, MDB, PP, PDT e PCdoB. Como o sistema mudou para liberações impositivas, não há risco de a União farrapar na distribuição.

Só aparências – Ao contrário do que noticiei, ontem, sobre o reencontro dos primos João Campos (PSB) e Marília Arraes (PT), na festa de aniversário do líder do SD na Câmara, Augusto Coutinho, eles reagiram civilizados. Cumprimentaram-se com beijinhos e ainda bateram um papinho rápido, segundo Aristeu Plácido Júnior, embaixador pernambucano em Brasília

No muro – Coube ao ex-deputado Silvio Costa, durante o jantar de aniversário de Coutinho, protagonizar a cena que amarelou o anfitrião e seu cunhado, o ex-ministro Mendonça Filho. Segundo o desbocado Silvio, Coutinho está entre a cruz e a espada: na eleição para prefeito do Recife não sabe, ainda, se sobe no palanque do irmão da sua esposa ou se faz juras de amor a João Campos.

Dinheiro tem – Presente à boca livre na casa de Coutinho, o presidente nacional do MDB, Baleia Rossi (SP), tentou estimular o deputado Raul Henry a entrar na disputa para prefeito do Recife. Objetivamente, disse que dinheiro não era problema e que o voo majoritário de Henry só dependia dele.

Peregrinação – Prefeitos que passaram o pires nos gabinetes dos deputados e senadores de Pernambuco, ontem, último dia para fechamento das emendas federais, saíram vendo o mundo mais azul. “Valeu a pena o esforço para todos”, sintetizou o presidente da Amupe, José Patriota.

VAI GOURAR – Se depender da boa vontade dos parlamentares da base bolsonarista, tende a ser arquivada a proposta do deputado João Campos (PSB) de instalar a CPI sobre o vazamento de petróleo nas praias nordestinas. O ano legislativo já está no apagar das luzes e não há clima para CPI.

Perguntar não ofende: Eduardo Bolsonaro, novo líder do PSL na Câmara, blefa quando diz que não desistiu da embaixada dos Estados Unidos.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

A Derrota De Macri É A Derrota Do Bolsonaro

marcos

Será que Frota vai defender o assassino na CPI?

Fernandes

Frota será o primeiro a depor na CPI das Fake News

marcos

Lula mandou matar Celso Daniel. Esse assassino tem que morrer atrás das grades.

Fernandes

Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!


Banner de Arcoverde


23/10


2019

Coluna desta quarta na Folha

Voluntários com saúde sob risco

O envolvimento voluntário da população na limpeza das praias atingidas por manchas de óleo cru, metendo a mão na massa sem o uso adequado de equipamentos, pode trazer riscos à saúde. Químicos ouvidos pela coluna advertem que os gases voláteis existentes nas camadas do óleo possuem substâncias tóxicas, como o benzeno, altamente cancerígeno.

Quanto à poluição da água para o banho, o óleo expande compostos perigosos só vistos microscopicamente. “A população não tem ideia da gravidade. A rigor, o mais indicado seria usar roupas e equipamentos de astronautas”, adverte um estudioso.

Ele aconselha que órgãos ambientais, como a CPRH, colham, imediatamente, amostras da água do mar com laudos para garantir o banho sem nenhum risco de contaminação. Na Bahia, segundo ele, já existem relatos de pessoas que não usaram os equipamentos exigidos reclamando de fortes dores de cabeça ao dormir.

Piche contagiante – Outro químico adverte aos que acham que a substância jogada nas praias é um simples piche, sem risco algum de contaminação. “Mesmo sendo piche, só o contato e a inalação já provocam risco altíssimo de contrair doenças”, diz o especialista. As imagens nas redes sociais e nos telejornais, em Pernambuco, Alagoas e Sergipe, mostram pessoas arrastando o óleo até sem luva.

Omissão – Os deputados da bancada adoram aparecer nas redes sociais exibindo o falso exemplo de cidadania, mas na hora de trabalhar em favor da solução do problema não estão nem aí. Ontem, por exemplo, três autoridades federais foram depor numa comissão da Câmara sobre o vazamento de petróleo, mas não havia um só representante do Estado. Vergonhoso!

Sobrevoo – Único representante nordestino presente na comissão que tratou do vazamento de petróleo nas praias da região, o deputado João Roma (PRB-BA) sugeriu a inclusão da Polícia Federal nas investigações da tragédia ao meio ambiente e anunciou que, amanhã, o presidente do Senado, David Alcolumbre, na condição de presidente da República interino, sobrevoará o litoral alagoano.

Prejuízo – Rodrigo Novaes precisa cuidar melhor do turismo. O Estado acaba de sofrer duplo prejuízo: o cancelamento de duas rotas internacionais, uma ligando Recife a Madri, e outra Recife a Frankfurt. No Mapa do Turismo Brasileiro, 27 municípios do Estado já haviam ficado de fora.

O patrono – O novo líder do Governo no Congresso, Eduardo Gomes, do Tocantins, sucessor de Joice Hasselmann, era o primeiro vice-líder governista no Senado por escolha do líder Fernando Bezerra Coelho, a quem é extremamente ligado. Alguém duvida da indicação e apadrinhamento de FBC?

REPERCUSSÃO – Têm obtido uma ampla repercussão os artigos em meu blog, sempre às terças-feiras, sobre as novas regras eleitorais com o crivo da competente advogada Diana Câmara. O de ontem, enfocando a polêmica do mandato coletivo, foi para os anais da Alepe, a pedido de Alberto Feitosa.

Perguntar não ofende: Por que o PDT adiou, ontem, mais uma vez, o julgamento da deputada Tábata Amaral por ter votado a favor da Previdência?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Exclusivo: Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

Bozo chama o PSL de quadrilha e depois põe o filho dele como líder do partido.

Fernandes

Quando você tiver 60 anos e não conseguir mais trabalhar e ganhar meio salário mínimo, vai entender pq éramos contra a reforma.

Fernandes

Já é hora dos militares voltarem para os quartéis, os evangélicos para as igrejas e os loucos para os manicômios. Não deu certo.

Fernandes

No governo da milícia,ativista ambiental virou ecoterrorista!




22/10


2019

Coluna desta terça na Folha

Um deserto de líderes nacionais

Na chegada, ontem, a Brasília, para uma semana de trabalho, noticiei que o restaurante do Senado passará a ser batizado, oficialmente, com o nome do ex-senador Carlos Wilson, que Deus levou há dez anos. Também relembrei um pouco a trajetória do ex-deputado Inocêncio Oliveira, que completou, ontem, 81 anos.

Cada um projetou a bancada no cenário nacional ocupando funções destacadas e doando a voz na tribuna em defesa de causas nobres do Estado. O primeiro, manso no falar mineiro, hábil articulador, era um sedutor literal. Partiu cedo, mas em Brasília deixou a marca da sua grife.

O segundo, construiu uma carreira sólida, chegou à Presidência da República, mesmo interinamente. Pernambuco já brilhou muito no Congresso. Vale lembrar, com perfis e doutrinas antagônicas, Cristina Tavares, Fernando Lyra, Egydio Ferreira Lima, Ricardo Fiúza, Inocêncio e Carlos Wilson. Hoje, infelizmente, é um deserto de expressões nacionais.

Enfim, a reação – No exercício da Presidência da República, o vice Hamilton Mourão deu, enfim, uma sinalização de que o Governo vai entrar, efetivamente, na limpeza das praias do Nordeste atingidas pelo vazamento de óleo cru de petróleo. Informou haver autorizado a 10ª Brigada de Infantaria Motorizada do Exército, sediada no Recife, a colocar quatro mil homens de prontidão nas praias.

Jogo sujo? – O Governo Bolsonaro montou em Brasília uma central de monitoramento para acompanhar a tragédia nas praias nordestinas. Está investigando, por exemplo, um vídeo viralizado nas redes sociais em que um homem usa um trator para abrir um canal de esgoto em direção ao mar em Itamaracá. Detalhe: o prefeito Tato, genro de Guilherme Uchoa, é do PSB.

Decadência – Em 2010, lembra o ex-vice-prefeito de Paulista, Dufles Pires (PSDB), a cidade se destacou na mídia nacional por ter sido a terceira que mais gerou empregos no País. Na contramão, o prefeito Júnior Matuto (PSB) recebeu, ontem, a visita do ministro da Justiça, Sérgio Moro, para ações de combate à violência por ser a 5ª cidade mais perigosa para viver no País.

Fica no SD – O prefeito de Olinda, Professor Lupércio, nega que tenha sido motivado a deixar o SD em troca do MDB. Ressalta que está muito bem prestigiado na legenda pelo líder na Câmara Federal, Augusto Coutinho. Quanto ao Palácio, diz que mantém relação harmoniosa com o governador.

A razão – O senador Fernando Bezerra Coelho, líder do Governo no Senado, foi a ausência mais comentada, ontem, na passagem do ministro Moro por Paulista. Aos que acham que se distancia do Governo, uma informação: passou a tarde de ontem em reunião com o ministro Paulo Guedes.

NO MDB – O presidente da Câmara de Timbaúba, Josinaldo Barbosa (PTB), lidera, hoje, uma manifestação em frente à sede do Legislativo contra o ato arbitrário do prefeito Ulisses Felinto (PSDB), que promoveu, na semana passada, a invasão ao Legislativo que acabou em depredação.

Perguntar não ofende: Quando a rede hoteleira vai se pronunciar sobre o cancelamento de reservas por causa da tragédia nas praias?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Bozo chama o PSL de quadrilha e depois põe o filho dele como líder do partido.

marcos

Bem, que Lula saqueou a Petrobras quebrou o Brasil e deixou 13 milhões de Desempregados isso todo o mundo tem Certeza!

Fernandes

Exclusivo: Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

Brasil caminha para ser o Chile de amanhã, dizem economistas.

Fernandes

Bolsonaro enfiou o Brasil de cabeça na ignorância, no obscurantismo, na mediocridade e o resultado disso é imprevisível.




21/10


2019

Coluna desta segunda na Folha

Interpretava Arraes até pelos lábios

Morreu, ontem, o coronel Luiz Pinto, 61 anos, um dos ajudantes de ordem mais politizados e jeitosos que já conheci. Era o auxiliar da maior confiança do ex-governador Miguel Arraes, a quem interpretava até pela leitura labial. Certa vez, fui a Belo Horizonte cobrir uma reunião de governadores.

Chegando lá, atrevido, pedi uma carona no jatinho até Brasília. Ele olhou enviesado e sapecou: “Se você se comportar direito, posso pensar no assunto”. Era o sim, Arraes falava por parábolas. No voo, Luiz serviu a primeira dose de uísque ao velho cacique. De dicção péssima, entre um trago e outro, danou-se a falar mal de Jarbas.

Eu só compreendia o nome. Ele ria da história e eu também, disfarçando, porque não entendia patavinas. Na chegada, Arraes me chamou na presença do coronel e advertiu que a conversa era off. “Não se preocupe, doutor Arraes, a gente só escreve o que entende”, sapequei, bem-humorado. O velho e o coronel reagiram com uma sonora gargalhada.

Expulsão histórica – Foi ainda o coronel Luiz Pinto, ultimamente servindo à segurança de dona Madalena, viúva de Arraes, que me socorreu de um grande vexame.  Arraes não tolerava minha presença nas coberturas de suas visitas a Brasília e, certa vez, me expulsou de um encontro num hotel. De fala mansa, Luiz dobrou Arraes e pude acompanhar a reunião à distância, apesar do constrangimento.

Nem sobrevoo – Passados dois meses, o Governo Bolsonaro está mais perdido do que cego em tiroteio para conter o vazamento de petróleo cru nas praias nordestinas. Se o desastre ecológico tivesse ocorrido no Rio e não no Nordeste, reduto que ainda enxerga como lulista, Bolsonaro já teria sobrevoado as áreas atingidas. Isso mostra que não tem noção da função dele.

Atrapalhado – As providências tomadas até agora foram em função de provocação do Judiciário, porque o Governo reage ao que acontece de forma ineficiente. As manifestações por meio do Ibama deixam claro, igualmente, que o Governo não sabe o que está acontecendo de fato e sua extensão calamitosa. São sabe a origem do vazamento, se foi um acidente ou um ato criminoso.

Sem provas – O Governo acusou a Venezuela antes de apurar. Chegou a dizer que foi uma ação criminosa, um dolo, vontade consciente de cometer o crime. Não tem amparo ainda para concluir isso, porque só o MP poderia levantar tal suspeitas mediante uma ampla investigação.

Responsabilidade – Tudo que foi feito nas praias se deu por determinação judicial dos governos estaduais e do MP. Independentemente da origem do vazamento, esse é o tipo de situação em que a responsabilidade é da União, que deveria ter pedido à justiça o isolamento dos rios por barragens.

NO MDB – Não será surpresa a travessia do prefeito de Olinda, Professor Lupércio, do Solidariedade para o MDB. Enfrenta dificuldades de montar uma aliança que garanta tempo de televisão e base eleitoral para arrebatar a reeleição. Além disso, reclama da falta de apoio do Estado.

Perguntar não ofende: Como o ministro Sérgio Moro tratará o governador, hoje, na programação de Paulista, depois das ofensas de Bolsonaro?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Exclusivo: Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

MP pede investigação sobre farra do cartão corporativo de Bolsonaro. O procurador Lucas Furtado pediu ao TCU a abertura de um processo para investigar o aumento dos gastos com cartões corporativos da presidência no governo Bolsonaro. Ele disse: a gravidade da situação assoma em importância na medida em que tais gastos são classificados como sigilosos, o que não permite ao cidadão comum aferir a pertinência e a necessidade desses dispêndios.

Fernandes

Malafaia chama Bolsonaro de direita radical e inábil para presidência.

marcos

Já que Lula se diz inocente, por que não processa os Odebrechts?

marcos

O nosso Mito sem o PSL é o Presidente da República, o PSL sem o nosso mito não é porra nenhuma. Eu votei no mito, não no PSL. Jair Bolsonaro sai dessa merda logo!




19/10


2019

Coluna deste sabadão na Folha

Itacuruba tem dois concorrentes

Nos últimos três dias, acompanhei a missão parlamentar, sob a coordenação do deputado Alberto Feitosa (SD), ao complexo de usinas nucleares de Angra dos Reis. Antes de botar os pés na área de produção de energia nuclear confesso que torcia o nariz para a ideia de Itacuruba sediar uma unidade atômica em Pernambuco. Imaginava ser uma aventura arriscada pelo alto risco de contaminação radiológica e pelas dúvidas quanto aos resíduos. Tudo bobagem.

Angra 1 e 2 funcionam há 44 anos, abertas ainda pelo regime militar e nunca vacilaram, dando vazão a erros. Funcionam sob o império da vigilância, praticam políticas de prevenção e adotam periodicamente o controle ambiental no mar e nas ilhas de Angra. Nunca um só peixe ou tartaruga sofreu qualquer tipo de agressão por radiação das turbinas de Angra. Mais do que isso, as usinas alavancaram economia da turística e paradisíaca Angra.

Voz da Igreja – Quando ouvido sobre a usina em Itacuruba, Paulo Câmara disse que a comissão parlamentar da Alepe deveria, primeiro, dobrar a Igreja. Frei Fernando, pároco de Angra, disse aos deputados que convencessem o governador a entrar na briga porque, no caso de Angra, as usinas revolucionaram a economia da região.

Os concorrentes – A usina nuclear é um investimento da ordem de R$ 30 bilhões e não tem como destino apenas Itacuruba. Em Alagoas, a Eletronuclear identificou a cidade de Penedo, por ser foz do São Francisco. Já em Sergipe, a preferência recai por Poço Redondo, às margens também do São Francisco.

Fugiu da raia – Mesmo recebendo diárias da Assembleia para a missão parlamentar nas usinas de Angra, o deputado Wanderson Florêncio (PSC), escolhido por ser presidente da Comissão de Meio Ambiente, queimou a agenda de ontem, com visitas ao hospital e a Igreja. Preferiu fazer escala no Rio. Deveria devolver as diárias.

Reação tardia – Foi preciso que as manchas de óleo cru que contaminam o litoral nordestino chegassem à praia dos Carneiros para o Governo do Estado criar um grupo de trabalho e reforçar equipes para limpeza das praias. Falta o principal: decretar emergência para receber recursos da União.

Unidos? – Diante do resultado adverso da pesquisa do Opinião, com cenário de vitória do prefeito Miguel Coelho, o ex-prefeito Júlio Lóssio e o deputado Lucas Ramos anunciaram, ontem, que estarão unidos para derrotar o herdeiro de FBC.

VOLTA, ZÉ – Em Caruaru, que se vislumbra em 2020 como um clássico eleitoral, deve ganhar às ruas um movimento para aquecer o nome do deputado José Queiroz (PDT) para rivalizar com a prefeita Raquel Lyra. Um dos slogans em avaliação é o "Volta, Zé".

Perguntar não ofende: Por que o silêncio do governador em relação à uma usina em Itacuruba?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Exclusivo: Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

marcos

Já que Lula se diz inocente, por que não processa os Odebrechs?

marcos

Povo brasileiro, vocês são um Bando de Otários Filhos da Puta. Luiz Inácio Lula da Silva.

Fernandes

Exclusivo: Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

Frota: Não vou medir esforços para tirar Lula da cadeia.




18/10


2019

Coluna desta sexta na Folha

Primeiro turno em Petrolina

Candidato à reeleição, o prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), desponta como amplo favorito a emplacar seu segundo mandato. Conforme pesquisa do Instituto Opinião, postada ontem no meu blog, ele aparece com 32 pontos à frente dos seus principais adversários. Se a eleição fosse hoje, teria 47% dos votos contra 13% de Júlio Lóssio, do PSD, e Odacy Amorim, do PT, também com 13%. O vereador Gabriel tem 6% e o deputado Lucas Ramos (PSB), 4%.

Abstraindo-se os votos brancos e nulos, Miguel teria 56% das intenções de voto, liquidando a fatura logo no primeiro turno. Miguel aumenta suas chances de ser reeleito logo de largada, porque detém a menor taxa de rejeição entre os candidatos e aprovação impressionante da sua gestão. Tem 65% de ótimo e bom e mais 22% de regular.

Dificilmente gestor bem avaliado num país de tamanhos buracos negros na economia com taxas acima de 60% são atropelados pelas urnas. Miguel vende uma Petrolina transformada num grande canteiro de obras, com investimentos da ordem de R$ 300 milhões. Quem num deserto de verba pública consegue fechar as contas e entregar tantas obras?

Discurso do contra – Em último lugar na pesquisa, mas candidato oficial do Palácio e do PSB em Petrolina, o deputado Lucas Ramos avalia que o grande adversário de Miguel é a associação do seu nome ao presidente Bolsonaro. "Quero saber se ele vai botar o presidente no seu palanque"?

Desmistificação – O presidente da Eletronuclear, Leonam Guimarães, administrador do complexo de Angra dos Reis, disse, ontem, a deputados pernambucanos, que não existe nenhum risco de radioatividade na operação de uma provável usina nuclear em Itacuruba. "Risco zero", garante.

Só ganhos – Já o prefeito de Angra dos Reis, Antônio Jordão (MDB), tentou convencer a comissão parlamentar em visita ao complexo, pela experiência. "Já sou prefeito pela terceira vez e, em 44 anos de funcionamento das usinas, nunca tivemos um só acidente", afirmou.

Visão de futuro – O presidente da Eletronuclear revelou que houve um amplo estudo para Itacuruba surgir como opção de centro nuclear. No campo político, disse que o principal defensor foi o ex-governador Eduardo Campos.

Recife aprova – Um dado que chamou a atenção, ontem, em Angra, foi a revelação de uma pesquisa de opinião de sondagem à população sobre a usina nuclear. Recife aprovou a ideia com mais de 60%. A maior rejeição partiu da própria Itacuruba.

Golpe – Presente, ontem, na recepção à comissão parlamentar em Angra, o vereador Timóteo Cavalcanti, do PL de Angra, exibiu seu perfil bolsonarista e defendeu um golpe militar, em entrevista ao Frente a Frente.

Perguntar não ofende: O deputado João Paulo correu da visita à Angra temendo patrulhamento?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

marcos

Lula perde até pra Dória. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Fernandes

Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

Tal qual Judas, os eleitores do bolsonaro carregarão essa culpa para sempre!

marcos

Todo castigo pra Corno é Pouco

marcos

O mito 46%____ Lula 38%. Kkkkkk chupa. Mortadela Corrupta




17/10


2019

Coluna desta quinta na Folha

Praias limpas só na emergência

Sem fazer referências ao volume de recursos que caberá a cada Estado, o líder do Governo no Senado, Fernando Bezerra Coelho (MDB), antecipou, ontem, a decisão do presidente Bolsonaro de liberar recursos para limpeza das praias nordestinas atingidas pela forte e descontrolada descarga de óleo cru de petróleo.

Um detalhe que chamou atenção é que somente será beneficiado o Estado que decretou estado de emergência para enfrentar o drama. Sergipe, um dos mais atingidos, foi um deles. Não vi nenhuma medida nesse sentido anunciada pelo governador Paulo Câmara. O litoral sul e norte do Estado apresenta, igualmente, uma extensa área de praias marcada pela crueldade que não se sabe de que mão assassina partiu.

Navios venezuelanos que cruzaram a costa nordestina são os mais suspeitos, segundo atestam estudos preliminares de universidades. O grande nó está na exibição das provas.

Energia atômica – Seis deputados estaduais visitam, hoje, o complexo de usinas nucleares de Angra dos Reis, no litoral do Rio, sob a coordenação de Alberto Feitosa (SD), autor da PEC que altera na Constituinte estadual o poder de vedar o uso de energia alternativas. Pernambuco e Minas disputam a sede da primeira unidade do projeto de expansão no País de energia atômica.

Tira dúvidas – Caberá ao presidente da Eletronuclear, Leomam dos Santos Guimarães, na função desde que o pernambucano Fernando Filho esteve à frente do Ministério de Minas e Energia, tirar, hoje, todas as dúvidas da comissão parlamentar quanto aos riscos de uma usina nuclear, principalmente em relação ao lixo atômico, maior receio da população de Itacuruba.

Relapso – Não se sabe a razão, mas o deputado João Paulo (PCdoB), relator da PEC de Feitosa que exclui da legislação estadual a vedação da instalação de usina nuclear, farrapou e não justificou sua ausência na visita de hoje ao complexo 1, 2 e 3 de Angra dos Reis. Mesmo não tendo ainda opinião formada, o deputado José Queiroz (PDT) integra a missão ao Rio.

O adeus – Um rio de lágrimas foi derramado, ontem, no leito seco do rio Ipojuca, em Caruaru, nos funerais do empresário Luiz Lacerda, patrono do Central, que partiu aos 94 anos. Pai da ex-deputada Miriam Lacerda e sogro do deputado Tony Gel, “seu” Luiz era unanimidade no País de Caruaru.

Bodocó – Ainda sem partido, o comerciante Klevinho Xavier desponta como o provável fato novo da sucessão em Bodocó. Já foi lançado, inclusive, o movimento “Inova Bodocó” como start da sua candidatura a prefeito. Bacia leiteira importante do Estado, Bodocó não tem tido sorte com gestores.

PUNIDO – O prefeito de Bom Jardim, João Lira (PSD), levou uma baita derrota, ontem, no Tribunal de Contas do Estado, que constatou grave ilegalidade na contratação de 797 servidores pela janela. Foi multado e suas secretárias também responsabilizadas pelo pulo do gato.

Perguntar não ofende: Felipe Carreras segue o exemplo de Tábata e recorre à justiça para deixar o PSB sem perder o mandato?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Bolsonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bolsonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

marcos

Ui, ui, ui, O nosso mito 48%, o Corno presidiário 36%. Kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Fernandes

Bozonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bozonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

Ibope: 78% da população já desaprova governo Bolsonaro.

Fernandes

Bebianno: Essa crise é resultado da inabilidade política do presidente da república.




16/10


2019

Coluna desta quarta na Folha

Morre a grife do País de Caruaru

Dizia Martin Luther King, pastor protestante e ativista político americano, que se o homem nunca descobriu nada pelo qual morreria, não estaria pronto para morrer. O empresário Luiz Lacerda, que morreu, ontem, aos 94 anos, em Caruaru, descobriu, na sua longa vivência, muitos motivos para o adeus à vida em paz com o conceito de Luther King.

Um deles foi fundar o seu time do coração, o Central, e colocar Caruaru na elite do futebol pernambucano. Homem de visão futurista, enveredou pelo comércio atacadista, foi o maior importador de bacalhau do País, mas nunca perdeu a humildade de agrestino criado na roça, de onde saiu garoto para dar o grito de liberdade como um dos homens de negócios mais bem-sucedidos do País.

Grife do País de Caruaru, Luiz Lacerda foi, também, fundador do sistema Liberdade de rádio, numa época de regime fechado, que não se respirava liberdade, daí a inspiração para a razão social da emissora. Era, enfim, escravo das suas paixões – o comércio, a família, o Central e sua gente caruaruense. Era um homem amoroso e admirável. Seu legado? O amor a Caruaru e ao seu Central, a patativa do Agreste.

Viagra natural – Na última vez que almocei com Luiz Lacerda, em uma das idas à rádio Cultura para apresentar o programa Frente a Frente, observei ter optado por uma costela de porco bem passadinha. Curioso, perguntei pela sua preferência e ele, já aos 94 anos, exibindo saúde e de namorada bem mais jovem, revelou que traçava um porquinho com frequência por ser um Viagra natural.

Xodós – Aos 80 anos, Luiz Lacerda ainda jogava uma peladinha de fim de semana com o genro Tony Gel, deputado estadual pelo MDB. De bem com a vida, dançava, bebia seu uísque moderado e nunca perdia uma partida do Central. Seu xodó eram os filhos, especialmente Miriam, ex-deputada. Fora da família, o radialista Ivan Feitosa, a quem tratava como filho adotivo.

Precedente – O deputado Felipe Carreras, punido pelo PSB com a suspensão do seu mandato por um ano, por ter votado a favor da reforma da Previdência, adorou a ideia da deputada Tábata Amaral (SP), que, ameaçada de expulsão pelo mesmo motivo, está recorrendo à justiça eleitoral para se manter na legenda. Carreras já tem advogado tratando do assunto.

Nojo – Na longa entrevista exclusiva que deu, ontem, ao Frente a Frente, o cantor Moacyr Franco, que faz show no final da semana que vem em Campina Grande e João Pessoa, disse que tem nojo em falar, hoje, da política nacional, mesmo tendo sido deputado federal. Tem lá suas razões!

Risco – Embora o Congresso tenha proibido usar o dinheiro dos precatórios do Fundef para pagar salário de professores, a prefeita de Itaíba, Regina Cunha (PTB), anunciou, ontem, Dia do Professor, que passará por cima da lei e atenderá à demanda salarial da categoria. Pode ficar inelegível.

USINAS – Acompanho, a partir de hoje, a comissão parlamentar da Assembleia Legislativa, coordenada pelo deputado Alberto Feitosa (SD), em visita às instalações das usinas nucleares 1, 2 e 3 de Angra dos Reis, no Rio. Pode sair de lá o modelo para a usina projetada para Itacuruba, no Sertão.

Perguntar não ofende: Por que a Policia Federal também não fez operação nos endereços do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro, em Minas?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

Bozonaro diz que o PSL é uma Quadrilha. O PSL diz que Bozonaro é um Bandido. E eu concordo com os dois!

Fernandes

PF tem provas de esquema entre Bolsonaro e ministro. Um depoimento dado à Polícia Federal e uma planilha apreendida em uma gráfica é uma prova que dinheiro do esquema de candidatas laranjas do PSL em Minas Gerais foi desviado para abastecer, por meio de caixa dois, as campanhas do presidente Jair Bolsonaro e do ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, ambos filiados ao partido.

Fernandes

O Conservadorismo é um Refúgio para os Canalhas, assim como o Patriotismo!

Fernandes

Deputada do PSL admite que partido usou laranjas: Ninguém aqui é santo. Durante sessão realizada ontem no plenário da Câmara, a deputada federal Dra Soraya Manato, do PSL, se dirigiu aos demais parlamentares admitindo o uso de laranjas pelo partido.

Fernandes

Líder do PSL chama Flávio Bolsonaro de bandido de estimação.


Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores