O Jornal do Poder

15/12


2006

Fernando Bezerra antecipa sua saída da prefeitura

O prefeito de Petrolina, Fernando Bezerra Coelho, que chegou agora há pouco ao local onde será anunciado o secretariado do governador eleito Eduardo Campos, admitiu que pode deixar a prefeitura antes de primeiro de janeiro para assumir a Secretaria de Desenvolvimento Econômico. É provável que o prefeito passe o cargo para o vice no dia 22 deste mês.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Carlos Filho de Serra Talhada

é só oque Gonzaga Patriota quer!!!!


Potencial Pesquisa & Informação

15/12


2006

Ranilson assume a ARPE

Resolvido o impasse gerado entre o prefeito de Petrolina, Fernando Bezera Coelho, e o ex-deputado Ranilson Ramos, que teria sofrido veto do prefeito: Ranilson assumirá a Agência Reguladora de Pernambuco (ARPE).


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Carlos Filho de Serra Talhada

EITA!! BRIGOU,BRIGOU MAIS FOI AMANSADO.

adelson w. souza

prezado marcelo,nao é inveja nao.é a história do rapaz .já andou pelo lafepe,com jarbas,brigou com o prefeito de petrolina e entrou pelo cano.agora arrumou esse lugar.deve ser o coringa do secretariado.infelizmente,nao tem o gabarito,de um roldao.ai a diferença.voce pode ter razao.nao sei.

adelson w. souza

peço desculpas pelo que disse do sr.ranilson.se um vereador de belo jardim disse que é bom,entao esta explicado.esses vereadores dessas grandes cidades geralmente sabem escolher os melhores.parabens.retiro o que disse.

adelson w. souza

o ranilson é deputado?vai deixar o cargo para ocupar esse lugar ou foi derrotado?

VALDEMI VIEIRA CINTRA

SE O GOVERNADOR COLOCU RANILSON NA ARPE É PQ ELE TEM COMPETENCIA E O GOVERNO PRECISA DELE. RANILSON É HOMEM QUALIFICADO, PREPARADO, GRANDE ARTICULADOR POLITICO, QUE MUITO AJUDOU A CAMPANHA DE EDUARDO. VEREADOR VALDEMIR CINTRA - BELO JARDIM-PE


Banco de Alimentos

15/12


2006

Roldão assumirá a Secretaria de Desenvolvimento Social

O governador eleito, Eduardo Campos, preencheu a última vaga que estava em negociação para compor o seu secretariado, que será anunciado daqui a pouco. O conselheiro aposentado do Tribunal de Contas do Estado e ex-deputado Roldão Joaquim dos Santos assumirá a Secretaria de Desenvolvimento Social.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Paulo Henrique Guerra Alves

Bela indicaçao. Homem de trato fino com as pessoas e grande capacidade de administrar! Parabens Roldao

adelson w. souza

é isso ai,milton.esse é o craque da equipe.mas colocar o ranilson,francamente.é acomodaçao politico.e tem uns gaiatos dizendo que o ranilson é bom.deve ser um brilhante deputado federal,que pediu licença para ir para a arpe.

milton tenorio pinto junior

Aí entende de Desenvolvimento Social.Um craque nessa área.Deveria ir para ARPE.

Raimundo Eleno dos Santos

Os outros são valorosos, têm história e serviços prestados a Pernambuco, quiçá ao Brasil. Mas Jordão Joaquim dos Santos, de São Joauim do Monte-PE, figura exemplar, é um ganho inestimável. Dudu acertou em cheio. Parabéns!

adelson w. souza

foi deputado,delegado,tem curso na espanha,ex-seminarista.se for realmente escolhido,é um dos poucos que se salvam da turma que teria sido escolhido.se nao der jeito naquela secretaria,é melhor fechar para balanço.



15/12


2006

Ângela Pragana assume cerimonial

Ângela Pragana, que trabalhou no governo Arraes, será chefe de cerimonial do governo Eduardo Campos, segundo informou agora há pouco ao Blog uma fonte ligada ao PSB.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

adelson w. souza

atençao:abriram o portao da casa de retiro.tá todo mundo voltando.tania,etc. e tal.



15/12


2006

Paulo Rubem: "Reajuste salárial é uma burrice"

 O abusivo aumento de 91% do salário dos deputados federais e senadores foi avaliado pelo deputado federal reeleito Paulo Rubem Santiago (PT) como uma “burrice e uma irresponsabilidade política”. O deputado considerou que o reajuste faz parte de uma “corrente de interesses” no Congresso e solicitou aos partidos “uma posição mais honesta” diante do fato. Paulo Rubem contou que está conversando com diversos deputados para discutirem medidas que vetem o aumento.

“Hoje pela manhã eu falei com Chico Alencar (PSol-RJ) e com Fernando Gabeira (PV-RJ) para que possamos combater essa irregularidade. Temos que pressionar os partidos para ter uma posição honesta. Isso (o aumento) joga o Congresso contra a opinião pública”, afirmou o deputado, que concorda com um reajuste salarial em equilíbrio com a inflação.

“Temos que acabar com essa corrente de interesses que, muitas vezes, torna o mandato uma ferramenta para o bolso do próprio parlamentar. Quando se altera o salário dos deputados federais, automaticamente aumenta os dos deputados estaduais. Professor estadual não recebe o mesmo que um professor universitário. É legitimo corrigir o salário pela inflação, mas não dessa forma. É uma insensibilidade social”, disse.

Deputados e senadores decidiram ontem que, a partir de fevereiro, quando começa o novo mandato, os parlamentares passarão a ganhar o mesmo que os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), isto é, R$ 24,5 mil. O salário atual é de R$ 12,85 mil.

Para o deputado Paulo Ruben, o relatório final da CPI das Sanguessugas foi “mais um passo importante” para aperfeiçoar a administração do Orçamento, dos convênios, e da transferência de recursos federais para os Estados e Municípios. No entanto, ele disse que os deputados não puderam aprofundar mais nas investigações porque muitas outras ainda estão sendo realizadas pela Polícia Federal e pelo Ministério Público.

“Vamos constituir um grupo especial que vai acompanhar, independente de nova CPI, todas as propostas que são apontadas no relatório. Temos que investigar os convênios da saúde publica, os repasses de verbas para as prefeituras, e investigar profundamente a relação do governo federal com algumas organizações sociais. Não pudemos fazer mais porque há outras investigações, da PF e do MP, em curso”, disse, em entrevista à Rádio Folha 96,7 FM. As informações são da Agência Nordeste.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

renata lima

camara e no senado reflete o clima do país, desde que o cara do pt assumiu a presidencia que a palavra de ordem é, ser cara de pau, o errado é que é o certo, mensalão? nunca vi. O incrivel disto tudo é que tanto eles como nos não nós perguntamos se o que fazemos agrada a Deus. Pobre Brasil e Pe.

Normando Leite Cavalcante

Devolva o correspondente ao aumento, já que acha burrice! Eu só quero saber uma coisa, é ilegal esse aumento? Já que o judiciário esbanja com os salários mais altos da república ,por que reclamar dos deputados? Não existe a isonomia salarial? Que discussão mais bôba! É um direito dêles!

Raimundo Eleno dos Santos

O Congresso queimado moralmente, só está faltado retirar as cinzas para colocá-las no leito de um rio caudaloso para ser jogada no mar, que engole todas as merdas do mundo. ô bando de sanguessugas! êta Brasi de cabôco de mãe preta e pai joão!



15/12


2006

Garcia: "Vida e morte Severino não tem mais"

 O presidente do PT Marco Aurélio Garcia afirmou nesta sexta-feira (15) que o governo terá apenas um candidato para a presidência da Câmara no início da próxima legislatura.

O atual ocupante do cargo Aldo Rebelo (PCdoB-SP) e o ex-líder do governo na Casa, Arlindo Chinaglia (PT-SP) disputam a preferência dos colegas e do presidente Luiz Inácio Lula da Silva para assumir o terceiro cargo na linha sucessória do país.

A coligação de governo montada pelo presidente Lula com dez partidos ainda não tomou uma posição em relação a qualquer candidatura, o que poderia colocar em risco a vitória do governo na Câmara. Em 2005, uma divisão na base aliada levou à eleição de Severino Cavalcanti (PP-PE), representante do baixo claro, para o cargo.

"Nós não vamos oferecer um espetáculo severino. Vida e morte Severino não tem mais", garantiu Garcia, falando a jornalistas após a abertura do seminário Reforma Política e Cidadania, em comemoração aos dez anos da Fundação Perseu Abramo, vinculada ao PT.

"Nós vamos ter uma solução unitária e não vai ter problema na sucessão da Câmara. Esse é um desejo manifestado por todos os partidos. Tenho certeza que essa é a posição do Arlindo. É a posição do Aldo", completou.

Aldo Rebelo também participou da abertura do seminário e Chinaglia não compareceu. O atual presidente da Câmara evitou qualquer declaração sobre o assunto. Estiveram presentes ainda o secretário-geral da Presidência Luiz Dulci e o jurista Dalmo Dallari. As informações são do Portal G1.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


15/12


2006

O vazio da Câmara

(Do Blog do Noblat)

 Enquanto o Senado ficou fechado nesta sexta-feira, a Câmara abriu sessão com apenas 13 deputados do total de 513. 

Regimentalmente seriam necessários 51 deputados para abrir a sessão, mas como poucos apareceram para trabalhar...

A sessão durou apenas 33 minutos para poucas palavras de alguns gatos pingados.

Até agora, apenas 35 deputados marcaram presença na Casa.

Como na sessão de hoje não há votações, nenhum deputado terá o salário descontado pela falta.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


15/12


2006

Piauhylino nega convite para escritório de Pernambuco

O deputado federal Luís Piauhylino(PDT) negou, agora há pouco, ter sido convidado para assumir o escritório de representação de Pernambuco em Brasília, conforme foi noticiado. Mas na verdade ele foi convidado sim. Só que preferiu voltar para o seu escritório de advocacia, fazendo a ponte aérea Recife-Brasília. ''''Serei um assessor informal'''', brincou Piauhylino.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


15/12


2006

Bastidores do rádio pernambucano

  A partir desta sexta-feira - e sempre às sextas - o blog publica a coluna semanal sobre o que se passa nos bastidores da radiofonia pernambucana, assinada pelo radialista Adriano Roberto, que divide comigo o Debate Político, na Rádio Melodia. É mais um serviço para o nosso leitor. Boa leitura!


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


15/12


2006

RÁDIOCLIC – Pitacos de Adriano Roberto

 TODO CHEIO DE DEDO
• Semana passada, na Primeira Página da Super Manhã, na Rádio Jornal, um ouvinte deixou Geraldo Freire de calças curtas quando perguntou sobre o caso Denny Oliveira, que ainda não havia sido mencionado pelo Sistema Jornal de Commercio de Comunicações. Falou o ouvinte: “Ô Geraldo, a lei da mordaça voltou, foi? Aí ninguém toca no assunto do Denny...” Prontamente, Geraldo passou para outro telefonema de outro ouvinte.

DEBANDADA
• Toda a equipe da Rádio Clube FM está se mudando para a 103 FM. Este é o comentário que está rolando nos meios das FMs. O motivo seria a saída do diretor da Rádio Clube FM, Marlon Mayer, que foi demitido e estaria levando toda a equipe para a nova casa, onde vai trabalhar. A estréia está marcada para o dia 13 de janeiro.

EU ME RENDO!
• Há pouco tempo, o “Bocão da Cidade”, do Show de Rádio, na Rádio Olinda, Edvaldo Morais, não era adepto de premiações e até abominava emissoras que “compravam ouvintes”, mas ele chegou a se render aos interesses dos ouvintes e só este mês de dezembro, está dando máquina de lavar, micro-sistem, televisores, fogões, geladeira, entre outras premiações. Em entrevista a esta coluna, Edvaldo revela a mudança de atitude:

RCL – Como decidiu sortear premiação para os ouvintes? Mudou de idéia?

EDVALDO – Não! Não mudei o meu ponto de vista, mas como os ouvintes têm um grande interesse pela premiação, até pela necessidade mesmo de ter os bens que sorteamos, então decidi presentear os nossos ouvintes agora no final do ano.

RCL – As premiações vão continuar?

EDVALDO – Sim! Pretendo, apesar de não concordar com isso, vou continuar sorteando no ano que vem, aumentando, assim, a participação dos ouvintes.

ÚLTIMA
• No debate político do Magno Martins, na Rádio Melodia, o vereador Paulo Rocha, que impôs uma grande derrota ao ex-Prefeito de Petrolina, Fernando Bezerra Coelho, ganhando a presidência da Câmara, profetizou que o atual secretário do governador eleito Eduardo Campos, vai ser esquecido, ou pior, lembrado na cidade como o prefeito que abandonou o município.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha