Governo de PE

15/10


2012

Lula e Dilma analisam desempenho do ''Eduardo 2014''

 A nota a seguir trata também do governador pernambucano e seu desejo presidencial, dessa vez na coluna de Vera Magalhães, na Folha de S.Paulo desta segunda-feira:
 
''''Em conversa com Dilma Rousseff, Lula analisou o desempenho de Eduardo Campos projetando 2014. Avaliou que o governador, se quiser pleitear a Presidência, precisará amarrar o PSB, já que em cidades como Belo Horizonte e Campinas o partido seria ''sublegenda'''' do PSDB, que lançará Aécio Neves. Já interlocutores de Dilma se mostram surpresos com o PSB, que ainda não reivindicou mais espaço no governo após o bom resultado nas urnas. Acreditam que a sigla prepara desembarque da base aliada, já que os atuais ministérios -Portos e Integração Nacional- são periféricos.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

Da-lhe DUDU!!! Presidente 2014!!! Fora PTralhas!!! Fora CorruPTos!!!


Prefeitura do cabo

15/10


2012

A esfinge do Nordeste

 O governador Eduardo Campos ocupou largo espaço nos jornais do sul e do sudeste neste feriadão, citado por grande número de comentaristas e mesmo em matérias das editorias de política dos jornalões. Tudo em torno de sua suposta articulação para sair candidato a presidente da República, já em 2014, enfrentando Dilma Rousseff. O colunista Luiz Carlos Azedo, do Correio Braziliense, postou o seguinte a respeito do governador pernambucano:

''''O governador de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB), movimenta-se nas eleições municipais como futuro candidato à Presidência da República. A presidente Dilma Rousseff já chegou a essa conclusão, o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva também. O senador Aécio Neves (PSDB), idem. O neto do ex-governador Miguel Arraes, porém, faz cara de paisagem. Ou melhor, de esfinge. O comportamento do governador de Pernambuco é cada vez mais ambíguo. E aponta na direção da candidatura já em 2014. Simplesmente porque não tem nada a perder, somente a ganhar. Se quiser suceder Dilma Rousseff em 2018, não pode sonhar com apoio do PT. Não é da natureza do animal. Precisa se cacifar agora, projetando-se do ponto de vista eleitoral.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

Da-lhe DUDU!!! Presidente 2014!!! Fora PTralhas!!! Fora CorruPTos!!!

João Helio Beserra Guerra

Hoje o Governador Eduardo Campos é o maior articulador que já conheci, superando até o avô levando-se em conta a proporcionalidade da idade, com certeza vai ser presidente do nosso Brasil.


Detran

15/10


2012

PMDB suspeita que PSB quer tomar lugar de Temer

 Apesar de presidir o PSB, partido que mais cresceu até agora nas eleições, o governador Eduardo Campos nega que suas articulações sejam para enfrentar a presidente Dilma Rousseff (PT) em 2014. Enciumado, o PMDB avalia que o governador quer desbancar Michel Temer (PMDB) da vice, em 2014, para se lançar ao Planalto, em 2018. Nos bastidores, o comentário é que Eduardo Campos “joga com fichas terceirizadas”. É uma provocação à aliança do prefeito reeleito de Belo Horizonte, Marcio Lacerda (PSB), com o senador Aécio Neves (PSDB). Na capital de Minas Gerais, o PMDB desistiu da candidatura própria, a pedido de Dilma, para patrocinar Patrus Ananias (PT), que perdeu a disputa.(Agência Estado)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

Da-lhe DUDU!!! Presidente 2014!!! Fora PTralhas!!! Fora CorruPTos!!!


Magno coloca pimenta folha

15/10


2012

Tucanos querem Lula no julgamento do mensalão

CARLOS BRICKMANN

O alto-comando do PSDB estuda como representar à Procuradoria-Geral da República contra o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, por participação no caso do Mensalão. Se José Dirceu foi considerado culpado pelo Supremo Tribunal Federal, por que Lula estaria fora do processo?

''Dirceu e Lula agiram em conjunto e não há como isolar as ações de ambos'', diz o líder do PSDB no Senado, Álvaro Dias. ''Lula sabia do esquema, participou de toda a farsa e, no mínimo, cometeu crime de responsabilidade''.  DEM e PPS concordam com a representação, mas acham melhor esperar o fim do atual julgamento.

Há uma entrevista de José Dirceu à revista Playboy, em 2006, guardada como preciosidade pelos adversários de Lula. Nela, em destaque, está uma frase de Dirceu: ''O Lula não dá cheque em branco pra ninguém. Ele delega, mas controla, cobra. Sabe de tudo o que acontece. Quem acha o contrário nos subestima''.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

Todos nos BRASILEIROS, sabemos que o LULA da SILVA participou do MENSALÃO. Só os IMBECIS militantes(ou MALOQUEIROS???) PTralhas que não aceitam essa VERDADE. Fora PTralhas!!! Prisão ao LULA!!! hehehehehe...



15/10


2012

Dilma, Lula e Temer: PT-PMDB vigiam Eduardo e Aécio

 A presidente Dilma Rousseff quer reeditar a aliança com o PMDB em 2014, quando pretende concorrer a um segundo mandato. Com o radar voltado para a montagem de um palanque nacional pró-Dilma, a meta dos dois partidos é isolar o PSDB e dar um sinal de alerta ao PSB do governador, Eduardo Campos, que se movimenta para assumir posição de destaque no jogo de 2014.

Na prática, Dilma, Temer e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) trabalham para a construção de parcerias mais amplas com a base aliada, de olho nas disputas aos governos estaduais e ao Palácio do Planalto, daqui a dois anos. A ofensiva pretende avançar sobre os domínios do senador Aécio Neves (PSDB-MG), provável adversário de Dilma em 2014, derrotar o tucano José Serra em São Paulo e impedir Eduardo Campos de alçar voo próprio.

Embora setores do PT defendam reservadamente a volta de Lula, a tendência é a candidatura de Dilma. “A única possibilidade de eu voltar ao governo seria se Dilma não quisesse se reeleger. Não posso permitir que um tucano volte a governar”, disse o ex-presidente, em maio, no Programa do Ratinho, transmitido pelo SBT. Lula não mudou de ideia desde então. Até hoje, repete o mantra a dirigentes de partidos.(Agência Estado)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

Da-lhe DUDU!!! Presidente 2014!!! Fora PTralhas!!! Fora CorruPTos!!!


Prefeitura de Limoeiro

15/10


2012

Nova briga de Barbosa e Lewandowiski em outra rinha

Além dos desentendimentos que protagonizam, Joaquim Barbosa e Ricardo Lewandowski devem travar discussões também no âmbito do CNJ, do qual agora são presidente e vice-presidente, respectivamente, segundo a expectativa de ministros da corte. Enquanto o relator do mensalão defende um desempenho mais ativo do órgão, Lewandowski tende a adotar uma visão mais corporativista. A informação é de Vera Magalhães, na Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

JORGE GUERREIRO

Esse BANDIDO(LEWANDOWSKI), deveria está como RÉU, no escândalo do MENSALÃO, ou como os PTralhas quer que chame, AÇÃO PENAL-470. hehehehehe...


Banner de Arcoverde

15/10


2012

STF descarta prisão imediata de mensaleiro condenado

 Ministros do STF corroboram entendimento de que não haverá prisões imediatas ao fim do julgamento do mensalão. A informação é de Vera Magalhães, na colunma política da Folha de S.Paulo desta segunda-feira. ''''Ainda que o relator Joaquim Barbosa -- diz Vera -- endosse esse pedido, feito pelo Ministério Público, a maioria da corte considera que as penas só devem ser cumpridas após a publicação do acórdão.''''

''''O que o Supremo pode fazer é decretar, na sentença, a suspensão de todo os prazos de prescrição. Com isso, quando os réus finalmente forem cumprir penas, não haveria risco de elas se tornarem inócuas.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


15/10


2012

Haddad diz sofrer ataques pessoais de Serra

 O candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, disse ontem que seu adversário José Serra (PSDB) faz ataques pessoais a ele quando critica o kit contra a homofobia produzido durante sua gestão no Ministério da Educação. Em entrevista à Folha, o tucano disse que o chamado "kit gay" era de doutrinação e malfeito. O material visava combater a homofobia nas escolas, mas sua distribuição foi suspensa pela presidente Dilma Rousseff após críticas da comunidade evangélica.

"É um ataque pessoal. Ele [Serra] sempre distorce a informação, eu não vou mais comentar. Eu já estou cansado desse tipo de ataque", afirmou o petista. Na semana passada, o pastor evangélico da igreja Assembleia de Deus Vitória em Cristo Silas Malafaia disse que ia "arrebentar" Haddad por causa do "kit gay". Malafaia é aliado de José Serra. (Folha de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha