Governo de PE

24/05


2019

ONU premia Prefeitura de Jaboatão

A Prefeitura do Jaboatão dos Guararapes ganhou o prêmio de internacional da Organização das Nações Unidas (ONU) por excelência de gestão do serviço público. A premiação do 2019 United Nations Public Service Awards é dirigida a iniciativas públicas que promovam ações de destaque nas áreas de direitos humanos e erradicação da pobreza. O programa eleito como o melhor do mundo na categoria “Emprego Digno e Crescimento Econômico”, foi o Coleta Seletiva, desenvolvido pela Prefeitura.

A honraria será entregue ao prefeito Anderson Ferreira, durante cerimônia a ser realizada entre os dias 24 e 26 de junho, em Baku, capital do Azerbaijão. O evento reunirá cerca de 450 participantes, entre oficiais de alta patente, ministros, prefeitos, membros da sociedade civil, acadêmicos, representantes da iniciativa privada e organizações internacionais.

A conquista foi comemorada pelo prefeito Anderson Ferreira, que, ao ser informado da notícia, fez questão de ir o galpão onde é realizada a triagem do material coletado, no bairro da Muribeca, e compartilhar o momento com os profissionais que integram o programa. “Quando iniciamos nossa gestão, há pouco mais de dois anos, assumimos um compromisso muito importante, de trabalhar para criar ferramentas que, de fato, tivessem o poder de mudar a vida das pessoas. A conquista de um prêmio tão importante, desse reconhecimento por parte da ONU, deixa claro que estamos no caminho certo, principalmente por ser a primeira vez que Jaboatão dos Guararapes alcança essa honraria”, assinalou o prefeito.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Governo de PE

24/05


2019

Coluna da sexta-feira

Kajuru quer cortar grana da farra

O senador Jorge Kajuru (PSB-GO) botou a mão num vespeiro e arranjou sarna para se coçar: propôs a redução da verba indenizatória anual dos seus colegas de Casa de R$ 5 bilhões para R$ 2,5 bilhões, corte de 50%. Outro senador, Lasier Martins (Podemos-RS), sendo mais realista, se atreve a pedir um corte de 10%, o que representaria uma economia de R$ 500 milhões.

Verba indenizatória é uma excrecência do parlamento brasileiro. A ex-senadora Lúcia Vânia, ex-PSB por Goiás, gastou, por exemplo, R$ 72 mil com aluguéis de jatinhos de Brasília para Goiânia. Outro senador torrou R$ 10 mil com envios de correspondência pelos Correios. Por aí se constata como os políticos torram o dinheiro público, fazem farra com o dinheiro nosso dos impostos.

Se esses R$ 5 bilhões fossem economizados e investidos em saúde certamente os hospitais não seriam, hoje, verdadeiros açougues. Cortar suas próprias gorduras está fora de cogitação no Senado.

Em conflito aberto – Em entrevista, ontem, ao Frente a Frente, o governador Paulo Câmara, ao ser indagado sobre a postura da bancada do PSB na Câmara, que boicotou o café com Bolsonaro, disse que não foi ouvido, mas que entende a posição dos deputados. “Eles têm hoje uma relação muito difícil com o Planalto e não havia ambiente agora para um encontro com o presidente”, afirmou.

Foi convidado – O deputado Fernando Rodolfo (PR), autor de proposta da sessão solene na Câmara dos Deputados pela passagem dos 162 anos de emancipação política de Caruaru, informa que convidou, sim, o deputado estadual José Queiroz (PDT) e o federal Wolney Queiroz (PDT) para o evento. Queiroz nega. Diz que soube da homenagem pela Imprensa.

Livres – Vereador em Belém do São Francisco, Valdir Moreno (PSD) diz que ele e Ana Magalhães (MDB) não estão entre os colegas que podem virar réus por terem votado contra a orientação do TCE pela rejeição das contas do ex-prefeito Gustavo Caribé (PP). “As contas em questão são as de 2010”, diz.

Cenário de Caruaru – Pesquisa divulgada, ontem, no blog do meu amigo Mário Flávio, de Caruaru, aponta uma discreta vantagem da prefeita Raquel Lyra (PSDB) sobre seus principais adversários na busca pela reeleição. Quando o cenário do segundo turno é levantado a tucana perde para José Queiroz (PDT) e Tony Gel (MDB). A aprovação da sua gestão é de 54%.

Moro traído – As contradições dos políticos entre a campanha e o mandato são de deixar qualquer cidadão de queixo caído. É o caso do deputado Fernando Rodolfo (PR), que para se eleger usou a imagem de Sérgio Moro e votou pela transferência do Coaf para a Economia.

ASSERPE – O companheiro Nill Júnior, diretor da Rádio Pajeú, foi eleito, ontem, por aclamação, presidente da Associação das Emissoras de Rádio e Televisão, Asserpe. E tomou posse ontem mesmo numa solenidade bastante concorrida, reunindo donos e dirigentes de rádios de todas as regiões do Estado. Ele sucede ao competente Cléo Niceas.

Perguntar não ofende: Bolsonaro vai trazer dinheiro hoje para o Nordeste?


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

marcos

Blog 247: Recepção calorosa pelo povo de Pernambuco faz o mitose sentir em casa. O nordeste pertence aos brasileiros honestos!

Fernandes

Dado esse histórico, chama atenção o fato de o hospital não ter tomado o cuidado de exigir uma forma de pagamento acima de qualquer suspeita, como cheque ou transferência bancária. Se ficar comprovado que a conta foi paga com grana de origem espúria, o que está sendo investigado no momento, o hospital poderá ser responsabilizado por lavagem de dinheiro

Fernandes

Blog 247: Queiroz meteu o Einstein numa encrenca. O hospital Albert Einstein, no qual o ex-motorista e ex-funcionário de Jair Bolsonaro e de seu filho Flávio, o ex-PM Fabrício Queiroz realizou uma cirurgia de câncer no início do ano – um dos maiores e mais afamados do país - pode ter se metido numa grande encrenca por aceitar de suas mãos pagamento de R$64,5 mil em dinheiro vivo, como se informou hoje. Àquela altura todo o Brasil sabia que Queiroz era suspeito de realizar movimentações bancárias ilícitas e de lavagem de dinheiro, dentre outros crimes praticados no gabinete do deputado estadual Flávio Bolsonaro.

Fernandes

Blog 247: QUEIROZ PAGOU R$ 133,5 MIL EM DINHEIRO VIVO POR TRATAMENTO NO EINSTEIN. Apontado como arrecadador da rachadinha nos salários dos funcionário do clã Bolsonaro, Fabrício Queiroz já pagou R$ 133,58 mil em espécie pelo tratamento que fez no hospital israelita Albert Einstein contra um câncer; foram R$ 64,58 mil pela cirurgia, outros R$ 60 mil para a equipe médica e R$ 9 mil ao oncologista, tudo em dinheiro vivo; na mira do Ministério Público, Fabrício Queiroz teve os sigilos fiscal e bancário quebrados pela Justiça, junto com o senador Flávio Bolsonaro e mais 87 pessoas

Fernandes

BOLSONARO EM PETROLINA: NÃO ESTOU NO NORDESTE. O CARA É BURRO MESMO.KKKK


Congresso Nordestino de Educação Médica

24/05


2019

Bolsonaro hoje em Pernambuco: 1ª viagem ao NE

...como presidente

Presidente cumprirá agendas em Pernambuco (Recife e Petrolina). Nordeste foi a única região na qual Bolsonaro não venceu na eleição de 2018.

Guilherme Mazui, G1 — Brasília

O presidente Jair Bolsonaro fará nesta sexta-feira (23) sua primeira viagem desde a posse, em 1º de janeiro, a um estado do Nordeste. A estreia do presidente na região será em Pernambuco, com agendas nas cidades de Recife e Petrolina.

A agenda do presidente prevê os seguintes compromissos:

  • 10h: Presidente visita o acervo do Instituto Ricardo Brennand;
  • 10h45: Bolsonaro participa em Recife da reunião do conselho deliberativo da Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (Sudene);
  • 14h30: Bolsonaro participa em Petrolina da entrega de unidades do programa habitacional Minha Casa, Minha Vida.
  •  
  • Na quarta-feira (21) passada, Bolsonaro recebeu deputados e senadores da bancada nordestina em um café da manhã no Palácio do Planalto. O encontro serviu de prévia para a viagem. O presidente afirmou aos parlamentares que gostaria de ouvi-los, já que eles conhecem os problemas da população na região.
  •  
  • Os parlamentares, segundo o deputado Júlio César (PSD-PI), solicitaram o fortalecimento de órgãos na região, em especial do Banco do Nordeste, e a conclusão de obras de infraestrutura, como a transposição do Rio São Francisco e a ferrovia Transnordestina.
  •  
  • Para esta sexta, Bolsonaro deverá debater, junto com governadores da região, um plano regional de desenvolvimento do Nordeste (PRDNE). Segundo a Sudene, o plano regional tem previsão de seis eixos estratégicos:
  • Inovação;
  • Desenvolvimento de capacidades humanas;
  • Dinamização e diversificação produtiva;
  • Desenvolvimento social;nservação ambiental;;
  • Desenvolvimento social
  • Desenvolvimento institucional.

Nordeste

O Nordeste foi a única região na qual Bolsonaro não venceu no segundo turno da eleição presidencial de 2018. Na oportunidade, o candidato Fernando Haddad (PT) registrou 69,7% dos votos válidos da região, contra 30,3% de Bolsonaro.

O Nordeste também é a região que, em abril, registrava a maior reprovação ao governo de Bolsonaro. Segundo pesquisa Datafolha divulgada em 7 de abril pelo jornal "Folha de S.Paulo", 39% dos entrevistados avaliaram o governo do presidente com ruim ou péssimo.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


24/05


2019

Nas ruas e redes contra Bolsonaro hoje no Nordeste

 Iva Velloso - Blog os Divergentes

O presidente Jair Bolsonaro desembarca nesta sexta-feira (24) na capital pernambucana para sua primeira vista oficial à Região Nordeste. Será um teste de fogo para Bolsonaro, que perdeu a eleição nos nove estados para o candidato Fernando Haddad (PT) e ainda ostenta uma rejeição de quase 40% na região, a pior avaliação no país.

Apesar da pauta positiva da viagem, os protestos contra a visita do presidente ganharam as ruas e as redes sociais. As hashtags #AquiNão e #NordesteCancelaBolsonaro já tomaram conta da internet e estão nos trendings topics da região.

Estão sendo organizados protestos nas duas cidades visitadas por Bolsonaro. No Recife o protesto será comandado pelos estudantes da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco) em frente ao Instituto Ricardo Brennand, onde vai acontecer a reunião da Sudene.

Já em Petrolina, onde Bolsonaro deverá participar da entrega de casas do programa Minha Casa Minha Vida, os protestos começaram hoje. Manifestantes invadiram a Câmara Municipal para impedir a aprovação de um projeto concedendo a Jair Bolsonaro o título de cidadão petrolinense. A pressão fez efeito e a proposta foi retirada de pauta. O líder do PT no Senado, Humberto Costa, que é pernambucano, comemorou o feito dos manifestantes nas redes sociais. “Bolsonaro dançou”, escreveu.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


24/05


2019

Bolsonaro no NE: tenta articular com governadores

Jair Bolsonaro vai aproveitar o tour pelo Nordeste para tentar convencer os governadores a aderir ao acordo em prol da MP do Saneamento. Ela está pautada para a próxima semana, mas Rodrigo Maia já avisou que não vota se não tiver apoios fechados. As articulações para evitar um rompimento definitivo de diálogo entre o governo e os principais líderes de partidos e de bancadas estão intensas.

Apesar de a MP 870 ter sido aprovada, um dos articuladores do governo relata um “clima muito ruim” como rescaldo das “caneladas” entre Rodrigo Maia e os interlocutores de Jair Bolsonaro.

Diante das tensas relações do governo com as instituições, a oposição sonha criar uma agenda conjunta e buscar apoios em forças da sociedade. Vai procurar o STF, a OAB, a CNBB, movimentos sociais e também acadêmicos.  (Coluna do Estadão)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

ArcoVerde

24/05


2019

Globo responde a Lula: prestigia Chico Buarque sim

Mônica Bergamo - Folha de S.Paulo

A TV Globo fez um levantamento para mostrar que Chico Buarque já apareceu “incontáveis” vezes em seus telejornais. Os dados foram reunidos em resposta a declarações do ex-presidente Lula. Na quarta (22), Lula enviou carta ao artista dizendo que ficou feliz ao ver a notícia de que ele ganhara o Prêmio Camões. “Mas [fiquei] muito mais feliz porque a Globo teve que colocar você no ar em horário nobre, pela primeira vez vi sua cara na Globo”.

De acordo com o levantamento, desde 2010 Chico Buarque já apareceu nove vezes no Jornal Nacional, quatro no Fantástico, dez em telejornais do Rio, cinco no Bom Dia Brasil e sete no Jornal da Globo.

Em algumas delas, Chico apareceu apoiando o movimento Lula Livre, a candidatura de Fernando Haddad a presidente, em atos contra o impeachment de Dilma Rousseff e em homenagens à vereadora Marielle Franco.  “Chico Buarque sempre mereceu e merecerá toda a atenção e respeito da TV Globo, pelo que representa para a cultura brasileira”, diz a emissora.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Asfaltos

24/05


2019

Focada em inteligência, PF finaliza substituições

Hoje, assume em Pernambuco Carlos Henrique de Souza

Coluna do Estadão – Alberto Bombig

O diretor-geral da Polícia FederalMaurício Valeixo, conclui até o início de junho as substituições nas superintendências da corporação. Com as trocas, consolida uma gestão de perfil focado em inteligência. O escolhido para o Ceará, Dennis Cali, coordenou a Operação Hashtag, de combate ao terrorismo na Olimpíada. Hoje, assume em Pernambuco Carlos Henrique de Souza, o número 2 no Rio (também atuou nos Jogos).

No Pará, Valeixo promoveu Wellington Santiago, que participou do inquérito envolvendo os irmãos Wesley e Joesley Batista. A delegada Mariana Paranhos Calderon será designada para o Piauí. Haverá substituições ainda em Santa Catarina e Goiás.

Será publicada hoje no Diário Oficial da União a convocação dos 1.037 excedentes do último concurso da Polícia Federal. Foi um dos compromissos de Sérgio Moro para os primeiros cem dias de governo Jair Bolsonaro.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


24/05


2019

PT adverte: mobilização não deve ser subestimada

'Eles não têm a mesma força da época do impeachment da Dilma e nem da eleição de 2018. Mas têm base e máquina', diz Gleisi

Mônica Bergamo - Folha de S.Paulo

O PT e outros setores da oposição dizem que a capacidade de mobilização de apoiadores de Bolsonaro, que convocaram para o domingo (26) manifestações de apoio a ele, não deve ser subestimada. “Eles não têm a mesma força da época do impeachment da Dilma [Rousseff] e nem da eleição de 2018. Mas têm base e máquina”, diz a deputada Gleisi Hoffmann, presidente do PT. Ela afirma que a oposição deve entrar na disputa política e mostrar que as bandeiras do movimento de domingo, como a reforma da Previdência, são de “apoio à subtração de direitos do povo pobre do Brasil”. 

Guilherme Boulos, do PSOL, tem análise semelhante. “O bolsonarismo está usando sua máquina nas redes para mobilizar. Bolsonaro se elegeu usando a máscara anti-sistema e agora tenta governar mobilizando o mesmo sentimento”. Afirma ainda que a estratégia pode funcionar “para seus apoiadores na rua. Mas gera contradição com sua agenda, que é totalmente pró-sistema e depende do parlamento para passar”.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

BM4 Marketing