FMO janeiro 2020

11/05


2012

Presidente nacional da OAB diz que Comissão está equilibrada

 

 

 

 

 

 

Ophir Cavalcante, presidente nacional da OAB, disse hoje que a formação da Comissão da Verdade, anunciada ontem (10) pela presidente Dilma Rousseff está “equilibrada”. De acordo com o site de notícias R7, na nota divulgada pela Ordem, Ophir chama de “profundos estudiosos” os escolhidos pela presidente.

Além disso, o presidente da OAB também afirma que os membros devem atuar com grande responsabilidade “na apuração de fatos que precisam ser passados a limpo, para que a verdade histórica seja conhecida em sua plenitude”, diz a nota.

A Comissão da Verdade, formada por sete pessoas, será instalada na próxima semana e terá dois anos para investigar violações dos direitos humanos ocorridas entre 1946 e 1988, período que inclui a ditadura militar (1964-1985). Ao término das atividades, um relatório deverá ser elaborado. Para o presidente da OAB, o órgão deverá trabalhar com rigor e equilíbrio “para que não paire qualquer sentimento de radicalismos nem de um lado nem de outro”.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banco de Alimentos

11/05


2012

Lula pode entrar na campanha a partir da semana que vem

 O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pode entrar na campanha do ex-ministro da Educação, Fernando Haddad, à prefeitura de São Paulo a partir do próximo dia 15. A informação é do próprio pré-candidato do PT à capital paulista. De acordo com a Agência Estado, Lula se encontrou com Haddad e  o marqueteiro João Santana, para pedir que eles produzam um cronograma de atividades.

 

Segundo Haddad, Lula recebeu o aval da equipe médica responsável por seu tratamento de combate a um câncer na laringe para que ampliasse sua agenda de atividades. Além das atividades de campanha, Haddad afirmou que Lula quer a sua presença também em eventos de sua agenda pessoal. “O presidente terá algumas atividades e ele já pediu a minha presença”, disse Haddad.

 

O pré-candidato petista confirmou que paralelamente às negociações do PT municipal com partidos aliados do governo Dilma Rousseff, Lula se dedicará nos próximos dias a fechar negociações com os diretórios nacionais dessas legendas, dentre elas PSB, PCdoB e PR. “O presidente vai manter conversações com os partidos e nós vamos falar com os presidentes municipais desses partidos”, explicou o ex-ministro.

 

O petista contou também que a coordenação da campanha já não trabalha mais com a perspectiva de ter todas as alianças fechadas até 02 de junho, quando acontecerá o evento que lançará oficialmente sua pré-candidatura. Haddad disse que as conversas estão avançadas com esses partidos e que no caso do PCdoB, embora tenha ocorrido uma aproximação entre os dois partidos nos últimos dias, a sigla ainda prefere o lançamento da candidatura do vereador Netinho de Paula.

Haddad disse que ainda aguarda a direção nacional do PT decidir qual será a sua participação no programa partidário da legenda, que será veiculado a partir da próxima semana. “Estou aguardando as orientações do Rui Falcão (presidente nacional do PT). É ele quem definirá a linha”, finalizou Haddad.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

O Jornal do Poder

11/05


2012

José Sarney volta ao batente na segunda-feira

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Depois de passar 30 dias afastado para tratamento de saúde, o presidente do Senado, José Sarney (PMDB-MA), retoma as atividades na próxima segunda-feira (14), de acordo com o site de Cláudio Humberto.

 

Já na sua volta, Sarney vai presidir, às 11h, a sessão solene do Congresso Nacional em comemoração aos 46 anos do PMDB, no plenário da Casa. Às 15h, o presidente participará da cerimônia de lançamento da Agenda de Atenção Básica à Primeira Infância no Palácio do Planalto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/05


2012

Militantes de João da Costa fazem plenária neste sábado

 

 

 

 

 

 

Os militantes do Partido dos Trabalhadores (PT) que apoiam o prefeito João da Costa às prévias do partido na disputa eleitoral do Recife, participam de uma plenária, amanhã (12), às 10hs. O evento será no clube Gigante do Samba, na Bomba do Hemetério.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/05


2012

Trindade: PSB, PP, PPS e PPL escolhem candidatos amanhã

Os diretórios municipais do PSB, PP, PPS e PPL vão escolher amanhã (12) quais serão os seus candidatos a prefeito e a vice-prefeito na cidade de Trindade, no Araripe pernambucano, para a disputa municipal de outubro próximo. Segundo informações do site de Elba Galindo, a reunião será às 19h, no espaço de festas Dona Maria e será aberto ao público.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/05


2012

Novo Código Florestal será debatido em audiência pública

 Na próxima quarta-feira (16), uma audiência pública será realizada na Câmara dos Deputados com o objetivo de debater o novo Código Florestal e explicar ponto a ponto o texto aprovado pelos parlamentares, com a finalidade de evitar afirmações errôneas e distorcidas, principalmente, dos pontos mais polêmicos do Código.  O debate será às 9h, no plenário II da Casa.

 

Na ocasião serão apresentados os ajustes necessários ao texto aprovado pelo Congresso e esclarecidas as dúvidas dos jornalistas presentes. A sociedade terá a oportunidade de compreender os ganhos ambientais, sociais e da produção brasileira junto com o debate do ex-ministro Reinhold Stephanes (PSD-RJ) e do deputado José Sarney Filho (PV-MA).

 

Participará da audiência o relator do Código deputado Paulo Piau (PMDB-MG), explanando os pontos importantes, e o técnico convidado para sanar os questionamentos referentes ao meio ambiente e ao agronegócio, professor da USP de Ribeirão Preto, Dr. Marcos Fava Neves e demais palestrantes.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/05


2012

Caso de agressão em Floresta: Advogado responde acusações

Em resposta a posicionamento de Pedro Henrique Novaes Lira, publicado neste blog na tarde de hoje, o advogado e vereador Francisco Ferraz Novaes Neto (chichico), citado por Pedro em seus argumentos, também encaminhou uma nota em resposta ao fato de seu nome ter sido mencionado por Pedro.

 

No texto, chichico diz que “a minha posição quanto a do meu sócio (Cacá Ferraz, também citado por Pedro Henrique), nada tem a ver com política e, sim, com a ética profissional de atender qualquer pessoa que procure nosso escritório em busca dos nossos serviços”.

 

Na nota, chichico deixa claro que, “a família de Vanuce (mãe da criança) vota com nosso grupo político, mas a própria Vanuce vota no partido adversário ao nosso, sendo correligionária do próprio Pedro Henrique”.

 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Maria da Penha Souza

Esse dr.Chichico é tão direito que em duas pegas de boi em Floresta ele atirou uma vez para cima e outra vez proximo ao pes da esposa filha de Paulo Ferraz ai pergunto qual o poder de Chichico andar armado ele não é policial, nem autoridade é sim um arruaceiro e atirador nas nuvens

Maria da Penha Souza

Esse dr.Chichico é tão direito que em duas pegas de boi em Floresta ele atirou uma vez para cima e outra vez proximo ao pes da esposa filha de Paulo Ferraz ai pergunto qual o poder de Chichico andar armado ele não é policial, nem autoridade é sim um arruaceiro e atirador nas nuvens

Maria da Penha Souza

Prá que tantas acusações, primeiro esse tal de chichico não é vereador e sim um pre candidato, segundo ele é muito bocao e tá se metendo em tudo que não deve quanto ao pedro ele realmente deixa a desejar mas seu filho é bem criado pelos avos do pedro chichico so tem farofa se apertar nada da



11/05


2012

Comissão do Orçamento recebe parecer preliminar sobre LDO

O relator do projeto da Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO), senador Antonio Carlos Valadares (PSB-SE), entregou hoje (11), à Comissão Mista de Orçamento, o parecer preliminar que traz as regras para apresentação de emendas à proposta. De acordo com a Agência Câmara, a principal novidade é a decisão de criar o anexo de metas e prioridades a partir das emendas de deputados, senadores, bancadas estaduais e comissões da Câmara e do Senado.

O projeto enviado pelo Executivo (PLN 3/12) não trouxe o anexo, como determina a Constituição. O texto limita-se a dizer que as metas e prioridades para 2013 correspondem às ações do PAC e do programa Brasil sem Miséria, sem, no entanto, especificá-las. O entendimento do governo é que o detalhamento só precisa ser feito na elaboração do novo orçamento.

A inexistência do anexo foi criticada pelos integrantes da Comissão de Orçamento durante audiência pública com a ministra do Planejamento, Miriam Belchior, realizada na terça-feira (8), na qual a LDO foi discutida. O anexo é o principal foco das emendas parlamentares ao projeto.

De acordo com o parecer do senador Valadares, cada parlamentar, bancada e comissão poderá apresentar até cinco emendas ao anexo. Elas deverão tomar como base as ações previstas nos orçamentos fiscal e da seguridade em vigor (Lei 12.595/12), informando a meta física a ser concluída no próximo ano. No conjunto, as emendas não podem ser superiores, em valor, a 20% do orçamento autorizado do PAC para este ano, que foi de R$ 40,6 bilhões. Portanto, o anexo de metas construído pelo Congresso ficará restrito a R$ 8,5 bilhões. O limitador tem o objetivo de criar um anexo mais enxuto, com um núcleo de prioridades para 2013.

Como o número de emendas apresentadas deverá superar o limitador, o relator do projeto da LDO decidiu que vai priorizar até as três emendas individuais relativas a ações orçamentárias em andamento e propostas com maior frequência pelos parlamentares. No caso das emendas coletivas (bancadas e comissões), todas serão aceitas. Em relação ao texto da lei, não haverá limites para apresentação de emendas.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Danilo de souza Leal

como?



11/05


2012

PSC diz que não assinou manifesto contra presidente do TRE

O presidente da comissão provisória do Partido Social Cristão (PSC) de Arcoverde, Geraldo Xavier, encaminhou uma nota ao blog esclarecendo que o partido não fez parte do grupo que teria encaminhado um manifesto contra o desembargador do TRE, Ricardo Paes.

 

A nota diz que “em nenhum momento nosso partido questionou a postura e o direito democrático do presidente do TRE, desembargador Ricardo Paes, de expressar suas opiniões”. No documento enviado ao blog, Geraldo anda explica que “na realidade, esta nota foi assinada pelo PSB, PPS e PSL, partidos que fazem oposição ao governo do prefeito Zeca Cavalcanti (PTB), o qual apoiamos e integramos a sua frente partidária por reconhecer que é o melhor para Arcoverde e para o desenvolvimento econômico e social de seu povo”.

 

De acordo com a nota,  o PSC diz que “em nenhum momento, questionamos ou assinamos qualquer manifesto contra o ilustre e respeitável desembargador Ricardo Paes, e que, não só acreditamos na lisura do processo eleitoral em Pernambuco, como também em Arcoverde, a onde temos juízes sérios e comprometidos com a lei e a democracia brasileira”, finaliza o texto.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


11/05


2012

Cachoeira será ouvido na terça-feira

 A Comissão Parlamentar Mista de Inquérito (CPMI) que investiga as relações de agentes públicos e privados com esquema de jogos ilegais, marcou para a próxima terça-feira (15) o depoimento do principal personagem, o empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira. De acordo com a Agência Senado, a oitiva está marcada para as 14h e será realizada na sala 02 da Ala Nilo Coelho.

Cachoeira foi preso na Operação Monte Carlo, da Polícia Federal, em 29 de fevereiro de 2012, acusado de comandar a exploração do jogo ilegal em Goiás. A operação apreendeu 22 veículos, dinheiro, armas e joias com integrantes da organização que explorava máquinas caça-níqueis e jogos de azar no Centro-Oeste, além de 28 pessoas presas. Conversas monitoradas pela PF revelaram uma extensa rede de influência comandada pelo bicheiro, que se associou a agentes públicos e privados, segundo relatório encaminhado ao Ministério Público. O senador Demóstenes Torres (sem partido-GO) é um dos políticos que aparecem em diálogos com Cachoeira gravados pela polícia.

No início da semana, o advogado do bicheiro, Márcio Thomaz Bastos, avisou ao presidente da CPI, senador Vital do Rêgo (PMDB-PB), que se até o dia do depoimento eles não tiverem acesso aos documentos protegidos por segredo de Justiça em poder da comissão, o empresário poderá ficar em silêncio na audiência.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha