FMO

19/01


2020

WhatsApp: usuários relatam problemas neste domingo

Usuários de diversos países relatam problemas no WhatsApp neste domingo. Segundo o site Down Detector, conhecido por apontar falhas em redes sociais, as queixas teriam começado a surgir por volta das 7h40 (horário de Brasília)

Reclamação de um usuário/imagem WhatsApp/via Terra

Por Renata Okumura, do Estadão Conteúdo

Usuários do WhatsApp relataram na manhã deste domingo, 19, falhas no funcionamento do aplicativo em diversos países do mundo. Entre os problemas estão falha no envio de imagens e vídeos e dificuldade na troca de mensagens via áudio. Também há queixas de dificuldade em conexão.

Segundo o site Down Detector, conhecido por apontar falhas em redes sociais, as queixas teriam começado a surgir por volta das 7h40 (horário de Brasília).

A situação começou a se normalizar por volta das 10 horas.

Nas redes sociais, usuários do Brasil, da Malásia e países do Reino Unido relataram reclamações.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Governo de PE - Redução nos Homicídios

19/01


2020

Câmara embarca para a Inglaterra 15 alunos intercambistas

Programa Ganhe o Mundo Técnico 

Anunciados em dezembro de 2019, a modalidade e o país são novidades na rede pública de ensino de Pernambuco, e vão contemplar estudantes das Escolas Técnicas Estaduais (ETEs)

Fotos: Américo Santos/SEI

Marcando a estreia do Programa Ganhe o Mundo Técnico, o governador Paulo Câmara acompanhou, neste domingo (19.01), o embarque da primeira turma de intercambistas para a Inglaterra. Nesta primeira edição do PGM Técnico, viajaram 15 estudantes de 14 Gerências Regionais de Educação espalhadas por todo o Estado para o Bournemouth and Poole College (BPC).

“É uma alegria estar aqui com estes alunos que vão embarcar para a Inglaterra nessa parceria que já tem vários anos. Mais de oito mil alunos já participaram do Ganhe o Mundo que, agora, estreia na modalidade técnica. Estamos felizes, porque estamos ampliando os horizontes, ampliando sonhos, e eu tenho certeza de que essa juventude estará cada vez mais preparada para um futuro desafiador”, afirmou Paulo Câmara.

O intercâmbio terá a duração de 18 semanas, além de acompanhamento com orientação à distância por mais quatro semanas após o retorno ao Brasil, para a implantação de projeto na área de atuação do estudante. Durante a estada no país, os intercambistas irão aperfeiçoar a língua inglesa e cursar disciplinas da base comum e de conteúdo equivalente aos cursos técnicos em que estão matriculados no Brasil. Nesta edição, foram contemplados os cursos de Administração, Desenvolvimento de Sistemas, Edificações, Jogos Digitais e Suporte e Manutenção de Rede.

Estudante do curso de Administração da Escola Técnica Maria Eduarda Ramos de Barros, em Carpina, Jessica da Silva Ferreira, de 17 anos, não vê a hora de embarcar no seu maior sonho: estudar na Inglaterra. “Estou muito feliz e animada. Era um sonho para mim, sempre quis estudar fora e, ainda por cima, na Inglaterra. Estou ansiosa para conhecer a família com quem vou morar”, relata.

Jessica contou que pretende estudar algum curso direcionado para as relações internacionais, e que o intercâmbio vai ser um grande diferencial para a vida profissional dela. “O intercâmbio vai me ajudar bastante porque já vou ter experiência em outro país. Espero voltar com uma bagagem muito rica em conhecimentos e aprimorar meu inglês, além de mudar o modo como eu enxergo a vida. E acredito que essa mudança será para melhor”, destacou a aluna.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

acolher

19/01


2020

TCU diz que contratos devem ser anulados

Conflito de interesse

Ministro do TCU afirma que contratos devem ser anulados em casos de conflito de interesse. Se comprovadas irregularidades, negócios firmados por Fábio Wajngarten à frente da Secom são passíveis de revisão, diz ministro Bruno Dantas.

Ministro Bruno Dantas é relator das contas do primeiro ano do governo Bolsonaro
Foto: Gabriel de Paiva / Agência O Globo

O Globo - Por Guilherme Amado

Relator das contas do primeiro ano do governo Bolsonaro, o ministro Bruno Dantas, do Tribunal de Contas da União (TCU), já começou a elencar alguns pontos que deverão ser abordados em sua análise. Entre eles, Dantas cobra uma maior transparência sobre as isenções fiscais dadas pela União e anuncia um inédito capítulo sobre a comunicação governamental. Em entrevista ao GLOBO, Dantas também afirmou que contratos de publicidade estatais poderão ser anulados se ficar comprovado que há conflito de interesses no fato de o secretário de Comunicação Social da Presidência da República (Secom), Fábio Wajngarten, ser dono de uma empresa que presta serviços para emissoras de TV e agências que recebem recursos do governo.

— Esse é um tema delicado. Certamente, se no aprofundamento das análises ficar comprovado esse conflito de interesses, pode vir a causar uma nulidade dos contratos. Veja que o papel do TCU não é julgar o secretário, não temos competência correcional, corregedoria. É óbvio que o fato que foi revelado impõe ao governo algum constrangimento, mas essa análise vai ter que ser política do governo, ao passo que a análise que o TCU vai fazer é mais objetiva — afirmou.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Serra Talhada

19/01


2020

PCR: segunda é o último dia de inscrição no concurso público

Mais de 124 mil pessoas se inscreveram para concorrer a uma das 695 vagas do Concurso da Secretária de Saúde do Recife (Sesau). 

Fotos: Andréa Rêgo Barros/Arquivo PCR

Esta segunda-feira (20) é o último dia para inscrição no concurso público da Prefeitura do Recife que oferta 695 vagas de níveis médio, técnico e superior para cargos efetivos da Secretaria de Saúde (Sesau) do município. As inscrições podem ser feitas até às 14h. O prazo para pagamento da taxa de inscrição de R$ 50 a R$ 100 também foi prorrogado para esta segunda.

Mais de 124 mil pessoas já se inscreveram no certame organizado pelo Instituto AOCP, mas cerca de 80 mil ainda faltam pagar o boleto bancário para validar a inscrição. As inscrições podem ser feitas no site do Instituto AOCP (https://www.institutoaocp.org.br/concurso.jsp?id=254), onde também é possível conferir o edital.

Os cargos disponíveis são para médicos de diversas especialidades, enfermeiro e técnico de enfermagem, cirurgião dentista, fisioterapeuta, nutricionista, psicólogo, assistente social, terapeuta ocupacional, profissional de educação física, auxiliar e técnico de saúde bucal, farmacêutico, fonoaudiólogo, biólogo, químico, sanitarista, Agente de Saúde Ambiental e Controle de Endemias (Asace), entre outros. Os salários podem chegar a R$ 13.585,50, para médico com carga horária de 40 horas semanais.  

Para a maioria das vagas, o processo seletivo da Sesau Recife será realizado em duas etapas (provas objetivas e de títulos). Já para alguns cargos de níveis médio e técnico, a seleção será feita em etapa única. No caso do Asace, será exigida a realização de um curso introdutório. O concurso terá validade de dois anos, podendo ser prorrogado por igual período.

As provas objetivas acontecerão no dia 1º de março. O gabarito preliminar e o caderno de questões da prova objetiva serão divulgados um dia após a aplicação da prova, no site do Instituto AOCP. Os candidatos aprovados nesta fase realizam prova de títulos no dia 25 do mesmo mês.

Dez por cento das vagas destinadas a cada cargo serão reservadas para pessoas com deficiência. A convocação dos aprovados será feita de acordo com as necessidades da Secretaria de Saúde do Recife. Os candidatos que não forem aprovados dentro do número de vagas ficarão no cadastro de reserva e poderão ser convocados de acordo com a necessidade da administração municipal, de acordo com a ordem de classificação.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


19/01


2020

Governador lamenta morte de Queiroz Galvão

Foi com muito pesar que recebi a notícia do falecimento do engenheiro Antônio Queiroz Galvão. Filho da Zona da Mata Norte,  deixa um legado importante na área da construção civil do nosso Estado e do País. Neste momento, quero me solidarizar com seus familiares e amigos.

Paulo Câmara
Governador de Pernambuco


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Limoeiro

19/01


2020

Eleições devem provocar corre-corre de votações no Congresso

Eleições municipais devem provocar corre-corre de votações no Congresso

João Campos afirma que em fevereiro o ritmo de trabalho será acelerado. Foto: Câmara.leg.br

Do Correio Braziliense

Congresso promete um primeiro semestre intenso em 2020, com pautas e discussões que vão além da prisão em segunda instância e das reformas Tributária e Administrativa. Com praticamente metade do ano comprometido pelas eleições municipais, deputados e senadores terão que trabalhar dobrado para aprovar, por exemplo, o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), sob pena de paralisar a educação no país. Já para o governo, uma das prioridades é o Marco Regulatório do Saneamento Básico, que, entre outras coisas, abre o setor para o investimento da iniciativa privada. Têm ainda as comissões parlamentares de inquérito das Fake News e do Óleo no Nordeste, cujos trabalhos prometem ser acelerados.

O presidente da comissão especial que discute o Fundeb, deputado Bacelar (Podemos-BA) fala em  aprovar a proposta de emenda à Constituição (PEC) ainda no primeiro trimestre e afasta qualquer hipótese de o governo mandar um novo texto. Ainda falta decidir sobre a gradação do aumento do financiamento da União à educação, que começará em 10% e deverá chegar a 40%. O debate gira em torno de onde sairá o dinheiro para garantir a progressão.

O deputado José Rocha (PR-BA), vice-líder do governo na Câmara, destaca a importância do novo Marco Regulatório do Saneamento Básico, aprovado em dezembro pela Casa.“Tem esse ponto do saneamento básico, que é muito importante para a sociedade. Temos a questão das permissões portuárias, ferroviárias, programas de concessão. Outra pauta é a Future-se, do Ministério da Educação”, lista. Rocha defende que, apesar de em 2020, deputados e senadores estarem com as atenções voltadas para as eleições municipais, as reformas administrativa e tributária saiam do papel ainda este ano.

Oposição

Líder da minoria do Congresso, Jandira Feghali (PCdoB-RJ) destaca como importante para a oposição o debate sobre o teto constitucional de gastos. “Se a gente não mudar, não tem política pública que sobreviva”, afirma. Outro tema que faz parte da pauta da esquerda será um projeto de lei determinando que qualquer privatização a ser feita pelo governo passe pelo crivo do Congresso. “Temos, também, pautas do campo democrático, como a restauração dos conselhos de controle social e o auto de resistência, que mexem com a liberdade”, elenca.

Presidente da CPI do Óleo no Nordeste, o deputado João Campos (PSB-PE) afirma, por sua vez, que continuou a reunir informações mesmo no período de recesso parlamentar. “Em fevereiro, trabalharemos em um ritmo acelerado. Várias autoridades e especialistas serão convidados para contribuir com a CPI. Vamos seguir cobrando dos órgãos responsáveis um resultado efetivo. Inclusive, existe a previsão de ida do ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, à CPI”, salienta.

Segundo o parlamentar pernambucano, “a CPI tem que contribuir na busca pela origem do vazamento de óleo, apurar e avaliar a responsabilidade dos órgãos envolvidos na mitigação dos danos causados ao meio ambiente e a toda população atingida direta ou indiretamente por esse vazamento”. E acrescenta: “Além disso, também tem o papel de propor uma legislação adequada, mais fortalecida, para enfrentar esse tipo de desastre ambiental. Não só haverá espaço para o andamento dos trabalhos da CPI, como será uma das minhas principais pautas para este semestre.”

Já na CPMI das Fake News, a relatora, deputada Lídice da Matta (PSB-BA), lembra que os trabalhos devem terminar em meados de julho. Mas acredita que os debates saídos da comissão devem influenciar as eleições municipais.

“As pessoas estão interessadas, recebemos documentação e os técnicos estão analisando esse material. Não nos tornamos, como alguns esperavam, o terceiro turno das eleições. Queremos retomar os trabalhos em fevereiro, se tudo correr como o previsto, para ouvir mais pessoas da sociedade, inclusive na área da saúde, para consolidar os prejuízos (das fake news) aos cidadãos. E também temos ações avançando na área da Justiça”, destaca.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

19/01


2020

PCC realiza fuga em prisão no Paraguai

Cerca de 75 presos fugiram, entre eles membros do PCC.

Detentos teriam cavado um túnel para escapar Telefuturo Paraguay/Reprodução

Por Redação da Veja - Com  EFE

Cerca de 75 presos, muitos dos quais seriam integrantes da facção brasileira Primeiro Comando da Capital (PCC), fugiram neste domingo da prisão de Pedro Juan Caballero, no Paraguai, cidade que faz fronteira com o Brasil. Após a fuga, foi encontrado um túnel que liga um dos pavilhões à área externa da penitenciária. O governo, no entanto, avalia a possibilidade de que os detentos tenham escapado pela porta da frente com a cumplicidade de funcionários da penitenciária.

O Ministério da Justiça paraguaio ainda não forneceu a lista de fugitivos, embora meios de comunicação locais mencionem o número de 75 e informem que um dos prisioneiros teria sido capturado nas primeiras horas da manhã. A facção brasileira tem forte atuação no Paraguai, devido a tráfico de drogas.  Inicialmente, a imprensa paraguaia informou que 91 haviam fugido do presídio.

“Foi encontrado um túnel e acreditamos que esse túnel foi um recurso enganoso para legitimar ou maquiar a liberação dos presos. Há cumplicidade com as pessoas de dentro da prisão e esse é um fenômeno que acontece em todas as penitenciárias”, afirmou o ministro do Interior do país, Euclides Acevedo, em nota publicada em site do governo.

Confira a íntegra aqui: Cerca de 75 presosentre eles membros do PCCfogem de ...


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


19/01


2020

Maciel arrasta grande público em sua terra

Natural de Iguaracy, no Sertão do Pajeú, o cantor Maciel Melo é a grande atração de hoje na Festa de Janeiro em sua terra natal, numa promoção da Prefeitura Municipal com apoio do Governo de Pernambuco e Fundarpe.

Embaixador cultural do município, o filho da terra retrata Iguaracy país afora em suas canções. Tanto que um portal na entrada da cidade identifica o município como “Terra de Maciel Melo”. 

Maciel é autor do “Hino Popular”, e não oficial de Iguaracy,  Um Veio D'água. “Tudo isso retrata Iguaraci/Numa cura fiel dos meus anseios/Matuto sem estilo eu sou um veio/D'água do Rio Pajeú”.

Maciel é a representação cultural da identidade iguaraciense e do Sertão do Pajeú,  cantado em suas letras.

No show, novos e eternos sucessos. Não faltarão Caboclo Sonhador, Que nem Vem Vem, clássicos de Luiz Gonzaga e músicas que cantam suas raízes.  Um show que vai arrastar uma multidão na mais tradicional e concorrida festa popular de Iguaracy.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


19/01


2020

A obra social de Margareth Menezes

Em Salvador, as estrelas radiantes da musicalidade baiana não vivem só do palco e da fama. Também têm obra social, cuidam das pessoas, se preocupam com o próximo e com melhores dias para a humanidade.

Uma delas é a cantora, compositora e atriz Margareth Menezes. Dois troféus Caymmi, dois troféus Imprensa, quatro troféus Dodô e Osmar, além de ser indicada para o GRAMMY Awards e GRAMMY Latino, Margareth é um doce de figura.

Fui conhecer o seu trabalho na ONG que abriu em Salvador como usina de talentos para as artes em geral, com ênfase para a música e o teatro. Conhecida por interpretar a canção "Dandalunda", a cantora soma 21 turnês mundiais, e é considerada pelo jornal estadunidense Los Angeles Times como a "Aretha Franklin brasileira".

Ainda pequena, Margareth começou a cantar no coral da igreja local e, após conhecer Silas Henrique inicia sua carreira artística, inicialmente como atriz, ganhando, em 1985, o prêmio de "melhor intérprete", em "Banho de Luz".

Posteriormente, começou a se envolver com a música, apresentando-se em bares da cidade, até que, ovacionada por um público de 1,5 mil pessoas, ao lado da Orquestra do maestro Vivaldo da Conceição, sentiu que viria a se transformar numa grande artista do mais autêntico ritmo baiano.

Em 1987, depois de gravar o seu primeiro single, lançado como LP, ao lado de Djalma de Oliveira, "Faraó (Divindade do Egito)", vendeu mais de 100 mil cópias e deu início a sua carreira bem-sucedida, lançando quatorze álbuns, sendo que dois desses, Ellegibô e Kindala, alcançaram o topo da Billboard World Albums.

Já Pra Você e Brasileira Ao Vivo: Uma Homenagem Ao Samba-Reggae, recebeu indicações ao Grammy Latino e Grammy Awards. Margareth lidera o movimento "Afropop Brasileiro", que visa preservar e promover a cultura afro-brasileira, e criou a "Fábrica Cultural", uma organização não-governamental que ajuda crianças e adolescentes carentes.

Todos os anos, a cantora leva seu trio elétrico, um dos mais tradicionais, às ruas do carnaval de Salvador. Amanhã, conto tudo da minha passagem pela sua "Fábrica Cultural".


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

joao carlos da silva

Sinceramente Magno, faz uns 15 dias que não fazes outra coisa senão falar e elogiar a Bahia. Faz o seguinte levar teu blog pra lá porra.



19/01


2020

Guedes quer imposto sobre operações digitas e facada no Sistema S

O ministro da Economia Paulo Guedes não desistiu do imposto sobre operações digitais e nem da facada no Sistema S.

Jorge WilliamJorge William | Agência O Globo

O Globo - Por Lauro Jardim

Antes de entrar no governo, Paulo Guedes pensava em fazer tudo ao mesmo tempo. Todas as reformas necessárias seriam tocadas no primeiro ano.

Agora, sabe que o timing de Brasília é diferente do seu. Assim, por exemplo, não desistiu do imposto sobre operações digitais. Só deixou a pesada guerra particular por esse tributo para o último ano de governo.

Também não abdicou da ideia (Guedes não é muito afeito a abdicar de ideia alguma, aliás) de "passar a faca no Sistema S".

A interlocutores próximos, insiste que a lâmina está sendo afiada, mas não será usada já. É, novamente, uma questão de timing.

Por enquanto, o foco está na reforma administrativa e no pacto federativo. Enquanto não faz a incisão prometida, o governo vai comendo um pouco do orçamento gordo do Sistema S: a Embratur já pegou um naco e possivelmente o INPI ficará com outro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores