Governo de PE

06/01


2012

Blogueira cubana pede apoio a Dilma para vir ao Brasil

 A blogueira Yoani Sanchez (foto), dissidente cubana que ficou conhecida no mundo inteiro por suas críticas ao regime comunista fundado em 1959 pelo ex-ditador Fidel Castro, fez um apelo à presidente Dilma Housseff para ajudá-la a deixar a ilha. Sem obter autorização do governo comunista para viajar ao exterior desde 2004, Sanchéz postou no YouTube um vídeo no qual pede a Dilma para intervir junto às autoridades cubanas.

''Por favor, interceda por mim. Já fiz tudo o que está a meu alcance. O muro do controle, o muro da censura, o muro que me impede de viajar livremente e retornar à minha ilha parece não se mover. Ajude-me, por favor”, pede a blogueira à presidente Dilma.
Além disso, Yoani Sánchez, que também é jornalista, refere-se no vídeo ao passado de Dilma durante a ditadura militar, quando a presidente foi presa e torturada por participar de movimentos de esquerda.

''Sei muito bem que ela (Dilma) sentiu na própria carne o que é a desproporção de poder entre um governo e um indivíduo, o que é o controle excessivo, a repressão. Então gostaria de apelar precisamente a este conhecimento histórico e pessoal que (ela) tem, de algo parecido com o que estou vivendo''.

Segundo ela, esta é a 19ª vez que tenta conseguir autorização para viajar de Cuba para o exterior. Em todas as dezoito tentativas anteriores, Sánchez teve sua autorização negada. A dissidente ganhou notoriedade mundial a partir do seu blog, Generación Y, no qual comenta a situação política no país governado desde 2008 pelo presidente Raúl Castro, irmão de Fidel, e faz duras críticas aos dirigentes.

Confira abaixo o vídeo com o apelo de Yoani Sánchez: 


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Wellington Jorge Pires Pereira

Os parasitas dos PTralhas e do Partiodo comunista Brasileiro defendem o regime de Fidel!!!

Wellington Jorge Pires Pereira

Isso é que é regime, ainda tem gente que defende!!!

JANDILSON DE ALBUQUERQUE CORDEIRO

Ei Amiga se depender da DILMA, DO LULA, pode perder as esperamças, quando não era poder, eles eram contra a ditadura, hoje são poder e são a favor da ditadura. da maneira deles, lembra quando lula foi a CUBA?APOIOU TOTALMENTE O REGIME. JANDILSON


Prefeitura do cabo

06/01


2012

No governo Dilma Ciro tocaria fogo no circo

Lembrando o passado de Ciro Gomes, que até pouco tempo falava cobras e lagartos de Michel Temer e do PMDB, Lúcio Vieira Lima ironiza os rumores de uma possível nomeação de Ciro para o lugar de Aloizio Mercadante no Ministério da Ciência e Tecnologia:
– Imagine a Dilma viajando e o Temer tendo que despachar com o Ciro? (Lauro Jardim - Veja)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

lino perrelli

Ciro Gomes, é um invejoso que não deu certo...!


Detran

06/01


2012

No DNA: banda do DEM quer aderir ao governo Dilma

 Depois de ter perdido 17 deputados para o PSD, os líderes do DEM estão enfrentando outro problema político no partido, segundo Ilimar Franco, na Folha de S.Paulo. Há um grupo de parlamentares, cuja vocação é irrigar as bases com verbas, que gostaria de aderir ao governo. O PSB por sua vez, segundo ainda Ilimar, não quer nem ouvir falar em assumir o Ministério de Ciência e Tecnologia. Os socialistas preferem manter as pastas de Integração Nacional, da cota do governador Eduardo Campos (PE) e Portos, do grupo de Ciro Gomes.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Magno coloca pimenta folha

06/01


2012

PSB articula para levar Eduardo à eleição presidencial

 Sob o comando do governador Eduardo Campos (PE), o PSB traçou estratégia pragmática para ampliar sua inserção no Sul e no Sudeste na eleição municipal deste ano. Com o objetivo de se projetar como uma das principais forças políticas do País, o partido pretende fechar um arco de alianças que vai do PT ao PSDB, a depender do cenário eleitoral. Apontado como um dos nomes que podem um dia disputar a eleição presidencial, Campos, presidente da legenda, quer ampliar de 314 para 500 o número de prefeituras administradas pelo PSB - em 2004 o partido conquistou apenas 176 cidades.

A inserção nacional do partido, se bem-sucedida, dará combustível político para o governador, cotado para ser vice numa eventual chapa de Dilma Rousseff em 2014. Ele também é apontado como um dos candidatos potenciais para concorrer ao Palácio do Planalto em 2018.

Campos costurou rede de prefeituras pelo Nordeste, ajudado pelo PT do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva: 205 das 314 prefeituras ficam na região.A maior parte está em Pernambuco. Lá, o partido comanda 49 dos 185 municípios. No Rio Grande do Norte, o desempenho é semelhante: 44 dos 167 prefeitos são filiados à sigla.(Informações de O Estado de S.Paulo)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

BARTOLOMEU BUENO JOSE DE ALBUQUERQUE LINS

O PSB é um partido que tem amealhado pessoas de alto gabarito no meio político. Eduardo tem tornado essa agremiação uma legiaão de homens de boa vontade e com grande capacidade de gestão da coisa pública. Ele trabalha com a formação de quadros da melhor qualidade.



06/01


2012

PCdoB: o último comunista puro, ou o paraíso na terra

 Esqueça o que você leu sobre o ditador cruel, totalitário e responsável pela morte de 3 milhões de pessoas vítimas da fome em plenos anos 90. Para o PC do B, Kim Jong-il (1941-2011) fez da Coreia do Norte um país saudável, limpo e bem-educado -- e o resto é propaganda facciosa contra o socialismo. Em conversa com o blog há poucos dias, o presidente do partido, Renato Rabelo, prometeu manter o apoio ao regime norte-coreano, um dos mais fechados do mundo. Ele desdenhou das críticas que tem recebido desde o último dia 19, quando divulgou nota de pesar pela morte do "Querido Líder".  (Blog Presidente 40 - Bernardo de Melo Franco)


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Comentários

Lucidio de Figueiredo Galvão Júnior

Deveria dar uma passagem só de ida para os comunas de Olinda, Renildo e sua trupe e livrar nossa cidade deste encosto.

Arnaldo Amaral

Os comunas do b. não têm cura: apoiam viseiralmente os mais diabólicos homicidas políticos da história da humanidade. Sob Stálin foram assassinados cerca de 40 milhões de soviéticos. Mao liquidou 50 milhões de chineses. Pol Pot matou 20 milhões de cambojanos. Os castro de Cuba, 100 mil cubanos...

EDSON COSTA DE SIQUEIRA

Na verdade,o PCdB contando com figuras como Orlando Silva e Netinho de Paula, dentre outros, nada mais normal do que o que afirmou Rabelo.


Prefeitura de Limoeiro

06/01


2012

Deputado quer deter boicote de rádios à Voz do Brasil

 O deputado federal Pastor Marco Feliciano (PSC-SP) está preocupado com o boicote da "Voz do Brasil" em algumas emissoras de rádio. O parlamentar propôs um projeto de lei na Câmara (2495/11) que impede os radiodifusores de reduzir a potência de transmissão de suas emissoras durante a apresentação do programa. Acontece que a "Voz do Brasil" fica inaudível em algumas estações graças à redução na potência.
Voz do interior.
Para o parlamentar, as emissoras desrespeitam os ouvintes das cidades do interior que, em muitos casos, tem acesso às notícias nacionais apenas pela "Voz do Brasil".

"Esses radiodifusores, que pouco apreço têm por um elemento tão importante da nossa cultura, aproveitam-se de uma brecha legal, já que inexiste hoje qualquer dispositivo que impeça essa diminuição de potência", apontou Marco Feliciano.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha

Banner de Arcoverde

06/01


2012

E continua a farra bem remunerada dos suplentes

 Essa ''''grande novidade'''' quem conta é Lauro Jardim, na sua coluna da VEJA: ''''O suplente Reditário Cassol (PP-RO), pai do senador Ivo Cassol (PP-RO), assumiu o mandato por quatro meses em 2011 e gastou R$ 92.104 com "divulgação do mandato parlamentar". Seu feito de maior destaque foi ter defendido, na tribuna do Senado, para escândalo geral, o uso de chicote para presos que se recusam a trabalhar. Já o suplente Ataídes Oliveira (PSDB-TO) também exerceu o mandato do titular, o senador João Ribeiro (PR-TO), por quatro meses, e gastou R$ 16.542 com publicidade. Oliveira ganhou os holofotes por ter retirado sua assinatura do requerimento de criação da CPI do Dnit, inviabilizando a iniciativa da oposição.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


06/01


2012

Mesmo de férias, Eliana treina para enfrentar as feras

Mesmo de férias em Salvador, Eliana Calmon já começou a redigir sua defesa em dois delicados casos que a envolvem: a liminar dada por Ricardo Lewandowski para suspender as investigações tocadas pelo CNJ contra magistrados e servidores em todo o país e a representação movida pelas entidades de classe que a acusou de quebra de sigilo fiscal e bancário dos juízes. A informação é de Lauro Jardim, na Veja que acrescenta: ''''Calmon só vai entregar as respostas, sigilosas, segundo ela, na volta do recesso do Judiciário.''''


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha


06/01


2012

Dilma visita 11 países este ano, mas não irá a Davos

DO BLOG DE CHRISTINA LEMOS

 A agenda preliminar de viagens internacionais da presidente Dilma Rousseff já traz a previsão de treze visitas a 11 diferentes países, e confirma que, pela segunda vez consecutiva, ela não comparecerá à reunião do World Economic Forum, em Davos, na Suíça, que acontece em meados deste mês. O encontro, que reúne líderes capitalistas de todo o planeta e é considerado uma espécie de vitrine para personalidades e chefes de estado, tem como contraponto o Fórum Social Mundial, que congrega diversas tribos do universo alternativo e de esquerda. Lula inaugurou seu governo, em 2003, causando espanto ao aceitar viajar a Davos. Era preciso mostrar ao mundo que ele não romperia contratos, respeitaria regras da economia sem intervenções recessivas do Estado e, que, afinal, não havia motivo para temê-lo. Dilma tem ignorado a importância do Forum e se concentrado nas questões internas.

Entre as viagens internacionais mais importantes deste ano, Dilma deverá ir aos Estados Unidos duas vezes, uma em março e outra em setembro. No final de março, a presidente deve comparecer à IV Cúpula dos Brics, em Nova Deli, na Índia – fórum prioritário para a política externa brasileira, por causa das parcerias estratégicas com China e Índia. Há ainda a possibilidade de uma primeira visita de Dilma como presidente à Cuba, o que poderia ocorrer no início de fevereiro, mas ainda não há confirmação. Os demais países que constam da agenda presidencial em 2012 são: Haiti, Alemanha, México, Argentina, Chile, Peru, Espanha e Ucrânia.


Faça Login para comentar


Email
Cadastre-se
Esqueci minha senha