Gravatá IPTU 2019

21/03


2019

Temer é levado para o Rio de Janeiro

O presidente Michel Temer vai ser levado para o Rio de Janeiro, após ter sido preso em São Paulo. Ele embarcará na base aérea da capital paulista.

As primeiras informações são de que a prisão tem relação com informações do delator Lúcio Funaro sobre pagamento de propina ao grupo de Temer e do MDB em Angra 3.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Paulista Conectada

21/03


2019

Ex-presidente Michel Temer é preso

A Força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro prendeu, na manhã de hoje, Michel Temer, ex-presidente da República. Os agentes ainda tentam cumprir um mandado contra Moreira Franco, ex-ministro de Minas e Energia.

Os mandados foram expedidos pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio.

Desde ontem, a Polícia Federal (PF) tentava rastrear e confirmar a localização de Temer, sem ter sucesso. Por isso, a operação prevista para as primeiras horas da manhã desta quinta-feira atrasou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

marcos

UI, a bola da vez agora é Dilmenta.


Asfaltos

21/03


2019

Michel Temer é preso

A força-tarefa da Lava Jato no Rio de Janeiro prendeu, há pouco, Michel Temer, ex-presidente da República. Os agentes ainda tentam cumprir um mandado contra Moreira Franco, ex-ministro de Minas e Energia. Daqui a pouco mais informações de Brasília.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ArcoVerde

21/03


2019

Reinstalada Frente Parlamentar em Defesa do Sistema Único de Assistência Social

A Frente Parlamentar em Defesa do Sistema Único de Assistência Social foi reinstalada, ontem, na Câmara Federal. O presidente do colegiado, deputado Danilo Cabral (PSB/PE), reafirmou o compromisso de lutar pela recomposição do orçamento do SUAS e para que ele seja prioridade do governo federal. Com mais de 200 assinaturas de parlamentares, a Frente foi criada com o objetivo de preservar e consolidar o SUAS, principalmente diante dos constantes cortes no orçamento da assistência social. 

Segundo Danilo Cabral, é preciso mobilizar a sociedade e o Congresso Nacional para que não haja retrocessos nas políticas públicas da área. “Com a Frente, pretendemos unir parlamentares, gestores, assistentes sociais, profissionais, conselhos, fóruns, sindicatos e a sociedade em geral para defender e fortalecer o Sistema Único de Assistência Social”, disse Danilo.   

A assistência social é direito do cidadão e dever do Estado, estabelecido pela Constituição Federal. O SUAS foi criado em 2011, pela Lei nº 12.435, com o intuito de proteger famílias, crianças, adolescentes, jovens, pessoas com deficiência, idosos, entre outros grupos vulneráveis socialmente. Integram o SUAS os entes federativos, conselhos de assistência social e entidades da assistência social, constituindo uma rede articulada e complementar responsável pela gestão da assistência e proteção social em todo Brasil.

“O SUAS é muito importante, porque mantém e preserva toda uma rede de proteção social. Aqueles que na sua trajetória de vida não tiveram acesso à construção de sua cidadania precisam do Sistema”, destacou. Danilo ressaltou que os cortes previstos para este ano no setor é de R$ 30 bilhões. “Estamos sob risco de acabar com serviços fundamentais, como o funcionamento dos Centros de Referência de Assistência Social (CRAS) e dos Centros de Referência Especializado em Assistência Social (CREAS)”, reforçou.

O parlamentar é autor da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) nº 383/17, que propõe que a União aplique, anualmente, no mínimo 1% da receita corrente líquida no financiamento do Suas. “A Frente trabalhará para que essa PEC seja aprovada e o Sistema Único se torne política de estado. Dessa forma, nenhum governo poderá acabar com o Suas”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/03


2019

Mourão promete processar guru

Recentemente chamado de “idiota” pelo guru Olavo de Carvalho, o vice-presidente, general Hamilton Mourão, diz que vai processar o escritor se for ofendido novamente, segundo a Coluna do Estadão.

Assim que Bolsonaro aterrissou em Brasília, ontem, Mourão, pelo telefone, manifestou seu incômodo. O vice diz que discordar é uma coisa, mas ofender é outra. “Já está passando dos limites”, avisa.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/03


2019

Governador participa da entrega do Anuário da Secretaria da Mulher de Pernambuco

O governador Paulo Câmara participa, hoje, no Teatro Guararapes, de evento alusivo ao Dia Internacional da Mulher, que abrirá o ano da Secretaria da Mulher de Pernambuco. Na ocasião, será entregue a 12ª edição do Anuário, apresentando as ações realizadas pela secretaria em 2018 e o planejamento das metas e prioridades da política para as mulheres em 2019.

Entre as novas ações em favor da melhoria das condições de vida das mulheres no Estado, estão previstas parcerias a serem anunciadas nas áreas do enfrentamento da violência de gênero, do Programa Chapéu de Palha Mulher, dos prêmios “Naíde Teodósio de Estudos de Gênero” e “Mulher Idosa Anita Paes Barreto” e de concurso de fotografia. Também haverá a assinatura de instrumentos técnicos nas áreas de saúde e inclusão da mulher no mercado de trabalho.

A comemoração contará com apresentação de artistas e a participação de representantes dos poderes Executivo, Legislativo, Judiciário, da sociedade civil e dos 185 Organismos Municipais de Políticas Públicas para as Mulheres. O evento também homenageará a compositora Joana Batista Ramos, que junto com Matias da Rocha é autora do Hino Vassourinhas – música mais tocada no carnaval pernambucano.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/03


2019

Coluna da quinta-feira

Odacy esclarece mal-entendido

Por Arthur Cunha – especial para o blog

O presidente do Instituto Agronômico de Pernambuco, Odacy Amorim, veio a público, ontem, esclarecer um mal-entendido utilizado pelos seus opositores para fazer jogo político da pior espécie, via setores da mídia. Diz a nota, no início: “com vasta experiência pública e ciente das leis brasileiras, Odacy informa que não solicitou e/ou autorizou a colocação de adesivo em caminhão entregue à Cooperativa de Produção Agropecuária de Afrânio, durante ato solene”.

O texto segue com os esclarecimentos. “A iniciativa partiu do presidente da Cooperativa de Criadores de Aves, Bovinos, Caprinos e Ovinos de Afrânio e Adjacências, Eliomar Pereira de Souza, que, por agradecimento à entrega do caminhão e ingenuidade, quis prestar homenagem a Odacy Amorim no ato de entrega. Ao constatar a situação, Odacy solicitou a retirada imediata do referido adesivo – o que foi feito de pronto –, informando que a homenagem iria ferir as leis vigentes”.

Por fim, o presidente do Instituto Agronômico explica que sua equipe de comunicação foi “induzida ao erro” ao postar a imagem do caminhão adesivado nas redes sociais do ex-deputado. “Fato que foi corrigido em seguida, com a retirada da postagem”, encerra Odacy, na nota.

Eu fico me perguntando se não tem coisa mais interessante para se questionar. Os opositores do presidente do IPA sequer quiseram saber, por exemplo, se o que estava na caçamba do caminhão se encontrava em boas condições. Ficam se apegando a questões menores para fazer futrica política que não constrói nada. Uma pena!

Take it easy – Eu queria ter a confiança do prefeito de Camaragibe. O pau cantando na cidade em pleno processo de Impeachment, Ministério Público e Tribunal de Contas em cima da gestão com uma lupa gigante, e Demóstenes Meira fez o que? Foi viajar com a noiva Taty Dantas para os Estados Unidos, onde está desde o último dia 14. A foto mostra o prefeito tranquilo, fumando seu cigarro e curtindo a vida em Orlando, na Flórida. Pelo menos de crime ninguém vai acusá-lo desta vez, já que ele pode ir para onde bem entender.

Derretendo – “Nunca antes na história deste país” a popularidade de um presidente da República derreteu tão rápido no início do governo quanto a de Jair Bolsonaro. Segundo pesquisa Ibope, divulgada ontem, mais do que dobrou o número de pessoas que consideram a gestão ruim ou péssima: foi de 11%, em janeiro, para 24%, agora – cinco desses pontos percentuais apareceram nos últimos 30 dias. Já o índice de bom e ótimo caiu 15 pontos desde a posse de Bolsonaro; e hoje está em 34%. É, amigo, a vida real é sempre mais difícil que nas redes sociais.

Discurso – João Campos fez seu primeiro discurso na tribuna ontem. Ao falar da prioridade que o pai deu à Educação, citou a última entrevista de Eduardo para dizer que, em sua opinião, a principal frase dita pelo ex-governador não foi a famosa “não vamos desistir do Brasil”. “Tem uma melhor, quando ele disse: ‘no dia em que o filho do pobre e do rico, do político e do cidadão, do empresário e do trabalhador estudarem na mesma escola; nesse dia o Brasil será o país que queremos’”, lembrou.

Aquele 1% - A música de Marcos & Belutti com participação de Wesley Safadão explica, no popular, os conceitos das novas previdências dos civis e militares, cujo modelo proposto foi divulgado ontem. Segundo os cálculos do próprio governo, a reforma nas aposentadorias da turma da farda só representará 1% (R$ 10,45 bilhões em dez anos) da economia a ser gerada pela mexida na dos civis. Isso explica porque a equipe econômica demorou tanto para tornar público o que pensava para o tema. Afinal: “99% anjo, perfeito. Mas aquele 1%...”

CURTAS

CASAS – A Prefeitura de São Lourenço da Mata contabiliza o número de novas moradias que reduzirão o déficit habitacional na cidade. Com a entrega dos residenciais Dona Lindu I e II, e do São Lourenço I, II e III, serão contempladas 1.476 famílias de baixa renda no município. O prefeito Bruno Pereira viajou à Brasília diversas vezes com objetivo de destravar recursos.

SE LIGA, MENTIROSO! – Nem só de semideuses vive o Ministério Público de Pernambuco. O órgão promoveu um curso para capacitar seus membros a detectarem mentiras em uma situação de entrevista ou interrogatório. Você aí, mentiroso, se ligue, viu. Imagina se a moda chega no Judiciário?!

CONGRESSO – A União dos Vereadores de Pernambuco promove um congresso em Gravatá, entre os dias 28 e 31 de março. No evento, a ser realizado no Hotel Canariu’s, o presidente da UVP, Josinaldo Barbosa, será reconduzido ao cargo já que não houve registro de nenhuma outra chapa para a eleição.

Perguntar não ofende: Terá sido ontem o dia mais quente da história do Recife?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Fernandes

A queda de Bolsonaro já é acentuada nas periferias e nas grandes cidades.

Fernandes

Bolsonaro trai ruralistas , e libera 750 mil toneladas de trigo dos EUA para concorrer com produtos brasileiros.

Fernandes

Vida que segue: Temer e Cunha derrubaram Dilma e estão presos. Dilma fez palestra hoje em Madri...

Fernandes

O deputado Freixo do Psol analizará o pacote do Moro, é bom salientar que de segurança e Direitos Humanos o Freixo entende, melhor que qualquer um!

Fernandes

Continuo perguntando . Por quê a lava jato não conseguiu prender Eduard o Cunha antes dele liderar o golpe do impeachment? E pq não conseguiu prender Temer antes dele liquidar os direitos trabalhistas e entregar o pré sal? Pq ela queria o golpe e Bolsonaro presidente.



21/03


2019

Temor de falar demais em Israel

Militares temem abordagem sobre embaixada em ida de Bolsonaro a Israel

O presidente já manifestou a intenção de fazer a mudança. O assunto, no entanto, entrou em banho-maria depois que ele foi eleito

Mônica Bergamo – Folha de S.Paulo

A viagem de Jair Bolsonaro a Israel, ainda em março, acendeu nova luz amarela entre militares do governo. Eles temem que, num arroubo, o presidente dê a entender que vai, sim, transferir a embaixada brasileira no país de Tel Aviv para a cidade de Jerusalém. Bolsonaro já manifestou a intenção de fazer a mudança. O assunto, no entanto, entrou em banho-maria depois que ele foi eleito.

As atitudes do presidente nos Estados Unidos deixaram militares assustados. Eles não gostaram do tom dúbio adotado por ele acerca do apoio a uma eventual ação militar contra a Venezuela.  Temem que o mesmo se repita em Israel.

Militares como o vice-presidente Hamilton Mourão e o general Augusto Heleno, do GSI (Gabinete de Seguraça Institucional), combatem nos bastidores a ideia de transferir a embaixada para Jerusalém. Mourão já disse que a transferência pode inclusive atrair o terrorismo internacional para o Brasil.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

bm4 Marketing 3

21/03


2019

Julgamento de Lula por triplex pode ocorrer terça-feira

julgamento de Lula no caso do triplex pode ocorrer na próxima terça (25), no STJ (Superior Tribunal de Justiça).

Paulo Vieira de Souza, o Paulo Preto, acusado de ser operador financeiro do PSDB, foi transferido para o Complexo Médico-Penal, na região metropolitana de Curitiba, no Paraná.

No presídio também estão detidos o ex-presidente da Câmara Eduardo Cunha, o ex-presidente do Banco do Brasil e da Petrobras, Aldemir Bendine, e o ex-tesoureiro do PT João Vaccari Netto, entre outros.

Souza estava desde o último dia 14 na custódia da Polícia Federal, na capital paranaense. Ele solicitou ficar em cela separada dos demais presos, por ter curso superior. Por isso, os agentes da PF pediram uma vaga no sistema penitenciário e ele foi removido.  (Mônica Bergamo – Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/03


2019

Tudo ok para Ricardo Vélez. Nem sempre

Bolsonaro enviou mensagem ao ministro Ricardo Vélez (Educação) enquanto estava nos EUA para reafirmar a permanência dele no posto.

Fez o gesto logo após ter encontrado o escritor Olavo de Carvalho, que declarou guerra a nomes do MEC.

Apesar do sinal, a expectativa é a de que Vélez deixe o cargo em breve.(Daniela Lima – FSP)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/03


2019

Pacote anticrime: a irritação de Maia contra Moro

A evidente irritação de Rodrigo Maia (DEM-RJ) com o governo Jair Bolsonaro escalou dois tons nesta quarta (20), com a estocada no ministro Sergio Moro (Justiça), que vem cobrando a tramitação de seu pacote anticrime. O democrata avalia que Moro está contribuindo para colocar as redes contra ele

Os coordenadores dos grupos que vão analisar o pacote de Morojunto ao projeto organizado pelo ministro Alexandre de Moraes, do STF, começam a definir um cronograma nesta quinta (21), às 10h30.

Moraes elaborou no ano passado, em parceria com a Câmara, uma longa proposta de mudança na legislação penal. Seu pacote é visto como prioritário ao de Moro. (Painel)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/03


2019

Pressão sobre a CPI da Lava Toga

Senadores que estão à frente da chamada CPI da Lava Toga querem ampliar a pressão sobre o presidente do Senado, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

Que já está sob questionamento constante nas redes.

Planejam apresentar questão de ordem pedindo a instalação imediata da comissão de inquérito.  (FSP)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/03


2019

Pesquisa atiça grupo evangélico: vai ao presidente se valorizar

Os dados da pesquisa que mostram que os evangélicos são os que mais aprovam o governo Bolsonaro foram celebrados pela bancada religiosa. Os resultados serão usados pelo grupo para dizer ao presidente que ele precisa valorizá-lo, ou encarar o risco de uma desidratação ainda maior em sua avaliação.

Um deputado diz que o apoio evangélico segue porque a insatisfação ainda não chegou ao púlpito das igrejas. Num estalar de dedos, diz ele, tudo pode mudar.

Aliados de Bolsonaro minimizaram a pesquisa e disseram que ela reforça a sensação de que o presidente é alvo de perseguição.  (Painel – FSP)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


21/03


2019

Quais são os “incômodos” do Congresso

Integrantes do partido do presidente passaram a ser vistos como um “incômodo” no Congresso.

Enquanto parlamentares de outras legendas discursam na tribuna, eles ligam o celular, filmam os colegas, criticam e postam nas redes.

“Não agem em momento algum como membros do partido do governo, que precisam agregar apoio a um projeto maior. A reforma é prioridade em tese. Na prática, ela não é”, diz um deputado do centro.  (Painel – FSP)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha