Versão Sertão Central

26/05


2018

Acúmulo de encomendas nos Correios

Em função da greve dos caminhoneiros, os Correios atrasaram entregas de encomendas pelo País. Além do atraso das entregas, os Correios terão prejuízo financeiro, ainda não calculado pela presidência do órgão.

Nos centros de distribuição dos Correios estão milhares de encomendas que chegaram do exterior. Um mutirão será feito assim que o abastecimento de combustível for normalizado.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Versão Sertão de Itaparica

25/05


2018

Candidatura de Alckmin preocupa PSDB

Segundo a revista Veja, o pré-candidato ao Palácio do Planalto pelo PSDB, Geraldo Alckmin, em diálogos recentes com pessoas muito próximas, cogitou desistir da candidatura.

Neste fim de semana, o instituto Ibope fará uma pesquisa em São Paulo para avaliar o ex-governador.

A pesquisa será um termômetro para Alckmin, que vai avaliar se terá apoio ou não.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Marcia

Ainda é cedo demais pra levar os números das pesquisas em consideração. Assim que o históricos e as propostas dos candidatos forem apresentadas muitos candidatos não irão se sustentar. Bolsonaro, por exemplo, em todos esses anos de vida pública não fez nada. Alckmin é o candidato que tem trabalho feito pra mostrar.


Versão Agreste Central

25/05


2018

Em Brasília, postos continuam sem combustível

Agora à noite, a redação do blog em Brasília percorreu o Plano Piloto (Asa Norte e Asa Sul) na capital federal e constatou que, na maioria dos postos, ainda falta combustível, mesmo após o acordo do governo com os caminhoneiros.

Segundo os gerentes, o abastecimento deve ser retomado até segunda-feira.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Versão Agreste Central

25/05


2018

PF chama 20 empresários para depor

O ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann, afirmou que o governo tem uma lista com 20 nomes de empresários que foram chamados a depor na Polícia Federal. Esses empresários – para o governo – teriam incentivado a greve cinco dias dos caminhoneiros.

O ministro disse que  há fortes indícios de que os empresários teriam cometido locaute (lockout), recusa por parte da entidade patronal em ceder aos trabalhadores os instrumentos de trabalho necessários para a sua atividade.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Quentura

É hora de comemorar, vista sua camisa da seleção, pegue seu pato e venha dançar com o aumento dos combustíveis.



25/05


2018

“Vocês estão em SP, eu estou no Brasil”, diz Ciro

O pré-candidato à Presidência da República pelo PDT, Ciro Gomes, discordou de empresários do setor varejista ao defender, nesta sexta-feira, 25, a revogação da reforma trabalhista. 

Em almoço promovido pelo Instituto Desenvolvimento para o Varejo (IDV), na capital paulista, empresários tentaram convencer Ciro de que a reforma feita pelo presidente Michel Temer foi positiva e não causou desemprego, enquanto o presidenciável reforçou a ideia de revogar a proposta argumentando que a medida atingiu os trabalhadores mais pobres.

Para Ciro, a maioria dos trabalhadores no País não contam com uma estrutura sindical forte para negociar com os empresários e estão a mercê da perda de direitos trabalhistas. "Vocês estão em São Paulo, eu estou no Brasil", disse o presidenciável, enquanto discutia com os varejistas.

O pré-candidato do PDT foi o quarto convidado de uma série de conversas que a instituição promove com presidenciáveis. Marina Silva (Rede), João Amoedo (Novo) e Geraldo Alckmin (PSDB) já participaram de encontros com a entidade. "Temos que modernizar a economia e gerar emprego. Agora, não é perseguindo pobre que a gente vai fazer isso", declarou Ciro, ao se posicionar sobre a reforma.

Empresários, porém, disseram que as mudanças na legislação trabalhista foram benéficas para o setor. "No varejo, os impactos não são negativos, não houve nenhum tipo de redução de empregos por conta disso", afirmou a jornalistas o presidente do IDV, Antonio Carlos Pipponzi, ao comentar o debate com Ciro.

Pipponzi disse que o setor entende que há mudanças necessárias na reforma feita por Temer, mas que o escopo precisa ser mantido. Ele informou que convidou o presidenciável para um novo debate sobre a legislação trabalhista.

Uma convergência de Ciro e dos varejistas, acrescentou o presidente da instituição, foi concordar com uma reforma tributária que desonere o consumo e tribute mais a renda.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Ipojuca

25/05


2018

Paulo Câmara decreta Situação de Emergência

Com o objetivo de garantir a manutenção dos serviços públicos essenciais prestados à população de Pernambuco, em meio à crise gerada pela mobilização dos caminhoneiros, o governador Paulo Câmara decretou, hoje, Situação de Emergência no Estado. A ação busca assegurar agilidade à administração pública estadual e aos municípios para o restabelecimento da normalidade, viabilizando, entre outras questões, a distribuição de combustíveis, alimentos e insumos a entidades públicas e a segmentos da sociedade civil. O Decreto n. 46.061 será publicado no Diário Oficial do Estado deste sábado (26.05).  Durante coletiva de Imprensa, realizada no Centro Integrado de Comando e Controle Regional de Pernambuco (CICCR), Paulo criticou a posição do Governo Federal de colocar os lucros da Petrobras à frente dos interesses da população.

"Tudo o que estiver dificultando o cumprimento das decisões judiciais, o abastecimento dos postos de gasolina, o abastecimento do ir e vir de mercadoria, será facilitado com ações que constam nesse decreto”, afirmou o governador Paulo Câmara, reforçando que os serviços estão sendo garantidos ao povo pernambucano. "Não vamos permitir que haja qualquer tipo de bloqueio para o abastecimento das cidades e da população. Então, esse trabalho vai ser intensificado, e eu tenho determinação, junto com todo o Governo, para garantir a normalidade dessa situação em toda a população", pontuou. 

Com relação à tentativa do Governo Federal de dividir com os Estados a responsabilidade pelo atual momento, Paulo Câmara foi enfático, defendendo a prestação de serviços públicos à população. "Não se pode resolver essas questões da forma que o Governo Federal quer resolver. Pernambuco sempre cuidou disso com muita responsabilidade, com muito planejamento, tanto é que o transporte público de passageiros tem o ICMS zero em relação ao combustível e ao diesel. E também é isento do ICMS para o frete interestadual. Não vamos, de maneira nenhuma, num momento crise que nós estamos passando, abrir mão de receita de Saúde, de Educação e de Segurança para garantir lucro da Petrobras. Pernambuco não iniciou esse movimento de alta de combustível. Foi a Petrobras que, sem diálogo, fez isso também no gás de cozinha", asseverou. 

Paulo explicou que a postura do Governo Federal coloca em xeque a prestação dos serviços nos Estados. "Nós não concordamos com essa política de preços da gasolina da Petrobras. Pernambuco não vai abrir mão de receitas, que hoje garantem a melhor Educação Pública do Brasil, que garante os hospitais funcionando, garante a polícia trabalhando e reduzindo o número de homicídios, para manter os lucros da Petrobras", frisou. 

O procurador-geral do Estado, César Caúla, detalhou que o decreto autoriza a realização de requisição administrativa para eventuais falta de materiais. “O Estado pode fazer a requisição ao particular e, depois, indenizá-lo. Também autoriza a prestação de serviço de segurança para a viabilização dos transportes das mercadorias, apoio aos municípios, realização de plantões e situações de acréscimo de carga de trabalho na Polícia Militar”, explicou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Ricardo José

Hoje os direitista se misturam a esquerda e ao comunismo, basta lê e vê as noticias vindas de Curitiba onde já há pelo menos um presidiário. A partir dai retire suas conclusões ou aceite as consequências. Odebretch e irmãos Batista que o digam.

Quentura

Os direitistas tão chorando.

Ricardo José

Deveria ter mesmo era uma intervenção neste governo estadual, pense em um desastre.


Gravatá

25/05


2018

TSE decidirá segunda se Lula pode ser candidato

Está na pauta do Tribunal Superior Federal de segunda-feira (28) se um réu em ação penal pode registrar candidatura eleitoral.

O TSE não julgará o caso específico do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva. No entanto, o presidente do tribunal, ministro Luiz Fux, poderá ampliar o debate.

O TSE irá analisar uma consulta apresentada pelo deputado federal Marcos Rogério (DEM-RO).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Quentura

É hora de comemorar, vista sua camisa da seleção, pegue seu pato e venha dançar com o aumento dos combustíveis.


ArcoVerde

25/05


2018

Garantia da Lei e da Ordem se mantém até 4º de junho

Decreto do presidnete Michel temer autoriza homens das Forças Armadas atuarem para manter a ordem em todo o País.

O ministro de Estado, Sérgio Etchegoyen, disse em coletiva que as operações de Garantia da Lei e da Ordem (GLO) estarão em vigor até o dia 4º de junho (o governo poderá prorrogá-las). A GLO é um instrumento usado pelo presidente da República em casos em que há esgotamento das forças tradicionais de segurança pública, em situações graves de perturbação da ordem. Nesses casos, as Forças Armadas são acionadas. A coletiva foi encerrada neste momento no Palácio do Planalto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de camaragibe

25/05


2018

PCR mantém serviços essenciais no final de semana

Após o monitoramento dos efeitos da crise nacional de abastecimento nos serviços municipais, realizado constantemente nos últimos dois dias, a Prefeitura do Recife reassegura para a população o funcionamento dos serviços públicos essenciais nas áreas de Saúde, Defesa Civil, Gestão de Trânsito e Cidadania, neste final de semana.

O esforço da Prefeitura do Recife foi no sentido de concentrar os esforços e os recursos disponíveis para a manutenção dos serviços essenciais para a população. Dessa forma, funcionarão durante todo o final de semana o Hospital da Mulher do Recife, as Upinhas 24h, Policlínicas, Maternidades, CAPS e o SAMU 192. Também estão garantidas para o final de semana a coleta de lixo e a limpeza da cidade.

Os Compaz Ariano Suassuna e Governador Eduardo Campos também funcionam normalmente neste sábado e domingo. Os serviços emergenciais da Defesa Civil, dentro da Operação Inverno 2018, também estão assegurados nas áreas de risco da cidade. O plantão da Defesa Civil também estará funcionando no 0800 813400, assim como o Liga, Mulher no 0800 281 0107. A CTTU manterá o monitoramento do trânsito da cidade, com as viaturas disponíveis para o atendimento de ocorrências de trânsito com vítima.

GABINETE DE EMERGÊNCIA – Durante toda esta sexta-feira (25), o Gabinete de Emergência montado em conjunto pelo Governo do Estado, Prefeitura do Recife e Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), fez o monitoramento hora a hora dos efeitos da crise de abastecimento no Estado e no Recife. O prefeito Geraldo Julio também reuniu o secretariado da Prefeitura do Recife para avaliação dos serviços municipais ontem (24) e nesta sexta-feira (25).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

Brasília: Governo não vai mudar preço da gasolina

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, disse que o governo não pretende mexer no preço da gasolina. “Não há ainda demanda no governo sobre gasolina. Estamos discutindo apenas o diesel”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

Jaboatão decreta estado de emergência

O prefeito do Jaboatão dos Guararapes, Anderson Ferreira, anunciou, hoje, o decreto de emergência no município devido aos problemas provocados pela falta de abastecimento de combustível. Com a medida, a Prefeitura poderá requisitar ou apreender combustível estocado nos postos para garantir serviços essenciais, como de saúde, segurança e recolhimento de lixo.  O estado de emergência também permite que a administração municipal realize gastos necessários para atender à população da melhor maneira possível.

Outra decisão tomada nesta sexta-feira  é quanto à circulação dos ônibus complementares, até que a situação esteja normalizada. Nos horários de pico, 60% da frota estará realizando o transporte de passageiros, e 40% nos demais horários. O trabalho de limpeza urbana será mantido nos próximos dias, principalmente com recolhimento manual e coleta seletiva do lixo. A expectativa é que ao menos 20% dos caminhões de coleta sejam utilizados, como forma de economizar combustível.

As equipes da Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes estarão de prontidão, durante o final de semana, acompanhando e avaliando a situação para tomar as medidas necessárias.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

bm4 Marketing 5

25/05


2018

Brasília: Governo diz que desmobilização pode ser lenta

O ministro da Casa Civil, Eliseu Padilha, reconheceu que o fim das interdições pode ocorrer de forma lenta. Ele destacou que há mobilizações isoladas entre os caminhoneiros pelo whatsapp.

“O governo está fazendo sua parte e está honrando o acordo. Temos confiança absoluta nos nossos números e mostramos que persistem interrupção”, disse Padilha.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Asfaltos

25/05


2018

Min. Defesa: Espero resolver com o mínimo de desgaste

O ministro da Defesa, Joaquim Silva e Lima, disse que as Forças Armadas têm estrutura em todo o País e que elas foram convocadas para garantir abastecimento, lei e ordem.

As Forças Armadas irão cumprir o decreto, publicado pelo presidente Michel Temer, de garantia da lei e da ordem (GLO) em todo o território nacional.

“Espero que se resolva [desbloqueio das rodovias] com o mínimo de desgaste”, destacou o ministro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

Jungmann: 419 rodovias já foram liberadas

O ministro da Segurança naciona, Raul Jungmann, disse que, até o momento, dos 938 pontos de interdições identificados pela Polícia Rodoviária, 419 já foram liberados.

Jungmann também ressaltou que paralisados também podem ser enquadrados por associação criminosa. "Patrões estão explorando de maneira insensível o sofrimento da população. Se investigações comprovarem locaute, empresários poderão seer presos e multados".

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

Detran adia vistoria para motofretistas

A Assessoria de Imprensa do Departamento Estadual de Trânsito de Pernambuco – DETRAN-PE, informa que estava previsto para encerrar amanhã, a primeira jornada de Inspeção Semestral Obrigatória e de Segurança do ano de 2018 para veículos que possuem registro ao Órgão para exercer a atividade de motofrete, nome dado ao serviço de transporte profissional de pequenas cargas em motocicletas.

A ação foi cancelada devido a greve dos caminhoneiros, sendo transferida para o sábado (02 de junho de 2018), das 8h às 13h, e acontece na sede do DETRAN-PE, localizado na Estrada do Barbalho, 889 – Iputinga.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

Brasília: começa coletiva no Salão Leste do Palácio

Iniciou neste momento a coletiva de imprensa no Palácio do Planalto com a presença dos ministros da Casa Civil, Eliseu Padilha; da Segurança Nacional, Raul Jungmann; Secretaria de Governo, Carlos Marun e o ministro de Estado, Sérgio Etchegoyen.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

Associação pede a caminhoneiros fim de interdições

A Associação Brasileira dos Caminhoneiros - que não assinou acordo, ontem, no Palácio do Planalto - divulgou nota há pouco em que pede que os caminhoneiros “retirem as interdições nas rodovias (...) por estar preocupada  com a segurança dos caminhoneiros envolvidos”.

A nota ainda afirma que ABCAM “mostrou a força ao governo, que nos intitularam como minoria”.  


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

Item do acordo do governo sugere um “toma lá, dá cá”

Entre os 12 pontos estabelecidos no acordo entre representantes dos caminhoneiros  e o governo chama atenção o item 6.

O trecho sugere uma forma de “agradar” às entidades que propuseram a paralisação ao autorizar contratações de empresas de transporte rodoviário de carga sem licitação. Veja:

“Editar medida provisória, em até 15 dias, para autorizar a Companhia Nacional de Abastecimento (Conab) a contratar transporte rodoviário de cargas, dispensando-se procedimento licitatório, para até 30% de sua demanda de frete, para cooperativas ou entidades sindicais da categoria dos transportadores autônomos”, diz o acordo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

PT apresenta programa de governo a Lula em 15 de agosto

O Partido dos Trabalhadores (PT) deverá apresentará até 15 de agosto o seu programa de governo ao candidato da sigla à Presidência da República que, pelas orientações do Diretório Nacional da Legenda, será o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, disse, há pouco, ao Estadão, o economista, professor da Universidade de Campinas (Unicamp) e responsável pelo programa petista, Márcio Pochmann.

Ele falou por pouco mais de uma hora e respondeu perguntas de clientes e sócios da GO Associados que, sob a mediação do presidente da instituição Gesner de Oliveira está ouvindo todos os economistas dos pré-candidatos numa série chamada "Programas Econômicos dos Presidenciáveis". Antes da apresentação oficial, o programa será submetido à aprovação do PT, em 19 de julho, informou Pochmann.

O programa, ainda em construção, de acordo com o economista, contou na sua primeira fase com participação da ex-presidente Dilma Rousseff no que o PT chamou de fase de avaliação e autocríticas dos 13 anos de governo do PT. "Autocríticas, de certa forma não são muito comuns na nossa recente democracia. Humildemente, isso nos permitiu escolher melhor os caminhos a serem seguidos numa eventual nova experiência de governo", disse Pochmann.

Por estar em fase de construção, o programa do PT não tem ainda questões fechadas sobre vários temas de relevância, admitiu o economista e professor da Unicamp. Mas ele adiantou que o programa está abandonando as ideias calcadas em documentos e programas detalhistas do campo da esquerda que são, normalmente, teorias frias.

Nesse aspecto, explicou o petista, um próximo governo petista terá que ter em vista que no processo de globalização o Brasil não poderá continuar a se comportar como se fosse uma ilha. Terá que ser uma economia que olhe para o desenvolvimento do País, da América Latina e que, sobretudo, esteja conectado com que acontece no resto do mundo.

Para Pochmann, o programa que será apresentado será muito diferente de todos os programas de governo do PT desde que o partido começou a participar de eleições presidenciais em 1989.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

O impacto da falta de combustíveis na produção agropecuária

O movimento grevista dos caminhoneiros tem afetado a produção e comercialização agropecuária também em Pernambuco. De acordo com levantamento preliminar feito Federação da Agricultura do Estado (Faepe), inclusive com informações nacionais colhidas pela Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA), o bloqueio das estradas e dos transportes tem resultado em impactos imensuráveis para o setor.

Segundo, Pio Guerra, presidente da Faepe, as cadeias produtivas de leite, aves, frutas e suínos estão sendo as mais afetadas em Pernambuco. “As limitações impostas no transporte de cargas têm prejudicado o fornecimento de insumos as propriedades agrícolas, a manutenção do manejo adequado das atividades agropecuárias e a correta distribuição de seus produtos, a grande maioria perecíveis”, informou o presidente.

Com as principais rodovias que ligam a Região Metropolitana do Recife (RMR), Agreste e Sertão do Estado bloqueadas, são sentidas perdas diretas em produtos lácteos, pintos de um dia e frutas frescas, dentre outros.

De acordo com a Associação Avícola de Pernambuco (Avipe), a falta de combustível e de caminhões – que estão parados nas estradas, já traz prejuízos para o segmento, com parte da produção estocada nas granjas ou nas estradas. A associação estima, ainda, perda de 15% da produção mensal no Estado, durante os quatro dias de paralisação. Relatos de avicultores indicam falta de ração em várias granjas.

A exportação de frutas enfrenta ainda mais dificuldades, pois mesmo com a emissão da documentação necessária e com o cumprimento de todo o procedimento legal, o produtor não conseguirá atender o prazo de entrega estabelecido em contrato pelo comprador.

As cargas de manga e uva de produtores-exportadores da região do Vale do São Francisco estão impossibilitadas de sair do município em direção aos portos. As frutas estão sendo mantidas em caminhões frigorificados e os custos com a manutenção da cadeia de frio para as cargas reduz diretamente a margem de lucro do produtor. Desde o início da greve, a região já registrou perda de 25% na produção da semana.

Vale destacar, que não há mais espaço para resfriamento dessas frutas, a partir da próxima semana. Caso a greve continue, o Sindicato Rural de Petrolina estima que a produção de uva e manga do Vale tenha 80% de perda, entre os dias 28 de maio e 01 de junho. Além disso, o abastecimento no mercado interno também já está comprometido.

Abatedouros de caprinos, ovinos e suínos também estão com a produção e o transporte de mercadorias parados, porque os animais não podem ser entregues. Além disso, abates já foram cancelados em diversas regiões do Estado.

Outro agravante se refere à morte de animais nas estradas devido à falta de condições de chegada as unidades de abate.  Depoimentos de produtores afirmam que vários estabelecimentos agrícolas, entre frigoríficos e abatedouros, estão deixando de operar em Pernambuco. Essa é a realidade Frigorífico Monte Alegre, que está com 4 caminhões parados nas estradas estaduais. Entre os animais presos estão cerca de 120 suínos e mais 200 caprinos e ovinos.

Em relação às feiras e exposições agropecuárias, a Faepe informa que muitos estão praticamente sem circulação de animais. A Feira Semanal de Caprinos e Ovinos de Dormentes, que atrai compradores da RMR e do Agreste de Pernambuco, e de outros Estados, já teve a comercialização de 3 mil animais interrompida de 3 mil animais, nestas quinta e sexta-feira (24 e 25), prejudicando o abastecimento de vários estabelecimentos comerciais consumidores.

“É imprescindível a redução das elevadas cargas tributárias federal e estadual que tanto impactam a produção pernambucana e brasileira. Por isso, a federação reforça a necessidade de se buscar uma solução definitiva”, enfatizou Pio Guerra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


25/05


2018

Deputados de oposição emitem nota sobre greve

Nota oficial

A paralisação dos transportes rodoviários em todo país é fruto direto de uma política desastrosa dos preços de combustíveis da Petrobras do governo Temer. O protesto é justo devido aos aumentos abusivos e constantes. Foram absurdos 229 reajustes no preço do diesel nos últimos dois anos. Nos 12 anos de governo do PT, foram apenas 16 reajustes.

Desde 3 de julho do ano passado, quando a Petrobras mudou a política de preços para incluir no cálculo a variação do valor do petróleo no mercado internacional, o diesel subiu 56,5%, e a gasolina 53,4%.

Conforme explica a Associação dos Engenheiros da Petrobras (AEPET), ao contrário do que apregoa o governo e a grande mídia, essa nova política de preços em nada tem a ver com valorização da estatal. Pelo contrário. O que o governo busca é favorecer as grandes petroleiras internacionais.

Tanto que, além dos preços exorbitantes que vem praticando, a empresa ainda reduziu o refino de petróleo, e a ociosidade de suas refinarias chegou a um quarto da capacidade instalada. Tudo isso com o objetivo viabilizar as importações de concorrentes, afirmam os engenheiros.

E, para isso, a política do governo Temer tem se mostrado eficiente. Conforme a nota da AEPET, a importação de diesel foi multiplicada por 1,8 desde 2015, quase dobrou. Já as compras dos Estados Unidos foram multiplicadas por 3,6, quase quatro vezes mais.

O governo é o grande responsável pela crise, pois promove o sacrifício da população brasileira a fim de gerar lucros no exterior, para as grandes multinacionais do petróleo. Não foi a crise que criou o caos, mas o caos político e financeiro causado pelo governo Temer que fez surgir a crise.

Não existe solução autoritária para o impasse. Nem intervenção militar resolve, muito menos radicalismo por parte de outros. A saída para a situação é reverter essa política extremamente pró-mercado externo e voltar a privilegiar uma política racional de preços dos combustíveis. Tal medida ainda teria a vantagem de fortalecer o mercado interno e a própria empresa. E, para isso, se faz necessária e urgente a saída do presidente da Petrobras, Pedro Parente.

Como ressaltam os engenheiros da estatal, entre 2011 e 2015, quando o governo Dilma adotou o controle dos preços, a “geração de caixa da companhia foi pujante, sempre superior a 25 bilhões de dólares”.

Sempre defenderemos soluções democráticas e justas para o país. Exigimos a recuperação plena da Petrobras e de seu papel estratégico, além de uma política justa e soberana dos preços de combustíveis.

José Guimarães, líder da Oposição

Weverton Rocha, líder da Minoria

Paulo Pimenta, líder do PT

Júlio Delgado, líder do PSB

André Figueiredo, líder do PDT

Orlando Silva, líder do PCdoB


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Quentura

Eleitor de Bolsonaro tem cérebro?

Quentura

Abra sua mente ,e feche sua boca, mente fechada não entra ideia,e boca aberta entra mosca.

Ricardo José

Exatamente, são sempre oportunistas igualmente o grande parte do PMDB. Usar o momento para se promover é no mínimo cara de pau. A respeito da política de preços da estatal, estamos provando da conta criada pelo governos do PT e puxadinho do PMDB.

Quentura

Não importa se há patrão atrás da greve; problema é a Petrobras. Não importa discutir se a greve dos caminhoneiros é um locaute (tem apoio dos patrões) ou não. A questão é o governo resolver a política de preços da Petrobras.

Quentura

O direitista ai tá provando do próprio veneno.



25/05


2018

26 decisões proíbem a obstrução de rodovias

Nota oficial

A Advocacia-Geral da União (AGU) informa que, até o momento, são 26 decisões que proíbem a obstrução de rodovias federais nos estados do Acre, Ceará, Rio Grande do Sul, Sergipe, São Paulo, Paraná, Pará, Minas Gerais, Rio Grande do Norte, Goiás, Santa Catarina, Pernambuco, Paraíba, Rondônia, Distrito Federal e Rio Grande do Sul durante as manifestações de greve de caminhoneiros.

Outras 12 ações foram ajuizadas pelas procuradorias e aguardam decisões nos estados do Pernambuco, Bahia, Mato Grosso, Tocantins, Mato Grosso Sul, Goiás e São Paulo. As 38 ações foram distribuídas em pedidos de reintegração de posse de rodovias federais ocupadas e interditos proibitórios, que é um mecanismo processual de defesa utilizado para impedir agressões iminentes que ameaçam a posse de alguém, além de pedidos mistos de interdito e reintegração de posse.

Em um caso a AGU solicitou o desbloqueio de rodovia estadual de Pernambuco, atuação que foi necessária para evitar riscos ao funcionamento de serviço federal, como o do Aeroporto de Guararapes.

Advocacia-Geral da União


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Quentura

Não importa se há patrão atrás da greve; problema é a Petrobras. Não importa discutir se a greve dos caminhoneiros é um locaute (tem apoio dos patrões) ou não. A questão é o governo resolver a política de preços da Petrobras.

Quentura

O direitista ai tá provando do próprio veneno.

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

kkkk. O problema é acabar com esses políticos que só pensam em se aproveitar e roubar. A AGU deveria pedir a prisão desses políticos mas, são pago para defende-los.



25/05


2018

Forças Armadas atuarão de “maneira enérgica”

O ministro da Defesa, Joaquim Silva e Luna, disse há pouco a jornalistas no Palácio do Planalto que as Forças Armadas irão agir de forma rápida e enérgica para destravar as rodovias interditadas no País.

“Tão logo o presidente assine o decreto autorizando o emprego das forças, as forças serão empregadas. Uma ação rápida, integrada e de forma enérgica como deve ser o emprego de forças, afirmou o ministro".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Quentura

Não importa se há patrão atrás da greve; problema é a Petrobras. Não importa discutir se a greve dos caminhoneiros é um locaute (tem apoio dos patrões) ou não. A questão é o governo resolver a política de preços da Petrobras.

Quentura

O direitista tá provando do próprio veneno.

JOÃO FREIRE CORRÊA LIMA

Outro idiota. Pode até ser, mais duvido que as Forças Armadas queiram intervir para ajudar a ter uma solução pelos problemas que essa corja política criou.



25/05


2018

Moro adia audiência de Lula e mais 12 réus

O juiz federal Sérgio Moro decidiu, hoje, adiar os depoimentos previstos para a próxima segunda-feira relacionados a processos da Operação Lava Jato em razão das dificuldades de transporte motivada pela paralisação dos caminhoneiros, segundo o portal G1.

Entre os 13 depoentes, estava o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que iria falar sobre o caso do sítio de Atibaia. Seria a primeira vez que Lula deixaria a prisão na Superintendência da Polícia Federal de Curitiba, onde está detido desde 7 de abril.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores