FMO

24/01


2020

Coluna da sexta-feira

Marília volta candidata de São Paulo

O PT de Pernambuco – leia-se o manda-chuva Humberto Costa – não tem mais razões que embasem um novo veto ao plano majoritário e viável em torno do potencial eleitoral de Marília Arraes, desta feita na disputa à Prefeitura do Recife. Em 2018, ela teria amplas chances de chegar ao segundo turno e ganhar a eleição para o Governo do Estado, mas o projeto nacional, pelo qual a candidatura de Fernando Haddad ao Planalto precisaria do respaldo do PSB, atrapalhou.

Rifada, só restou a então favorita ao Palácio das Princesas, conforme atestavam todas as pesquisas de intenção de voto, buscar um mandato federal, arrebatado nas urnas com o aval de mais de 193 mil pernambucanos, a segunda mais votada entre os 25 deputados federais eleitos, abaixo apenas de João Campos. Respaldada, Marília buscou se aproximar em Brasília dos cardeais e mandarins do PT. Deu certo.

Ganhou a confiança da presidente Gleisi Hoffman (PR), do líder na Câmara, José Guimarães (CE), e, principalmente, do ex-presidente Lula, personagens com os quais estará frente a frente na próxima terça-feira, em São Paulo, ao lado do senador Humberto Costa, o presidente estadual, Cirilo Mota, e o presidente do diretório municipal, Doriel Barros. Do encontro, não pode sair outra decisão a não ser a de candidatura própria no Recife.

Na última sexta-feira, reunido em São Paulo, o diretório nacional do PT, sob a coordenação do próprio Lula, anunciou candidatura própria em dez capitais, entre elas a própria São Paulo, Belo Horizonte, Salvador, Fortaleza e Manaus, deixando Recife de fora, o que derivou para interpretações de que Marília estava, novamente, fritada.

Mas não vai acontecer isso. Precisando recuperar espaços de poder arrastados pelas urnas nas últimas eleições, o que respaldaria a direção nacional a impor um novo veto à candidatura de Marília Arraes? Nada. A história não se repete em política. Vetar Marília lá atrás, vereadora do Recife, foi fácil. Deputada federal, são outros quinhentos.

Além disso, Humberto já ganhou o que queria: a renovação do seu mandato, que ameaçava virar letra morta não fosse o casamento com o PSB e o poder das duas máquinas, a do Estado e da Prefeitura do Recife. Humberto não tem mais resistência dialética e voz ativa no diretório nacional para barrar, por conveniências paroquiais, um projeto real de poder para o PT numa das capitais mais importantes do Nordeste.

Fora da disputa – Interlocutores de partidos de oposição que estiveram com o deputado Raul Henry, nos últimos dias, se convenceram de que não será candidato a prefeito num voo solo pelo MDB, tendo arquivado o projeto de se contrapor à aliança que o seu partido mantém no Estado e no Recife com o PSB. Henry não deseja romper o ciclo histórico com os socialistas e tem dito que não tem mais idade para entrar em aventura.

Vice de João – Não se surpreenda, caro leitor, se Raul Henry virar o vice na chapa do pré-candidato do PSB a prefeito do Recife, João Campos. Ele daria um ar de mais maturidade à chapa socialista, pela pouca idade do herdeiro político do ex-governador Eduardo Campos, com apenas 26 anos. Outro fator que tem levado o PSB a se convencer da necessidade de levar Henry a vice de João passa pelo seu currículo – já foi vice de Roberto Magalhães e vice-governador, também, tendo, além disso, perfil de um político urbano, com cara de Recife.

Viés doméstico – O deputado Alberto Feitosa, que tem atuado com viés de oposição, surge na mesa de negociação entre os partidos que combatem o PSB à sucessão do prefeito Geraldo Júlio. É visto como uma boa alternativa, mas pode esbarrar na má vontade do seu partido, o Solidariedade, cujo presidente, Augusto Coutinho, tem dito que a prioridade é reeleger o filho Rodrigo, vereador na capital. O SD é um partido doméstico.

Não quer – Sondado para voltar à Secretaria de Turismo, o deputado Felipe Carreras (PSB) não aceitou e por isso mesmo o governador não encontrou ainda a saída para o imbróglio da gestão na pasta entregue ao deputado licenciado Rodrigo Novaes, escolhido como cota do PSD, mas longe de contar com o respaldo do presidente estadual André de Paula, líder do partido na Câmara Federal.

CURTAS

MUDANÇA NA ILHA – Ao desembarcar, ontem, em Fernando de Noronha, o governador Paulo Câmara se deparou com um protesto de taxistas contra o decreto que proíbe, a partir de 2022, a entrada de carros a diesel na ilha. Câmara inaugurou a área requalificada do porto e entregou o novo centro de imagens do hospital São Lucas. Pode ter sido a última aparição pública ao lado do administrador Guilherme Rocha, ventilado para assumir outro cargo na gestão estadual.

O CONSULTOR – Está envolto num grande mistério o papel que o ex-ministro de Defesa, Raul Jungmann, cumpre na condição de consultor navegando entre os mares do Governo Federal e também estadual. Na passagem do ministro Osmar Terra, ontem pelo Recife, se apresentou como principal conselheiro e assessor. E essa tem sido uma rotina com todos os ministros de Bolsonaro que pisam o solo pernambucano. Até a Dias Toffoli, presidente do STF, o ex-ministro bateu continência, há 15 dias.

O CARONEIRO – Dias após exibir a ficha de filiação ao MDB, o ex-prefeito itinerante da Região Metropolitana, Yves Ribeiro, pega carona na popularidade da deputada estadual bombada de votos Gleide Ângelo. Acertou com ela um evento em Paulista, município que tentará governar pela segunda vez, no combate ao prefeito socialista Júnior Matuto, o até então queridinho do Palácio das Princesas.

Perguntar não ofende: Com Raul Henry fora do páreo, qual candidato no Recife terá o apoio da banda do MDB do senador Fernando Bezerra?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Governo de PE - Redução nos Homicídios

23/01


2020

Meu editorial no Frente a Frente – 23/01/2020

Se você perdeu o Frente a Frente de hoje, programa que ancoro pela Rede Nordeste de Rádio, tendo como cabeça de rede a Rádio Nova 98,7 FM, no Recife, escute agora o meu editorial.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

acolher

23/01


2020

Taxistas protestam em Fernando de Noronha

Um grupo com cerca de 50 taxistas fez uma carreata e esteve no Porto de Santo Antônio, hoje, em Fernando de Noronha, para protestar contra o decreto lei, assinado pelo governador, que proíbe a entrada na ilha de carros movidos a combustão a partir de 2022.

“Os carros elétricos não atendem aos motoristas de táxi. Esses veículos não têm autonomia, são muito caros e não têm isenção de impostos. Esse projeto vai acabar com a classe dos taxistas”, reclamou o motorista de táxi Silvano Santos.

Na ocasião, os motoristas de táxi entregaram um documento ao governador, solicitando a mudança da lei e a obrigatoriedade de uso de carros elétricos. Paulo Câmara recebeu o documento e se comprometeu a avaliar as reivindicações.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Serra Talhada

23/01


2020

No Sertão, FBC defende obra do Ramal do Entremontes

No segundo dia cumprindo agendas no Sertão, o senador Fernando Bezerra Coelho (MDB) anunciou que defenderá, junto ao presidente Jair Bolsonaro e ao ministro Gustavo Canuto (Desenvolvimento Regional), que seja iniciada a obra do Ramal do Entremontes. Líder do governo no Senado Federal, FBC disse que a iniciativa é “um sonho de todo o Sertão Central e do Araripe”. A obra, segundo o senador, poderá ajudar a resolver o problema da falta de abastecimento de água, além de permitir a implantação de perímetros irrigados, a exemplo do que ocorreu para o desenvolvimento do Sertão do São Francisco.

“Todo o Sertão precisa se unir para que possamos concretizar essa obra. O Ramal do Entremontes não significa apenas tirar água da barragem de Negreiros, em Salgueiro, e da transposição e trazer para a barragem de Chapéu e o açude de Entremontes. Ela significa uma solução para o problema de água para abastecimento e também simboliza o sonho dessa região, que é ter perímetros irrigados. A irrigação ficou só no São Francisco, mas com a chegada do ramal a gente pode ter 25 mil hectares irrigados nessa região. Significa um novo Projeto Senador Nilo Coelho aqui. Portanto, essa é a minha luta, a minha bandeira, e vou defender com o presidente Bolsonaro, com o ministro Gustavo Canuto e com as autoridades federais para que ao longo de 2020 a gente possa incluir o ramal na carteira de projetos e investimentos do governo federal. É importante que a obra seja iniciada, para que a gente possa ter o futuro garantido para todo o Sertão Central e para o Araripe”, anunciou Fernando Bezerra Coelho.

Acompanhado pelo deputado federal Fernando Filho (DEM), pelo prefeito de Petrolina, Miguel Coelho (MDB), e por aliados da região, FBC visitou as obras da Faculdade de Medicina de Araripina, junto ao prefeito Raimundo Pimentel. Em seguida, visitou o município de Trindade, e participou de uma reunião com lideranças em Parnamirim, ao lado do prefeito Nivaldo Mendes. Na ocasião, Fernando Filho anunciou a liberação de R$ 5 milhões ao município de Parnamirim para o ano de 2020, para aquisição de equipamentos e perfuração de postos. Os recursos serão executados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba, que acompanhou a agenda do senador, anunciou ainda a liberação de R$ 5 milhões ao município de Parnamirim para o ano de 2020, para aquisição de equipamentos e perfuração de postos. Os recursos serão executados pela Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/01


2020

Olavistas temem sofrer traição de Bolsonaro com Regina

O provável casamento entre a namoradinha do Brasil e o presidente da República na área de Cultura ainda não está definido. Mas já deflagrou uma disputa tormentosa por baixo dos lençóis do governo.

A atriz Regina Duarte foi convidada por Bolsonaro para ocupar, digamos, uma das suítes máster dos olavistas no governo: a secretaria de Cultura. Há outras três: os ministérios da Educação, o do Meio Ambiente e o das Relações Exteriores.

É nesses endereços da Esplanada dos Ministérios que o guru do grupo, Olavo de Carvalho, tem defendido que seja centrada a guerra cultural contra aquilo que ele chama de comunismo impregnado nas instituições.

No governo Bolsonaro, o grupo vinha ganhando as batalhas, inclusive contra outra turma que era considerada imbatível no início do governo: os militares. Clique aqui e confira a matéria do jornalista Tales Faria na íntegra.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Prefeitura de Limoeiro

23/01


2020

Reforma tributária como prioridade de Guedes

Enquanto o presidente Jair Bolsonaro aposta na reforma administrativa como prioridade do Congresso por ser “menos traumática”, o ministro Paulo Guedes joga as fichas na tributária porque o crescimento econômico, diz, depende dessa reforma. Segundo o economista afirmou em Davos, o governo enviará suas propostas de reforma tributária para o Congresso assim que termine o recesso parlamentar. A comissão mista que vai debater o tema deve ser instalada na primeira semana de fevereiro, segundo cálculos do presidente da Câmara, Rodrigo Maia.

A ideia é aproveitar as propostas já elaboradas pelo deputado Baleia Rossi (MDB-SP) e ex-deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR). “Não pode ter três PECs, uma brigando com a outra”, disse Guedes, segundo registra o Broadcast Político.

De acordo com o Estadão, o relator da reforma tributária na Câmara responsável por aglutinar os dois textos, deputado Aguinaldo Ribeiro (PP-PB), trabalha para aprovar a reforma na Casa até abril. O Senado teria os meses de maio e junho para avançar nas discussões e votação. No segundo semestre, os parlamentares vão focar em eleição municipal.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

23/01


2020

Daniel Bueno no dicionário da MPB

Daniel Bueno, cantor, compositor e sertanejo como este blogueiro, nascido no município de Carnaíba, no Sertão do Pajeú, agora é classificado também como um dos verbetes do Dicionário de Música Popular Brasileira Cravo Albin, o mais conceituado do País. Na página, que pode ser acessada no final desta nota, encontra-se a biografia, discografia, e outras informações do músico. Em 2020, Bueno comemora 60 anos de idade e 30 de carreira artística. A comemoração será feita com dois shows: um no Clube das Pás, em julho, e em setembro, no Teatro Santa Isabel. Clique aqui e confira.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/01


2020

Sindicato repudia cargos comissionados no MPPE

Nota pública

No dia 08 de janeiro, assistimos ao Ministério Público de Pernambuco (MPPE) dar início a um processo de contratação de cargos comissionados que irão atuar como assessores de seus promotores e procuradores de justiça. Subitamente, esse processo se inicia sem que os aprovados no último concurso público, já homologado, sejam nomeados, deixando claro, com isso, que reconhecer e valorizar o mérito de quem escolheu entrar na instituição pelas vias republicanas e meritocráticas, está sendo preterido em favor do outro modelo, aquele carregado dos traços patrimonialistas tão reatualizados ao longo da nossa história.

Em meio a isso, talvez na tentativa de reduzir as inúmeras críticas sociais que vem sofrendo com a repercussão da notícia, pela inequívoca impressão pouco republicana que a nomeação de tantos cargos comissionados desperta, a Instituição lança ao público a criação de um Cadastro de Consulta de Opções de Interessados.

Ocorre que tal cadastro não vincula as autoridades nomeantes, ou seja, o promotor ou procurador de justiça poderá nomear quem quiser, independente de cadastro, servindo este, ao que parece, apenas para criar expectativas nos inscritos e dar a aparência de impessoalidade nas nomeações.

Apesar disso, é de se imaginar que num contexto de crise econômica estrutural e desemprego massivo, foi observada uma intensa procura por parte de pessoas interessadas em ocupar uma dessas vagas, logo que tal aviso de criação do cadastro foi lançado. Ao mesmo tempo, também é de se imaginar que já começam a emergir, dentro da Instituição, movimentos que ressaltam a nossa imensa dificuldade histórica de compreender a fundamental distinção entre instâncias públicas e privadas, à medida que são observadas cenas de "cordialidades", no sentido dado por Sérgio Buarque de Holanda, adentrarem o espaço institucional para indicar quem serão os possíveis "confiáveis".

Estaremos acompanhando atentamente esses movimentos, ao mesmo tempo em que torcemos para que o MPPE consiga preservar sua imagem perante a sociedade, apesar das dezenas de comentários reprovando a ação, seja nas redes sociais do próprio MPPE, seja nas redes sociais dos jornais e blogs que têm repercutido essa informação. Afinal, temos um enorme apreço por essa Instituição que também é nossa e a qual ajudamos a construir cotidianamente.

Sabemos, finalmente, que uma instituição pública jamais deve desconsiderar o que o povo, que é sempre soberano, pensa sobre seus atos. Por isso, declaramos que nós, Sindicato que representa analistas ministeriais e técnicos ministeriais do MPPE, estamos sensíveis a todas as críticas que vêm sendo feitas pela sociedade pernambucana, às quais também nos alinhamos.

SINDSEMPPE - Sindicato dos Servidores do MPPE


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


23/01


2020

Camaragibe vai reativar usina de asfalto

A Prefeitura de Camaragibe vai reativar a usina de asfalto da cidade, a partir de uma parceria com a Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe). A prefeita Doutora Nadegi, o presidente da entidade, José Patriota, também gestor de Afogados da Ingazeira, e a secretária municipal de Infraestrutura e Serviços Públicos, Eryka Luna, estiveram no local para vistoriar o equipamento.

Com a reativação da usina de asfalto, por exemplo, os serviços de tapa-buraco serão aprimorados com equipamentos mais modernos, o que acarretará em uma melhor qualidade. Além disso, os procedimentos também se tornarão mais eficientes. A prefeitura permitirá que as ações sejam descentralizadas, o que vai otimizar a logística de carregamento da massa e aplicação de asfalto, de forma a reduzir os custos operacionais.

Doutora Nadegi destacou que a parceria viabilizará mais condições de atuação para o Poder Público municipal. “Com o funcionamento da usina de asfalto, nós daremos funcionalidade a um investimento que proporciona maior autonomia à prefeitura na gestão de obras e serviços, levando atendimento à população com mais rapidez, e, ainda, representando economia aos cofres públicos”, argumentou.

“Os buracos que incomodam tanto a população de Camaragibe vão acabar. Essa usina estava abandonada. Com a graça de Deus, vamos colocá-la para funcionar. A Amupe comparece aqui para contribuir, para ajudar”, pontuou José Patriota.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Coluna do Blog
TV - Blog do Magno
Programa Frente a Frente

Aplicativo

Destaques

Publicidade

Opinião

Publicidade

Parceiros
Publicidade
Apoiadores